Israel e a criação do Estado Palestino

Categoria (Gogue e Magogue) por Geração Maranata em 09-03-2011

Tag: , ,



por Geração Maranata

Atualizado em 17/03/2014

Estamos cada vez mais vendo as profecias se cumprindo.  A Bíblia afirmou em Zacarias que Jerusalém seria um "cálice de tontear e um peso para todos os povos". Toda semana Jerusalém é notícia em jornais, revistas, tvs, etc.

Acredito que somos a geração que verá as profecias finais se cumprirem. Não quero entrar no mérito se estaremos aqui para ver tudo acontecer ou não.   Temos estudos abordando várias teorias neste sentido.

O importante é estar preparado para "ser digno de estar diante do Trono e do Cordeiro" (ver Ap 7:9 e comparar com Lc 21:36), seja antes, durante ou após a Tribulação.

Qual é a questão sobre a possível criação do Estado Palestino? a divisão de Jerusalém.

Em 1980, uma lei israelita declarou Jerusalém como capital eterna e indivísivel de Israel. Porém a ocupação de Jerusalém Oriental é considerada ilegal do ponto de vista do direito internacional e na época foi condenada por uma resolução das Nações Unidas.

A maioria dos países não reconhecem Jerusalém (a parte Oriental) como parte da capital de Israel. A Inglaterra, por exemplo, não reconhece a anexação de Jerusalém em 1967 e mantém apenas um consulado na cidade, que não se relaciona com o governo de Israel. A Bolívia e o Paraguai mantém suas representações em um subúrbio de Jerusalém – Mevasseret Zion. Costa Rica e El Salvador eram os únicos países que tinham embaixadas em Jerusalém, no entanto, em Agosto de 2006, o presidente da Costa Rica declarou sua intenção de transferí-la para Tel-Aviv e El Salvador fez o mesmo nove dias depois.

Em seu início de governo, Barack Obama declarou em um de seus discurso que iria trabalhar pela existência de um Estado palestino que conviva pacificamente com Israel.  "Deixe-me ser claro: a segurança de Israel é sacrossanta. É não-negociável. Os palestinos precisam de um Estado que seja contíguo e coeso, e que lhes permita prosperar. Mas qualquer acordo com o povo palestino deve preservar a identidade de Israel como Estado judeu, com fronteiras seguras, reconhecidas e defensáveis" disse Obama e acrescentou que  "Jerusalém continuará como capital de Israel, e deve permanecer sem ser dividida".

Em Setembro de 2010, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, através de um assessor, afirmou que Jerusalém deverá continuar sendo a "capital indivisível de Israel", esclarecendo a postura de Israel depois das declarações de seu ministro da Defesa, Ehud Barak, que sugeriu que a divisão era uma possibilidade. Barak sugeriu que Jerusalém Oeste e 12 bairros judeus, onde vivem 200 mil pessoas, permaneceriam sob o domínio de Israel e os bairros árabes, onde vivem cerca 250 mil pessoas, poderiam pertencer ao Estado Palestino.
Netanyahu e o presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas junto com o presidente americano Barack Obama, estão se aproximando para tentar uma negociação de paz.
 

 

Uma análise dos países de Ezequiel 38:

"Filho do homem, dirige o teu rosto contra Gogue, terra de Magogue, príncipe e chefe de Meseque, e Tubal, e profetiza contra ele. E dize: Assim diz o Senhor DEUS: Eis que eu sou contra ti, ó Gogue, príncipe e chefe de Meseque e de Tubal; E te farei voltar, e porei anzóis nos teus queixos, e te levarei a ti, com todo o teu exército, cavalos e cavaleiros, todos vestidos com primor, grande multidão, com escudo e rodela, manejando todos a espada; Persas, etíopes, e os de Pute com eles, todos com escudo e capacete; Gomer e todas as suas tropas; a casa de Togarma, do extremo norte, e todas as suas tropas, muitos povos contigo." (Ez 38:2-6)

"Sebá e Dedã, e os mercadores de Társis, e todos os seus leõezinhos te dirão: Vens tu para tomar o despojo? Ajuntaste a tua multidão para arrebatar a tua presa? Para levar a prata e o ouro, para tomar o gado e os bens, para saquear o grande despojo?" (Ez 38:13)

Filhos de Noé

1) Os filhos de Jafé são: Gomer, Magogue, Madai, Javã, Tubal, Meseque e Tiras

Filhos de Jafé: Esta expressão designa os povos situados ao norte e a nordeste do território ocupado pelos semitas. A expressão hebraica filho de… não se refere somente à filiação em sentido estrito, mas também pode designar a filiação a um grupo ou a uma categoria. Este versículo menciona os Cimérios (Gomer) da região do Cáucaso, os Lídios (Magogue) da Ásia Menor, os Medos (Madai) da região montanhosa a noroeste do Irã, os Gregos da Jônia (Javã), na costa ocidental da Ásia Menor e ainda povos que habitavam a região do mar Negro (Tubal e Meseque). Tiras, provavelmente, seja o nome bíblico dos Tirrenos, piratas do mar Egeu e antepassados dos Etruscos.

2) Os filhos de Gomer são: Asquenaz, Rifate e Togarma

Asquenaz: São os Citas, que, desde a costa do mar Negro, se expandiram para várias regiões da Ásia Menor e do Oriente Próximo. Rifate: Povo ainda não identificado. Togarma: A oeste da Armênia.

3) Os de Javã são: Elisá, Társis, Quitim e Dodanim

Elisá: Na costa oriental de Chipre (Ez 27.7). Társis: (Sl 48.7). Quitim: A ilha de Chipre e outras ilhas e costas do Mediterrâneo oriental (Ez 27.6). Dodanim: Ou Rodanim, nome que designa os habitantes da ilha de Rodes, no mar Egeu.

4) Os filhos de Cam: Cuxe, Mizraim, Pute e Canaã.

Cuxe, Mizraim, e Pute: Etiópia, Egito e o território da costa africana ao sul do mar Vermelho. Canaã é mencionado aqui por ter estado muito tempo sob o domínio egípcio. Os filhos de Cam: Os povos situados ao sul da Palestina e do território habitado pelos filhos de Sem.

5) Os filhos de Cuxe: Sebá, Havilá, Sabtá, Raamá e Sabtecá; e os filhos de Raamá: Sabá e Dedã.

Sebá: Ver Sl 72.10. Havilá: Região da Arábia. Sabtá, Raamá e Sabtecá: Ao sul da Arábia, em direção ao Iêmen. Dedã: A noroeste da Arábia.

 

Gogue = significa “montanha” – príncipe profético de Rôs, Meseque e Tubal, e Magogue, rei da terra de Magogue que virá do norte e atacará a terra de Israel.

Magogue – provavelmente se entende serem os Cítios ou Tártaros, assim chamados pelos escritores árabes e sírios, e especialmente os turcos, que se originaram de Tártaro.

Magogue é a “terra de Gogue”:

1) o segundo filho de Jafé, neto de Noé, e progenitor de diversas tribos ao norte de Israel.

2) a região montanhosa entre a Capadócia e a Média e habitação dos descendentes de Magogue, filho de Jafé e neto de Noé.

Magogue significa: "o que transcende, encobre”

1) região ao norte de Israel da qual o rei de Gogue virá para atacar a Israel

Meseque = significa “escolhido”

1) filho de Jafé, neto de Noé, e progenitor dos povos do norte de Israel

1a) descendentes de Meseque freqüentemente são mencionados em conexão com Tubal, Magogue, e outras nações do norte incluindo os Moschi, um povo localizado nas fronteiras da Cólquida e Armênia

Tubal = significa “tu serás trazido”

1) filho de Jafé e neto de Noé

2) uma região na parte oriental da Ásia Menor

2a) talvez quase idêntica à Capadócia

Tubalcaim - significa "Aquele Que Faz Forjas" – artífice que trabalhou com bronze e ferro (Gn 4.22).

Persas - País hoje chamado de Irã

Etíopes/CuxePaís que ficava ao sul do Egito e que incluía a Núbia, o Sudão e o norte da Etiópia dos tempos modernos. Em hebraico esse país se chamava Cuxe, nome de um dos filhos de CAM. Israel teve alguns contatos com a Etiópia (Nm 12.1; 2Cr 12.3; 14.9-13; 2Rs 19.9). Os profetas a mencionaram (Is 11.11;18.1; 20.3-5; Jr 46.9; Ez 29.10; 30.4-9; Na 3.9; Sf 3.10). No NT relata-se o batismo de um alto funcionário da Etiópia (At 8.26-40).

Pute - Líbia  (Pute e os líbios) – nação e povo da África do Norte; provavelmente os Líbios, país localizado no norte da África, a oeste do Egito (Na 3.9; At 2.10)

Gomer = significa “completo”

1) o filho mais velho de Jafé e neto de Noé; o progenitor dos antigos cimerianos e outros ramos da família céltica

2) a esposa infiel do profeta Oséias; o relacionamento de Oséias com ela era um simbolismo do relacionamento de Deus com a desobediente Israel

Togarma = significa “tu a quebrarás”

1) filho de Gômer, neto de Jafé, e bisneto de Noé

2) território ocupado pelos descendentes de Togarma

2a) provavelmente a região conhecida como Armênia

Rôs = significa “cabeça”

1) um filho de Benjamim

2) Russos, descendentes dos antigos habitantes junto ao rio Araxes

 

Conclusão
Zacararias, em sua profecia, afirmou que todos os povos que vierem contra Jerusalém, sofrerão conseqüências.  Como Cristãos devemos orar pela Paz em Israel e pedir misericórdia a Deus sobre o nosso país.
 
"Eis que eu farei de Jerusalém um cálice de tontear para todos os povos em redor e também para Judá, durante o sítio contra Jerusalém.
 
Naquele dia, farei de Jerusalém uma pedra pesada para todos os povos; todos os que a erguerem se ferirão gravemente; e, contra ela, se ajuntarão todas as nações da terra.
 
Naquele dia, porei os chefes de Judá como um braseiro ardente debaixo da lenha e como uma tocha entre a palha; eles devorarão, à direita e à esquerda, a todos os povos em redor, e Jerusalém será habitada outra vez no seu próprio lugar, em Jerusalém mesma.
 
Naquele dia, o SENHOR protegerá os habitantes de Jerusalém; e o mais fraco dentre eles, naquele dia, será como Davi, e a casa de Davi será como Deus, como o Anjo do SENHOR diante deles.
 
Naquele dia, procurarei destruir todas as nações que vierem contra Jerusalém (Zac 12: 2-3,6–9)
 

Fontes:

www.haaretz.com/print-edition/news/palestinian-pm-to-haaretz-we-will-have-a-state-next-year-1.283802

www.noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2010/09/01/assessor-de-netanyahu-jerusalem-e-capital-indivisivel-de-israel.jhtm

www.noticias.uol.com.br/ultnot/reuters/2008/06/04/ult27u66258.jhtm

www.jb.com.br

www.noticias.terra.com.br/mundo

www.bbc.co.uk

www.veja.abril.com.br/tag/onu/

www.colunas.epoca.globo.com

 

Leia também:

Comentarios:

Início | Download | Links | Contato
Misso Portas Abertas JMM ANEM
Destino Final Heart Cry Jocum Missao Total Missao Total Projeto Paraguai