Refutação Bíblica ao Método de Interpretação Alegórica

Categoria (Métodos de Interpretação Profética) por Geração Maranata em 02-05-2011

Tag:



por Geração Maranata

O presente artigo, de autoria do Prof José Nunes, faz uma análise bíblica a respeito do método de interpretação alegórica das Escrituras, adotado por muitos seminários liberais.

O Idealismo é o principal representante desse método.

Trata-se de uma interpretação, principalmente do Livro do Apocalipse, que está baseada em alegoria e símbolos não-literais.

A escola Idealista considera o Apocalipse um simbolismo da luta constante entre o Bem e o Mal e entre o Cristianismo e o Paganismo. Ela afirma que os símbolos não podem ser identificados como acontecimentos históricos no passado ou no futuro, pois são simplesmente tendências ou idéias.

"Compreendemos agora o que a palavra Apocalipse (Revelação) não significa uma revelação dos mistérios futuros do fim do mundo, do milênio ou do dia do juízo. Tampouco significa primariamente uma revelação das glorias do céu ou da beatitude dos remidos. Denota, antes, uma revelação do Deus infinito, poderoso para salvar; um descortinar, para consolo e inspiração do povo de Deus, o poder avassalador de um salvador onipotente." (Raymond Calkins)

 

por José Nunes Rodrigues Filho

"A abordagem não-literal da profecia raramente é adotada por conservadores e evangélicos atuais. Muitos liberais, que não crêem em um Deus sobrenatural que pode prever o futuro, apóiam esse ponto-de-vista por seu potencial de fazer com que o texto diga virtualmente qualquer coisa."

O texto citado deve ser analisado à luz de duas passagens Bíblicas:

A mensagem do Apóstolo Tiago trazendo uma advertência!

“Meus irmãos, não vos torneis, muitos de vós, mestres, sabendo que havemos de receber maior juízo.” (Tiago 3:1)

Outra mensagem do Apóstolo Pedro que revela as conseqüências!

“Assim como, no meio do povo, surgiram falsos profetas, assim também haverá entre vós falsos mestres, os quais introduzirão, dissimuladamente, heresias destruidoras, até ao ponto de renegarem o Soberano Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição.”  (2 Pedro 2:1)

 

Dito isto, eu fico perplexo com o grau de ignorância de certos pseudo-teólogos, que se atrevem a ensinar coisas que eles mesmos não crêem a ponto de afirmarem que "Deus não pode prever o futuro".

“Porque dois males cometeu o meu povo: a mim me deixaram, o manancial de águas vivas, e cavaram cisternas, cisternas rotas, que não retêm as águas.” (Jeremias 2:13)

Enquanto escrevo, sinto vontade de chorar, como já o fiz ao ver a gravidade e do mal que esses pseudos-seminários liberais fazem ao doutrinar seus teólogos; e da gravidade e dano que estão causando à Igreja de Nosso Senhor Jesus, tanto na Fé genuína e pura, quanto na credibilidade da Infalível Palavra de Deus.

Se… Deus não conhece o futuro, como pôde então dizer que o Salvador viria da semente da mulher (Gênesis 3:15 )?!

Como pôde Enoque, o sétimo homem depois de Adão, ter visto a futura vinda de Cristo para julgar e governar o mundo (Judas 1:14 e 19)?!

Esta profecia, para infelicidade e por ironia, cumpre-se sobre eles mesmos por não temerem a Deus, pois negam Sua Palavra e ainda ensinam a outros. Eles mesmos não estão aptos para entrar no Reino de Deus, destroem a Fé dos que estão no Caminho e impedem os que querem entrar.

Conforme Jesus disse:

“Ai de vós, intérpretes da Lei! Porque tomastes a chave da ciência; contudo, vós mesmos não entrastes e impedistes os que estavam entrando.” (Lucas 11:52)

Se Deus não conhece o futuro, o que se pode dizer da revelação que Ele deu a Abraão, que sua descendência seria peregrina no Egito (Gênesis 15:13)?!

Os sonhos de José, os de Faraó e a libertação por meio de Moisés?!

Da revelação antecipada da destruição de Sodoma e Gomorra:  “Disse o SENHOR: Ocultarei a Abraão o que estou para fazer? (Gênesis 18:17)”, visto que Abraão certamente viria a ser uma grande e poderosa nação, e nele serão benditas todas as nações da terra?

O que dizer então de uma revelação como está dita por Eliú:

“Pelo contrário, Deus fala de um modo, sim, de dois modos, mas o homem não atenta para isso.

Em sonho ou em visão de noite, quando cai sono profundo sobre os homens, quando adormecem na cama, então, lhes abre os ouvidos e lhes sela a sua instrução, para apartar o homem do seu desígnio e livrá-lo da soberba; para guardar a sua alma da cova e a sua vida de passar pela espada.” (Jó 33:14-18)

Quando Rebeca achou-se grávida de gêmeos, consultou a Deus e Ele lhe disse:

"Respondeu-lhe o SENHOR: Duas nações há no teu ventre, dois povos, nascidos de ti, se dividirão: um povo será mais forte que o outro, e o mais velho servirá ao mais moço." (Gênesis 25:23)

Quando Jeremias disse que era uma criança…

“Antes que eu te formasse no ventre materno, eu te conheci, e, antes que saísses da madre, te consagrei, e te constituí profeta às nações.” (Jeremias 1:5)

Quando Daniel precisava saber o que Nabucodonosor sonhara, Deus lhe revelou e Daniel agradeceu:

“Ele revela o profundo e o escondido; conhece o que está em trevas, e com ele mora a luz.” (Daniel 2:22)

Adverte aqueles que tentam esconder-se dEle…

“Ai dos que escondem profundamente o seu propósito do SENHOR, e as suas próprias obras fazem às escuras, e dizem: Quem nos vê? Quem nos conhece?” (Isaías 29:15)

“Eis que as primeiras predições já se cumpriram, e novas coisas eu vos anuncio; e, antes que sucedam, eu vo-las farei ouvir que desde o princípio anuncio o que há de acontecer e desde a antiguidade, as coisas que ainda não sucederam; que digo: o meu conselho permanecerá de pé, farei toda a minha vontade.”  (Isaías 42:9-10)

Então quando chega Jesus, Ele fala a respeito da traição e Judas…

“Pois o Filho do Homem vai, como está escrito a seu respeito; mas ai daquele por intermédio de quem o Filho do Homem está sendo traído! Melhor lhe fora não haver nascido!” (Marcos 14:21)

Jacó, no leito da morte, chama seus filhos e abençoa um por um, falando-lhes palavras proféticas, inclusive que de Judá viria o Salvador e séculos mais tarde Zacarias confirma a mesma palavra:

“O cetro não se arredará de Judá, nem o bastão de entre seus pés, até que venha Siló; e a ele obedecerão os povos. Ele amarrará o seu jumentinho à vide e o filho da sua jumenta, à videira mais excelente; lavará as suas vestes no vinho e a sua capa, em sangue de uvas.” (Gênesis 49:10-11)

“Alegra-te muito, ó filha de Sião; exulta, ó filha de Jerusalém: eis aí te vem o teu Rei, justo e salvador, humilde, montado em jumento, num jumentinho, cria de jumenta.” (Zacarias 9:9)

“Trouxeram a jumenta e o jumentinho. Então, puseram em cima deles as suas vestes, e sobre elas Jesus montou. (Mateus 21:7)

Antes da palavra sair da boca…  “Ainda a palavra me não chegou à língua, e tu, SENHOR, já a conheces toda.” (Salmos 139:4)

Deus conhece os resultados de uma prova, sem que ela tenha passado:

“Tu, Cafarnaum, elevar-te-ás, porventura, até ao céu? Descerás até ao inferno; porque, se em Sodoma se tivessem operado os milagres que em ti se fizeram, teria ela permanecido até ao dia de hoje.” (Mateus 11:23)

Enfim!

Poderia enumerar centenas de outros textos da Palavra de Deus, mas esses já são suficientes para revelar o grau de loucura em que chegou a "Teologia Liberal", que na verdade é Apostasia Explícita, disfarçada de "visão" e que na verdade é uma cegueira mortal, pois Jesus afirmou que…

Vós sois do diabo, que é vosso pai, e quereis satisfazer-lhe os desejos. Ele foi homicida desde o princípio e jamais se firmou na verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira. “ (João 8:44)

Pois…

“… na esperança da vida eterna que o Deus que não pode mentir prometeu antes dos tempos eternos.” (Tito 1:2)

“… para que, mediante duas coisas imutáveis, nas quais é impossível que Deus minta, forte alento tenhamos nós que já corremos para o refúgio, a fim de lançar mão da esperança proposta; (Hebreus 6:18)

E…

“Quem não é por mim é contra mim; e quem comigo não ajunta espalha.” (Lucas 11:23)

Torna-se URGENTÍSSIMO voltar-se à Palavra de Deus:

Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade. (João 17:17)

Pois disse Deus:

"Disse-me o SENHOR: Viste bem, porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir." (Jeremias 1:12)

“Assim será a palavra que sair da minha boca: não voltará para mim vazia, mas fará o que me apraz e prosperará naquilo para que a designei." (Isaías 55:11)

Portanto…

“… e, se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida, da cidade santa e das coisas que se acham escritas neste livro. (Apocalipse 22:19)

Maranata !

José Nunes Rodrigues Filho (PIB em Florianópolis–SC) é Professor de Velho Testamento e Escatologia e colunista do blog Geração Maranata

**Geração Maranata** Se for copiar cite a Fonte!

Leia também:

Comentarios:

Post a comment

Início | Download | Links | Contato
Misso Portas Abertas JMM ANEM
Destino Final Heart Cry Jocum Missao Total Missao Total Projeto Paraguai