Geração João Batista: Voz que clama no deserto

Filed Under (Artigos, Segunda Vinda de Jesus) by Geração Maranata on 28-03-2012

Tag: ,

Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor… (João 1:23)

 

João Batista, filho do sacerdote Zacarias e de Isabel, que era prima de Maria (mãe de Jesus), nasceu com a missão de anunciar a vinda do Messias e preparar o caminho de Jesus:  “Eu não sou o Cristo, mas sou aquele que foi enviado adiante dele.” (João 3.28)

O tempo de João Batista era caracterizado pelo declínio moral e espiritual, por isso sua pregação impactava tanto, pois ela confrontava o pecado do povo.  Os religiosos também eram confrontados por sua hipocrisia e legalismo. Até o governo da época, exercido pelo rei Herodes, não ficou impune.

João Batista, sozinho, enfrentou todo o reino espiritual das trevas causando um alvoroço na religião da época, trazendo o povo ao arrependimento preparando para a chegada do Messias.

Sobre Joao Batista o Senhor Jesus disse: "Em verdade vos digo que, entre os que de mulher têm nascido, não apareceu alguém maior do que João o Batista" (Mateus 11:11)

O cenário mundial para o retorno do Senhor será semelhante a época da primeira vinda de Jesus, e assim como João Batista, que surgiu neste cenário e cumpriu sua missão anunciando e preparando a chegada de Jesus, também haverá uma "geração João Batista" dos últimos dias; acredito que nós seremos essa Geração, que terá o privilégio e a honra de anunciar e preparar o retorno do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo!

 

Voz que Clama no Deserto

Em meio a tantos escândalos, tanta vergonha e desonra no meio evangélico, uma Geração se levantará: o exército que Deus tem preparado para esses últimos dias. 

João Batista vivia no deserto, se vestia de pelo de camelo, comia gafanhotos e mel silvestre; ele era diferente, se sobressaía entre os demais, como muitos gostam de dizer: ele era "radical".

Nós só iremos impactar esse mundo com nossa pregação, sendo diferentes como João Batista. Não é possível treinar o espírito para a batalha, vivendo e se dedicando às distrações desse mundo.

É no deserto que aprendemos a nos livrar de tudo que nos distrai e do amor ao mundo!

Essa Geração será forjada e preparada para batalha, consagrada para denunciar o pecado, viverá a santidade e pregará o arrependimento e a salvação em Cristo Jesus.

Dessa forma iremos cumprir, à semelhança de João Batista, o que esta escrito em Lucas 1:16-17:

"Fará retornar muitos dentre o povo de Israel ao Senhor, o seu Deus. E irá adiante do Senhor, no espírito e no poder de Elias, para fazer voltar o coração dos pais a seus filhos e os desobedientes à sabedoria dos justos, para deixar um povo preparado para o Senhor".

Nossa geração está sendo preparada para anunciar a Volta do Senhor Jesus.

Essa é a nossa missão.
 
E a mensagem é essa: “Arrependeis-vos, porque está próximo o reino dos céus.” (Mateus 3:1)
 
 

Maranata!

 

Leia também:

O Oculto Exército de Deus para os Últimos Dias

A voz do que clama!

 

Acordo Internacional ameaça liberdade na Web

Filed Under (Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 13-02-2012

Tag: , ,

por Geração Maranata

Desde o início do ano temos ouvido falar sobre uma série de projetos de leis americanas e outras de âmbito mundial, que (teoricamente) visam combater a pirataria online e a proteção de direitos autorais.

As discussões em torno desse assunto tornaram-se mais acirradas com a retirada do ar do site Megaupload e a prisão de seu fundador, executivos e programadores.
 
A partir daí, começou uma série de protestos a nível mundial: a ameaça do Google e Facebook saírem do ar, Wikipedia e Reddit ficaram 24h fora do ar, ataques de hackers contra vários sites (Anonymous), apagão na internet, etc.  
 
Tudo isso trouxe a suspeita de que o futuro da internet estaria ameaçado em sua livre expressão e manifestação de opiniões e pensamentos.
 
A Internet é um dos poucos meios de comunicação que continua livre, daí o grande interesse e a pressa para se obter o controle. 
 
Segue um resumo dao principais projetos de leis que estão tramitando no mundo.
 
 
SOPA – PIPA
 
A Stop Online Piracy Act (SOPA) e a Protect Intellectual Property Act (PIPA) são projetos de lei que estavam tramitando no Congresso norte-americano e que visavam reduzir as perdas que o país americano vem tendo com a pirataria online, que, segundo estimativas, seria de cerca de US$ 500 milhões anuais. 
 
O SOPA permitiria ao Departamento de Justiça dos EUA investigar, perseguir e desconectar qualquer pessoa ou empresa acusada de disponibilizar na internet, sem permissão, material sujeito a direitos autorais, dentro e fora do país americano. A lei obrigaria aos sites de busca, provedores de domínios e empresas de publicidade americanas a bloquear os serviços de qualquer site que esteja sob investigação do Departamento de Justiça por ter publicado material violando os direitos de propriedade intelectual.
 
Já o PIPA condenaria, com pena de até cinco anos de cadeia, pessoas que compartilham material pirateado. Suas propostas também prevêem punições para sites acusados de “permitir ou facilitar” a pirataria. Em tese, um site poderia ser bloqueado apenas por manter laços com algum outro site suspeito de pirataria.
 
O SOPA e o PIPA determinavam que o provedor de conteúdo teria que verificar, antes de qualquer publicação, se determinado material infringiria os direitos de autoria e propriedade. A pena para infração seria severa. Por exemplo: se fosse postado um vídeo do cantor Michael Jackson no Facebook, o responsável ficaria mais tempo preso do que o médico apontado como responsável pela morte deste, ou seja, cinco anos de prisão.
 
Apesar de a lei ser americana, ela afetaria o mundo, uma vez que muitos servidores estão neste país e neste caso é necessário seguir as leis do país no qual está hospedado.
 
Os projetos de lei acabaram sendo arquivados indefinidamente, por conta de muito tumulto e protestos.
 
As manifestações do dia 18 de janeiro de 2012, onde diversos sites da internet, entre eles o Google, Wikipedia e WordPress, que retiraram conteúdo do ar ou demonstraram repúdio às leis, acabaram por forçar o arquivamento do SOPA e PIPA.
 
 
OPEN
 
Com o arquivamento do SOPA e PIPA foi proposta uma nova lei para combater a pirataria online. O Online Protection & Enforcement of Digital Trade Act (OPEN) é um projeto que tenta corrigir os erros apontados no SOPA, prevê punições mais leves e tira das empresas o poder de retirar sites piratas do ar sem o devido processo legal.
 
O OPEN elimina os artigos que previam punições mesmo para quem somente dividisse arquivos entre amigos, além de não mais permitir o bloqueio de um site simplesmente por ele conter links que redirecionam a páginas com conteúdos ilegais.
 
Entre as falhas do projeto está a falta de que qualquer menção a mecanismos de buscas e serviços de hospedagem. Porém, o principal ponto de debate continua sendo a aplicação de leis de direitos autorais antigas a um meio tão imediatista quanto a internet — discussão que, pelo que tudo indica, ainda deve demorar para chegar ao fim.
 
 
 
ACTA
 
O Anti-Counterfeiting Trade Agreement (ACTA) ou em português Acordo Comercial Anticontrafação, é um tratado comercial internacional que tem o objetivo de estabelecer padrões internacionais para o cumprimento da legislação de propriedade intelectual, entre os países participantes. Segundo seus proponentes, é uma resposta “ao aumento da circulação global de bens falsificados e da pirataria de obras protegidas por direitos autorais”.
 
ACTA é liderado pelos Estados Unidos juntamente com a Comissão Europeia, Japão e Suíça – que têm grandes indústrias de propriedade intelectual.
 
As negociações e elaborações do texto do ACTA começaram de maneira formal em 2008 e na época a discussão ficou restrita a este grupo fechado. A construção foi conduzida em segredo até meados de 2009. Naquele ano, o Wikileaks trouxe à tona a existência do projeto, então desconhecido do público em geral. Em 2011, o tratado foi aberto para adesões e assinaturas.  Países como os EUA, Austrália, Canadá, Japão, Marrocos, Nova Zelândia, Cingapura e Coréia do Sul já concordaram em seguir suas regras.  Também foi assinado por 22 estados membros da UE, em Tóquio. Para que seja efetivamente colocado em prática em território europeu, deverá ser ainda ratificado pelo parlamento, o que deve acontecer em junho deste ano.
 
O ACTA é visto como um regulamento mais protecionista e rigoroso do que seus similares (como o SOPA), e tem sido duramente criticado por diversas entidades e ativistas que militam a favor da privacidade e liberdade na internet.  O  ACTA é parecido com o SOPA, pelo menos no que diz respeito à internet, porém é mais abrangente e os mecanismos de implementação e punição são ainda mais rigorosos.
 
Uma das disposições prevê que o acordo transforme servidores de internet em vigilantes da rede. Os servidores serão obrigados a fornecer dados privados de usuários suspeitos para os detentores de direitos autorais. Para que isso aconteça, é preciso que o detentor apresente justificativas razoáveis que mostrem a tal infração, mas isso ainda suscita muitos temores em internautas mundo afora, e pode ser usado como um mecanismo de censura na Internet.
 
O acordo também prevê algumas medidas que podem ser tomadas por autoridades alfandegárias. Por exemplo, a fiscalização e apreensão de bens como mp3 players e notebooks com a suspeita de que tais itens violam direitos autorais, só isso já seria suficiente para condenar um culpado.
 
Outra questão é a respeito dos remédios genéricos. O ACTA causa preocupação por poder causar restrição à comercialização de remédios genéricos, pois trataria muitos medicamentos “genéricos” e "falsificados" de forma idêntica, sujeitando os genéricos às mesmas táticas de “apreensão e destruição” aplicadas aos medicamentos falsificados.  
 
Este é o primeiro projeto global destinado a censurar a Internet, que por ter sido criado em segredo, várias pessoas e organizações que, apesar de apoiarem a defesa da propriedade intelectual e direitos autorais, suspeitam que o ACTA possa ser uma ferramenta perigosa.
 
O ACTA foi apresentado como uma ferramenta “para criar novas normas legais de respeito pela propriedade intelectual, bem como uma maior cooperação internacional, um exemplo do que seria um aumento na troca de informações entre as agências dos países signatários”, mas a grande suspeita é que, na verdade, ele será usado para promover o controle centralizado da Internet.
 
Como o ACTA vem provocando muita polêmica e protestos no mundo todo, pode ter o mesmo fim do SOPA e PIPA e em seu lugar deverá entrar outra lei mais branda, a exemplo do OPEN americano.  Alguns países, que antes haviam aderido ao projeto, voltaram atrás como a Bulgária e Holanda, já a Alemanha e Letônia suspenderam a ratificação da assinatura.
 
Para entender mais sobre o ACTA: http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/nosso-maior-problema-nao-e-sopa-e-sim-acta
Leia a  versão completa do acordo ACTA (ou pelo menos o que foi publicado sobre o acordo)  http://trade.ec.europa.eu/doclib/docs/2011/may/tradoc_147937.pdf
 
 
Assista ao vídeo que está circulando no Youtube: ACTA [legendado]
 
[jwplayer mediaid=”4227″]
 
 
Conclusão
 
Acho estranho que projetos de leis surjam de uma hora para outra, com propostas que beiram o absurdo e com evidentes pontos que certamente iriam gerar protestos.
 
Será mesmo que seus proponentes não imaginaram que pessoas com um pouco de inteligência e atentas não iriam protestar?
 
E o que falar das grandes empresas como o Google, Facebook, Wikipedia e outros, protestando junto com o público? Não é estranho?  

Sabemos que o Google e Facebook gastam milhões para aprimorar a vigilância e a coleta de informações de seus usuários na internet.

Como exemplo é só ler a nova política de privacidade do Google, que em resumo unificará dados de um produto (como os vídeos que assistimos no Youtube) e cruzará com os dados de outros produtos que usamos (como as buscas do Google, os e-mails do Gmail, etc). Isso irá montar um perfil bastante detalhado do usuário, e certamente será usado para diversos propósitos. 

Veja o que os americanos conseguiram: apresentaram o SOPA e PIPA como projetos de leis, mas provavelmente a intenção era conseguir a aprovação do OPEN.  Provavelmente ocorrerá o mesmo com o ACTA. 
 
Parece tudo muito orquestrado.
 
O que eles farão com o OPEN e o substituto ou o reformulado ACTA saberemos um pouco mais à frente.
 
 
 
Fontes:
 
http://www.mondiplo.com/isum/Direct.jsp?ISUM_Shortcut=MONDIPLO_EDITORIAL
 
http://informationweek.itweb.com.br/6646/entenda-o-que-e-sopa-e-pipa/
 
http://www.thejournal.ie/ireland-and-eu-to-sign-controversial-acta-treaty-tomorrow-336764-Jan2012/
 
http://pt.wikipedia.org/wiki/Acordo_Comercial_Anticontrafa%C3%A7%C3%A3o
 
http://naoacredito.blog.br/2012/01/acta-preparem-se-internautasvem-ai-uma-lei-pior-do-que-a-sopa/
 
http://wikileaks.org/wiki/Proposed_US_ACTA_plurilateral_intellectual_property_trade_agreement_(2007)
 
http://www.escoladegoverno.org.br/noticias/582-campanha-contra-tentativa-de-restricao-dos-medicamentos-genericos
 
http://www.tecmundo.com.br/projeto-de-lei/19445-conheca-o-open-projeto-antipirataria-que-tenta-corrigir-os-erros-do-sopa.htm
 
http://olhardigital.uol.com.br/produtos/digital_news/noticias/voce-sabe-o-que-e-o-acta-lei-garante-ser-mais-severa-que-o-sopa
 
 
 
 

Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus? Controle Total

Filed Under (Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 08-01-2012

Tag: , ,

This entry is part 7 of 8 in the series Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus?

 

"E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas. Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome. Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis." (Apocalipse 13:16-18)

por Geração Maranata

 

Introdução

O maior ataque terrorista da história dos EUA completou 10 anos e o mundo mudou desde então. O país mais poderoso e rico do mundo sendo alvo de ataques terroristas em seu próprio território!

O terrorismo sempre existiu, porém após os atentados de 11 de setembro de 2001 (EUA), os atentados do metrô em Madri em 2004 (Espanha) e em 2005 em Londres (Inglaterra) mudaram completamente os sistemas de controle e defesa, que antes eram considerados invulneráveis, mas no fim se mostraram ineficientes e frágeis.

As ações terroristas trazem destruição, morte e pavor, criando uma sociedade em estado constante de insegurança e medo.

Aliás, o medo e a sensação de insegurança é que tem motivado um aumento absurdo do controle.  Tudo isso se intensificou com os atentados terroristas e com o aumento da violência no mundo inteiro. A tecnologia digital veio para facilitar tudo.

As pessoas, em troca de "Paz e Segurança", estarão dispostas a abrir mão de sua privacidade e de sua liberdade individual.

Dentro de muito pouco tempo, o mundo estará totalmente controlado, vigiado e monitorado, montando assim, mais uma peça do cenário mundial para receber o Anticristo e possibilitando o cumprimento de mais uma profecia Bíblica.

“Estamos em transição do ‘estado de vigilância’ para a ‘sociedade de vigilância’”, afirma o cientista político canadense Reg Whitaker, autor do livro The End of Privacy (O fim da privacidade), inédito no Brasil. Ao contrário do que previam romances como 1984, de George Orwell, ou Admirável Mundo Novo, de Aldous Huxley, o que está acontecendo não é apenas um governo centralizado que monitora as atividades da população. Empresas, família e até mesmo vizinhos instalam sistemas de vigilância cada vez mais sofisticados. Da mesma maneira, em vez de o Estado obrigar as pessoas a se registrarem em sistemas de controle, são os próprios cidadãos que, cada vez mais, entregam seus dados pessoais de forma voluntária. “A nova tecnologia de controle se diferencia das anteriores de duas formas: ela é descentralizada e consensual”, diz Whitaker." (Superinteressante, mai/2001)

Selecionei partes de algumas matérias de revistas e jornais que evidenciam o avanço do controle tecnológico imposto à população mundial.

Na parte final deste post há uma matéria sobre RFID, uma tecnologia que está avançando assustadoramente e que está presente em quase todos produtos que usamos, veículos e até pessoas. Atualmente a RFID tem sido apontada como uma séria candidata para a 'Marca da Besta'.

Também há uma pequena introdução sobre o que pode ser a Marca da Besta. Precisamos entender que antes da Marca ser disseminada deverá haver primeiro o controle globalizado de tudo e de todos.

 

Sociedade vigiada

1)  O mundo está se tornando um mega banco de dados, coletando todos os tipos de informações: dados pessoais, preferências, hoobies, relacionamentos, etc… Um estudo realizado pelo professor Alessandro Acquisti, da Universidade Carnegie Mellon, nos EUA, mostra que novas tecnologias de reconhecimento apontam para um futuro em que as pessoas terão menos privacidade. Segundo o autor, a partir de uma fotografia tirada por um smartphone, será possível obter dados privados como interesses pessoais, preferência sexual e situação de crédito de praticamente qualquer pessoa. A técnica descrita pelo pesquisador consiste em ligar o rosto de pessoas aleatórias a imagens em bancos de dados que contém informações adicionais sobre elas. A partir disso, são obtidas informações confidenciais como o número de Seguro Social da pessoa (espécie de CPF norte-americano). Para demonstrar a tecnologia, Acquisti pretende usar somente um smartphone equipado com um software de reconhecimento facial. A intenção do professor é provar que já existe uma estrutura de vigilância digital capaz de descobrir informações pessoais a partir de fotos, algo que deve ser aprimorado conforme ocorrem avanços no campo da tecnologia de informação. [Fonte]

Seu rosto já pode ser reconhecido em qualquer lugar do mundo

Esqueça a impressão digital e a carteira de identidade. No futuro, o rosto de uma pessoa poderá ser a principal fonte de informações sobre quem ela é. Quando discutimos os limites da privacidade digital, ainda não temos  noção completa sobre os rumos que o assunto vem tomando. Hoje, o Google —alimentado pelas redes sociais— serve como provedor inicial de informação sobre praticamente qualquer pessoa. Detalhes sobre amizades, familiares, preferências, trabalho e escolaridade são publicados e muitas vezes fotografados pelos usuários. Mas, mesmo com as configurações para restringir acessos, quem garante que os dados ali colocados estão 100% seguros? Até o momento, o que é preciso para saber um pouco mais sobre uma pessoa é o seu nome completo. Contudo, este conceito está em plena evolução. De acordo com novas pesquisas, daqui a algum tempo uma singela foto tirada via smartphone poderá ser capaz de exibir uma ficha detalhada sobre um indivíduo.  Mensalmente, são postadas 2,5 milhões de fotos no Facebook e cerca de 50% dos 750 milhões de usuários acessam diariamente o conteúdo da rede social. Caso as coisas continuem desse jeito, as chances de se estar em uma imagem digital na internet — seja no Facebook, Google Images, Linkedin ou qualquer outra fonte do tipo — só tende a aumentar. [Fonte]

Obs: O filme ’Missão Impossível 4’, que estreou em dezembro/2011, demonstra perfeitamente a  tecnologia de reconhecimento facial.  Um dos espiões usa uma lente de contato computadorizada que aliado ao ‘Iphone’ consegue identificar uma pessoa específica no meio da multidão.

2)  Documentos revelados no Wikileaks apontam para uma enorme indústria que fornece ferramentas de vigilância on-line para os governos e órgãos policiais que pode capturar qualquer informação sobre qualquer pessoa. Os documentos expõem as atividades de cerca de 160 empresas de 25 países que desenvolvem tecnologias para rastrear e vigiar pessoas por meio de aparelhos de celular, contas de email e históricos de busca na internet.  "Hoje publicamos mais de 287 arquivos que documentam a realidade da indústria internacional de vigilância de massas, uma indústria que agora vende equipamentos tanto a ditadores como a democracias para vigiar populações inteiras", disse Assange em uma coletiva de imprensa em Londres. "Estes sistemas foram vendidos por empresas ocidentais a países como Síria, Líbia, Tunísia e Egito. Estão configurados para perseguir as pessoas e assassinar", declarou.  [Fonte]

Wikileaks – Organização que publica em seu site, documentos, fotos e informações confidenciais, de fontes anônimas, vazadas de governos ou empresas, sobre assuntos polêmicos. 

 

3)  Ron Deibert da Universidade de Toronto estuda a propagação global de tecnologias e sua adoção pronta por parte dos governos. As tecnologias disponíveis incluem o mapeamento de redes sociais, acompanhamento de telefone celular, rastreamento de localização, e os chamados “Deep Packet Inspection” técnicas utilizadas para ler o conteúdo de passagem do tráfego Internet. [Fonte]

 

4) A população mundial tem sido controlada mediante as novas tecnologias e facilidades cibernéticas, inclusive o modo de pensar também. Várias pessoas consultam o Google para obter respostas e formar uma opinião a respeito de um assunto.  O Google é o buscador mais usado do planeta e tem todas as respostas ordenadas de maneira que ele julga relevante.  A grande conquista foi fazer com que as pessoas parem de pensar e busquem por soluções e respostas prontas.

Outro grande trunfo de quem tem interesse na manipulação e controle da população são as chamadas 'redes sociais' e 'microblogs', que atendem pelos nomes de Facebook, Orkut, Twitter, e vários outros. As pessoas mesmas fornecem todas as informações possíveis, dizem o que gostam ou não, o que estão fazendo, disponibilizam suas fotos… Esta é uma das formas de controle mais eficaz utilizada nos últimos anos.

Além dos buscadores, redes sociais e microblogs, temos os smartphones.  O mais famoso deles é o IPhone. O último lançamento da Apple, o IPhone 4S, tem sido acusado de ter instalado dispositivos chamados de 'Find My Friends' e o 'Siri'.  O primeiro, Find My Friends, como o próprio nome diz tem o poder de localizar onde seu usuário está, basta estar com o celular no bolso, desta forma não há como perder essa pessoa de vista. A 'Siri' é uma assistente virtual, com tecnologia de Inteligência Artificial, que possui respostas para perguntas que dependem da compreensão humana.  Ela responde perguntas, faz recomendações e executa ações.  Exemplos de respostas dada pela Siri:

Qual o sentido da vida? R: Tente ser agradável com as pessoas, evite comer gordura, leia um bom livro de vez em quando, passeie e tente viver unido e em paz e harmonia com pessoas de todas as religiões e nacionalidades. [Fonte]

 

"Algumas pessoas sabem todos os lugares em que você esteve no ano passado. Possuem também a lista das mercadorias que você comprou, as músicas que ouviu e as pessoas com quem conversou. É possível que elas saibam até a sua preferência sexual. Assustador, não? O motivo alegado para tanta perseguição é apenas trazer segurança e conforto. Para você. Assim como as novas tecnologias se esmeram em acumular e disponibilizar o máximo de informações sobre todos os assuntos de interesse, muitas instituições utilizam os mesmos instrumentos para obter e manipular dados sobre pessoas simples, como eu e você. Empresas tentam reunir informações detalhadas de seus possíveis clientes para oferecer produtos e serviços personalizados no momento apropriado. Governos e agentes de segurança tentam registrar todas as atividades da população em busca de criminosos e infratores. O preço a pagar por esses benefícios, no entanto, é ser observado o tempo todo e ter suas informações mais íntimas devassadas." (Superinteressante, mai/2001)

 

Câmeras por todos os lados

  • Nova York (EUA), com 2,4 milhões de lentes instaladas, é considerada a cidade mais “vigiada” do mundo.
  • No Reino Unido, 2,5 milhões de câmeras de circuito fechado de televisão monitoram os passos de pessoas que moram nos centros urbanos.
  • Pesquisadores do governo americano já trabalham em câmeras inteligentes capazes de identificar rostos e, pasme, avaliar se as pessoas estão alegres, tristes ou nervosas.
  • Em Cingapura, existe uma câmera a cada 100 metros para flagrar quem joga ponta de cigarro ou chicletes na rua. 
  • Muitas redes de varejo cadastram todas as compras de seus clientes. Câmeras que reconhecem traços faciais logo aperfeiçoarão esse processo, registrando até o caminho percorrido dentro da loja pelas pessoas. Essas informações são usadas para criar perfis eletrônicos.
  • Companhias como a Space Imaging permitem que uma pessoa monitore qualquer ponto na face da Terra com fotos diárias de satélite. Governos, empresas e lojas apostam em milhões de filmadoras que registram tudo o que acontece nas ruas. Da mesma forma, pais instalam câmeras secretas para vigiar a própria casa à distância.
  • Primeiro, foram as filmadoras vigiando o saguão de edifícios, elevadores, colégios, supermercados e shopping centers, com o objetivo de prevenir assaltos e vandalismo. Agora, esse tipo de monitoramento está chegando às ruas das cidades brasileiras. As câmeras, suspensas, registram tudo o que acontece nos locais, 24 horas por dia. … Essas cidades repetem a experiência bem-sucedida de Londres, onde 150.000 câmeras vigiam as ruas – um cidadão comum que ande por elas a caminho do trabalho é filmado 300 vezes por dia. … A instalação de câmeras nas ruas é um procedimento adotado com cada vez mais freqüência no mundo inteiro – além de Londres, cidades como Nova York, Washington, Paris, Berlim e Bruxelas já dispõem delas. … A tendência, segundo Toffler, é que o uso de câmeras aumente de forma exponencial no futuro. … No caso do monitoramento das ruas brasileiras, essa troca da privacidade pela segurança está surtindo efeitos. A criminalidade caiu em todas as cidades que implantaram o sistema de câmeras. [Fonte]
  • A Polícia Militar pretende contar com 4 mil câmeras de monitoramento no Estado até a Copa do Mundo, em 2014. O monitoramento na cidade de São Paulo começou em 2007 com número reduzido de câmeras e foi crescendo aos poucos. São dois tipos de equipamento, o fixo e o móvel. O primeiro, denominado "inteligente", foca apenas um local e seu software está programado para emitir um sinal sonoro à central quando houver algum incidente. Por exemplo, uma câmera dessa, instalada em frente a uma agência de banco, vai avisar quando houver qualquer movimento anormal entre as pessoas, de acordo com sua programação. [Fonte]
  • A cidade de Londres é uma das mais vigiadas do mundo, pois conta com cerca de 4,2 milhão de câmeras nas ruas. Em todo o Reino Unido há uma câmera para cada 14 habitantes. Um estudo do Escritório do Comissariado de Informação mostrou que cada britânico está sendo filmado, em média, por 300 câmeras diariamente, em áreas públicas ou privadas. Não apenas o governo está vigiando seus cidadãos como também as empresas privadas, que estão tendendo a criar bancos de dados e de imagens para futuras comparações e investigações. Um dos responsáveis pelo estudo, Richard Thomas, afirma que "Não são apenas câmeras nas ruas, é a tecnologia vigiando nossos movimentos e atividades. Cada vez que usamos um celular ou nossos cartões de crédito, quando fazemos buscas ou compras na internet, mais e mais informações vão sendo coletadas". [Fonte]
  • Câmeras ao vivo mostram cidades de todo o mundo. De quebra mostra também 'ao vivo' as pessoas em redor. [Fonte]

 

Controle Eletrônico

  • Na Holanda, o governo pretende abrir e manter um arquivo eletrônico para cada bebê nascido no país.
  • Um projeto que tramita desde o início do ano passado no Congresso americano promete ampliar a rede de espionagem eletrônica. Chamado Sistema de Informações contra o Terrorismo (TIA, na sigla em inglês), ele permitiria o acesso à base de dados de empresas sempre que houvesse necessidade de saber mais sobre turistas, estudantes ou imigrantes. 
  • Em troca de facilidades de pagamento pelo cartão bancário em restaurantes, hotéis, supermercados ou pedágios, o cidadão deixa gravados seus rastros e preferências pelos hábitos de consumo.
  • O Iphone registra dados sobre a localização de seu dono a cada minuto, e envia tudo para a Apple. Celulares Android fazem o mesmo, a diferença é que no lado do receptor dos dados está o Google.
  • O Google sabe, via Gmail, com quem nos correspondemos e o que está nessa correspondência. Se usamos um celular ou tablet Android, ele sabe por onde andamos.
  • Google Street View é um serviço que permite visualizar ruas a partir do ponto de vista de um motorista, o que facilita a navegação com o Google Maps. Com câmeras instaladas em carros, já foram mapeadas ruas e avenidas em São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.
  • ​A fim de evitar que o usuário não tenha o trabalho de enviar os seus dados a todo instante, foi criada uma nova plataforma de controle em expansão se chama Cloud computing ou “computação nas nuvens”. Na prática é oferecido um espaço virtual gratuito em troca dos seus dados (até mesmo os confidenciais). O Cloud computing é um termo bastante abrangente que define os dados que não se encontram em um computador específico, mas sim, em uma rede… Dessa forma, dados podem ser acessados e editados a partir de diferentes máquinas, refletindo o resultado em todas as demais. Várias empresas estão investindo nesta nova plataforma, como a Apple qie ja anunciou o iCloud.  O Google Music já está em fase aberta de testes. Não é de hoje que o Google investe em serviços nas nuvens. O próprio Google Docs segue esse mesmo conceito, já que qualquer usuário utiliza um serviço executado a partir de servidores remotos. Na verdade, o Google Maps e o próprio Gmail funcionam de maneira parecida: seu computador acessa um software que roda a partir da internet.  O Google também desenvolve um sistema operacional totalmente baseado nesse conceito: o Chrome OS. [Fonte]
  • ​Facebook sabe tudo o que você faz na web, mesmo após log out. De acordo com testes, a rede social não apaga os cookies de rastreamento quando o usuário se desliga do serviço. (Fonte)

 

Biometria

  • Um scanner visual público pode identificar 50 pessoas em movimento por minuto. Agora imagine o governo instalando esse sistema de escaneamento por toda uma cidade. Não precisa nem imaginar, isso já está acontecendo. A cidade Leon, no México, está fazendo exatamente isso, instalando scanners em tempo real de íris humana feitos pela empresa de biometria Global Rainmakers Inc. Esses scanners não precisam que a pessoa pare e fixe os olhos na câmera. Eles funcionam em tempo real, enquanto as pessoas andam. O EyeSwipe captura de 15 a 30 pessoas por minuto. Esses scanners estão sendo instalados em locais públicos, como estações de ônibus ou de metrô, e conectadas a um banco de dados que rastreará as pessoas pela cidade. [Fonte]
  • A polícia de Nova York começou a preencher o banco de dados que permitirá identificar foragidos com total precisão através da íris… O departamento de polícia local ainda reforça que o sistema pode ser utilizado futuramente com o objetivo de combater o terrorismo, política que já foi adotada pelo exército norte-americano em operações no Iraque e no Afeganistão.  A leitura dos padrões da íris pode ser considerada como um dos métodos de identificação mais precisos da atualidade. Por ser proveniente de uma determinação genética, acredita-se que as características da íris jamais mudam, mesmo após muitos anos. [Fonte]
  • Possivelmente, em breve o mundo não precisará mais de passwords que os usuários digitam todos os dias para entrar na sua conta de e-mail, página de rede social e dezenas de outros sites. A Intel desenvolveu uns sensores especiais biométricos e software associado que permite autenticar as veias da palma da mão.
    Quando laptops, tablets e smartphones adquirirem a leitura biométrica, a maioria dos sites serão capazes de acabar com a necessidade de digitar os passwords. Além disso, o processo de registro se simplificará significativamente.[Fonte]

 

Microchip

  • No México, para garantir segurança ao acesso ao Escritório da Advocacia da União, mais de 160 funcionários tiveram implantados em seus braços um chip para ter acesso às áreas seguras do escritório central.
  • O DENATRAN (Departamento Nacional de Trânsito) está começando a colocar em prática o novo SINIAV (Sistema de Identificação Automática de Veículos), que é projeto que irá colocar chips eletrônicos em veículos para que possam ser identificados eletronicamente por antenas dispostas nas cidades.  
  • A instalação de chips nos mais de 6 milhões de veículos de São Paulo, com início previsto para 2011, vai substituir os radares e facilitar a orientação do trânsito… "Hoje, quando tem uma blitz, há necessidade daquele afunilamento, de ir parando carro por carro. Esse sistema, já com uma distância razoável, vai apontar qual é o veículo que está irregular, seja irregularidade administrativa ou irregularidade penal, veículo furtado ou roubado", disse o secretário. [Fonte]
  • No Brasil, o RG com chip permitirá monitorar todos os cidadãos. O RIC (Registro de Identificação Civil), documento que deve substituir o Registro Geral, foi anunciado oficialmente pelo presidente do Brasil. Com informações divulgadas há mais de um ano, somente agora Luís Inácio Lula da Silva pronunciou-se acerca do projeto, que será implementado aos poucos em território brasileiro. Já em 2011, 2 milhões de brasileiros devem receber este novo modelo de documentação. Há uma série de vantagens sobre os atuais RGs, pois os RICs são à prova de fraudes e falsificações, devido à utilização de um chip eletrônico que armazena várias informações sobre os cidadãos, como nome, sexo, nascimento e todos os outros dados que já existem hoje. [Fonte]
  • As malhas da grife italiana Benetton já começam a sair de fábrica com microchips que enviam sinais com sua exata localização. Em vez de códigos de barras, as etiquetas inteligentes armazenam informações para rastrear a peça durante toda a sua vida útil. Num futuro próximo, ela vai passar as instruções de lavagem para o chip da máquina de lavar. Muitos alegam que a etiqueta seria uma forma de invadir a privacidade, já que ela facilita a localização do cliente através de sua roupa.
  • Em Cambridge, na Inglaterra, a etiqueta inteligente provocou alvoroço no supermercado Tesco. Quem pegasse uma lâmina de barbear da Gillette era fotografado por uma câmera do sistema antifurto. Os críticos alegam que os produtos podem ser usados como dispositivos de vigilância, já que eles funcionam fora das lojas.
  • A empresa de transportes urbanos londrina também usa microchips inseridos nos bilhetes para guardar dados dos passageiros e registrar todas as suas viagens. Com isso não é preciso tirar o bilhete da bolsa para passar pela catraca. Em compensação, pode-se localizar um passageiro em qualquer ponto do metrô.

 

Controle telefônico e de emails

  • O governo americano monitora quase todos os telefonemas internacionais e grande parte do tráfego na internet. Quando julga necessário, utiliza também uma tecnologia que capta as emanações de computadores e reproduz, a centenas de metros de distância, tudo o que aparece na tela.
  • Todas as chamadas telefônicas e mensagens via e-mail enviadas na União Européia (UE) serão guardadas e poderão ser investigadas pela polícia. A UE aprovou a manutenção dos dados de todas as ligações telefônicas feitas nos países do bloco. 
  • A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) lançou uma proposta no mínimo polêmica: eles querem monitorar todas as chamadas de telefone fixo e móvel, coletando informações sobre números discados, data, duração e valor. O conteúdo das chamadas, no entanto, permanece em sigilo. A ideia é modernizar a fiscalização das operadoras, e exigir o cumprimento de metas de qualidade – e o consumidor deve ter controle sobre essa fiscalização. (Fonte)

 

RFID – Identificação por Radiofreqüência

Radio-Frequency IDentification (RFID), como o nome diz significa Identificação por Rádio Freqüência. Trata-se de um método de identificação automática através de sinais de rádio, recuperando e armazenando dados remotamente através de dispositivos chamados de TAG RFID.

Uma TAG ou Etiqueta RFID é um transponder: pequeno objeto que pode ser colocado em uma pessoa, animal, equipamento, embalagem ou produto, dentre outros. Ele contém chips de silício e antenas que lhe permite responder aos sinais de rádio enviados por uma base transmissora.

As Etiquetas Inteligentes, como também são conhecidas as RFID já estão presentes em cartões bancários, produtos eletrônicos e, à medida que se tornam mais baratas, vão cada vez mais substituindo o código de barras da embalagem dos produtos. A decodificação do RFID, ao contrário da do código de barras, não requer a aproximação do leitor ao chip, podendo ser feita a vários metros de distância ou até mesmo por dispositivos wi-fi.

A localização de qualquer item etiquetado torna-se automática na área de cobertura por leitores. O extravio de malas em aeroportos, por exemplo, deixa de ser um problema. São grandes as vantagens em termos de organização e logística, caso das bibliotecas e da indústria. Também a segurança sai favorecida. Um exemplo óbvio é o da redução de furtos em lojas e supermercados.

Aplicações derivadas podem incluir o fim das filas em caixas (as mercadorias levadas pelo consumidor cadastrado são debitadas diretamente em seu cartão de crédito) e até geladeiras inteligentes que avisam seu proprietário quando expira o prazo de validade dos produtos nela contidos.

No futuro, portadores de determinadas moléstias poderão andar com seu prontuário eletrônico implantado num chip sob (ou sobre) a pele. Assim que entrarem num hospital, o médico já saberá do que cada um sofre e terá acesso aos exames anteriores, evitando erros iatrogênicos (reação ou doença causada por efeito colateral ou secundária de medicação prescrita por médico).

O problema é que, pelo menos por enquanto, não há como "desligar" os chips RFID. Isso significa que cada um de nós pode ter seus passos monitorados apenas por andar com um cartão de crédito, mesmo sem utilizá-lo.

Há um limite para quão aberto deve ser o livro de nossas vidas. Não é necessário acreditar em todo gênero de teorias conspiratórias para ver com uma ponta de receio a disseminação da tecnologia RFID. (Adaptado de: http://www.observatoriodeseguranca.org/seguranca/cameras/cameras)

Leia também:

 

 

RFID em Humanos

 

Chip minúsculo sob a pele substitui chaves e senha

Esquecer senhas de computadores é uma fonte de frustração diária para muitos usuários, mas a solução para essa dor de cabeça cotidiana pode estar literalmente na palma da mão, na forma de implantes de chips na pele.

Com um aceno de sua mão direita, Amal Graafstra, empresário canadense de 29 anos, abre a porta da frente de casa. Com a outra ele acessa seu computador. Pequenos chips de identificação por radiofrequência (tecnologia conhecida como RFID) implantados nas mãos de Graafstra por um cirurgião tornam tudo isso possível. O chip RFID é menor que um grão de arroz e pode durar até cem anos.
"Eu simplesmente não quero deixar de ter acesso às coisas que eu preciso. No pior cenário, se eu estou nu no meio da rua, eu quero simplesmente poder entrar na minha casa", afirmou o empresário em entrevista em Nova York, onde está promovendo a tecnologia.
Os chips RFID, que custam cerca de US$ 2, interagem com um aparelho instalado em computadores e outros dispositivos eletrônicos. Os microprocessadores são ativados quando ficam a três polegadas de distância de um aparelho receptor de sinais que o identifica. Este receptor pode ser encontrado nos EUA por até US$ 50.
Graafstra afirma que pelo menos vinte de seus amigos fãs de tecnologia têm implantes RFID. "Eu não sinto. Não machuca. E quase nem percebo que ele está implantado", afirma Jennifer Tomblin, estudante de marketing de 23 anos e namorada de Graafstra. (Fonte)
 
 
 
Cientistas criam 'tatuagem' eletrônica capaz de coletar dados do corpo
 
Uma equipe de engenheiros e cientistas desenvolveu um dispositivo eletrônico autoadesivo, parecido com uma tatuagem e capaz de reunir informações sobre o coração, ondas cerebrais e atividade muscular. A novidade é tema da edição desta semana da revista Science.
O Sistema Eletrônico Epidérmico (EES, na sigla em inglês) foi criado por uma equipe de pesquisadores americanos, britânicos, chineses e cingapurianos. Na prática, o aparelho funciona como se estivesse "colado" à pele (veja a foto abaixo), já que não são visíveis costuras após o implante.
A grossura da "tatuagem" eletrônica é de 50 micrôns, a metade do diâmetro de um fio de cabelo. O aparelho precisa de pouca energia para funcionar e pode armazenar energia em pequenos "painéis" solares.
Ainda que outros aparelhos consigam fazer as mesmas medições que o EES, a vantagem do novo dispositivo está na ausência de cabos externos e na leveza dos componentes.
No futuro, os pesquisadores esperam conseguir incorporar fluidos ao dispositivo, para criar curativos e "peles" com capacidade de regeneração maior, como tratamento para queimaduras e doenças.(Fonte)

 

A Marca

A palavra "Marca" ou “Sinal” aparece em algumas passagens da Bíblia, tanto no Antigo como no Novo Testamento.

Em Ezequiel 9:4 o ato de marcar a testa com um sinal é semelhante a passagem de Apocalipse 13:16:

“E disse-lhe o SENHOR: Passa pelo meio da cidade, pelo meio de Jerusalém, e marca (do hebraico tavah) com um sinal as testas dos homens que suspiram e que gemem por causa de todas as abominações que se cometem no meio dela.”
 
תוה tavah 
1) rabiscar, limitar, marcar, fazer ou colocar uma marca 
1a) marcar 
1b) colocar uma marca
 
Apocalipse 13:16: "E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal (do grego charagma) na sua mão direita, ou nas suas testas"  
 
χαραγμα charagma   
1) selo, marca impressa 
1a) da marca estampada sobre a testa ou na mão direita como o sinal dos seguidores do Anticristo 
1b) marca imprimida com ferro quente nos cavalos
2) algo esculpido, cinzelado, gravado 
2a) de imagens de idolatria
 
A palavra grega charagma aparece sete vezes no Novo Testamento, todas em Apocalipse e se referem à Marca da Besta.
 
No Império Romano havia uma prática de se marcar (tipo tatuar) escravos desobedientes com o nome do seu patrão ou do soldado com o nome do Imperador. 

A Marca também indicava participação num culto pagão e determinava posição civil.

No livro apócrifo (porém histórico) de Macabeus temos informação de que alguns judeus se recusaram em participar das práticas religiosas pagãs da dinastia dos Ptolomeus no Egito e foram vistos como desleais políticos, tendo seus bens confiscados (3ª Macabeus 2 e 3).

A época que o apóstolo João vivia era semelhante ao tempo dos Macabeus, pois a participação do Culto ao Imperador era caminho para participar das esferas econômicas, social e política da sociedade da época.

A não aceitação da Marca seria acompanhada de retaliações comerciais dirigidas diretamente aos cristãos. A recusa da adoração da Imagem no Culto Imperial acarretaria na exclusão do comércio, não poderiam comprar e vender.

No Império Romano, a Marca (charagma) era usada no selo imperial, nos contratos e nas moedas de transação comercial (com a imagem do imperador cunhada).

Diante desse contexto, podemos entender que a Marca da Besta será algo visível, será externa, sobre a pele (e não sob), será voluntária, e determinará a participação na sociedade com status social, comercial, político e até religioso.

A Etiqueta RFID (tipo tatuagem) pode muito bem ser candidata à Marca, pois preenche os requisitos relacionados à época do Apóstolo João.

A pessoa que aderir à Marca estará optando por fazer parte do sistema mundial que será instaurado em breve.  Não sabemos como exatamente isso ocorrerá, mas estamos vendo o avanço tecnológico contribuindo para isso.

O cenário tecnológico para a manifestação do Anticristo está sendo muito bem preparado.

Maranata!

 

Leia também: http://www.chamada.com.br/mensagens/marca_da_besta.html

Fontes:

 

 

http://www.tecmundo.com.br/12127-novas-tecnologias-podem-ajudar-a-reduzir-privacidade-no-futuro.htm
http://www.tecmundo.com.br/privacidade/13602-seu-rosto-ja-pode-ser-reconhecido-em-qualquer-lugar-do-mundo.htm
http://www1.folha.uol.com.br/mundo/1015276-wikileaks-volta-a-ativa-com-publicacao-de-arquivos-espioes.shtml
http://www.pr.terra.com/tecnologia/interna/0,,OI1274412-EI4801,00.html
http://www.info.abril.com.br/noticias/blogs/geek-list/software/14-respostas-estranhas-da-siri-no-iphone-4s/
http://www.veja.abril.com.br/040804/p_100.html
http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=214339
http://www.observatoriodeseguranca.org/seguranca/cameras
http://www.observatoriodeseguranca.org/seguranca/cameras/cameras
http://www.tecmundo.com.br/7312-ric-documento-de-identidade-com-chip-eletronico-e-confirmado-pelo-presidente.htm
http://www.jornalismouniversitario.wordpress.com/2008/09/17/cameras-mostram-o-momento-atual-em-cidades-de-todo-o-mundo/
http://www.tecmundo.com.br/10791-por-que-2011-sera-o-ano-da-computacao-nas-nuvens-.htm
http://www.tecmundo.com.br/6585-policia-de-manhattan-passa-a-usar-sistema-biometrico-escaneando-iris-dos-presos.htm
http://www.observatoriodeseguranca.org/seguranca/cameras/cameras
http://www.oglobo.globo.com/tecnologia/escolhemos-fim-da-privacidade-2791625
http://www.olhardigital.uol.com.br/produtos/digital_news/noticias/hacker_afirma_facebook_sabe_tudo_o_que_voce_faz_na_web_mesmo_apos_log_out
http://www.tecmundo.com.br/facebook/15455-como-o-facebook-esta-vigiando-seus-passos-.htm#ixzz3mxYKP828
http://www.comunicacaoecrise.com/new/index.php?option=com_content&view=article&id=281:big-brother-tecnologico-mantem-sociedade-sob-controle&catid=34:artigos&Itemid=53
http://www.cacp.org.br/estudos/artigo.aspx?lng=PT-BR&article=919&menu=7&submenu=4 666
http://controletotal.blogspot.com/
http://www.espada.eti.br/n2227.asp
http://www.terra.com.br/revistaplaneta/mat_410.htm
http://portuguese.ruvr.ru/2012_09_14/88252020/

 

 

 

 

 

 

 

Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus? Natureza

Filed Under (Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 24-08-2011

Tag: , ,

This entry is part 3 of 8 in the series Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus?

"Haverá terremotos em diversos lugares." (Mc 13:8)

"E na terra angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas. Homens desmaiando de terror, na expectação das coisas que sobrevirão ao mundo" (Lc 21:25)

"Mas todas estas coisas são o princípio de dores." (Mt 24:8)

"Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobre-virá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão." (1 Tes 5:3)

"O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se.  Mas o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; no qual os céus passarão com grande estrondo, e os elementos, ardendo, se desfarão, e a terra, e as obras que nela há, se queimarão. Havendo, pois, de perecer todas estas coisas, que pessoas vos convém ser em santo trato, e piedade, Aguardando, e apressando-vos para a vinda do dia de Deus, em que os céus, em fogo se desfarão, e os elementos, ardendo, se fundirão? Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova terra, em que habita a justiça." (2 Pe 3:9-13)

"Porque sabemos que toda a criação geme e está juntamente com dores de parto até agora." (Rm 8:22)

Por Geração Maranata

 

Terremoto devastador no Haiti, Itália, Chile e China. Enchentes e destruições no Brasil, América do Sul e Europa. Vulcões, Ciclones e tornados em toda parte. O que está acontecendo com o mundo?

O Senhor Jesus disse que seu retorno seria antecedido por catástrofes na natureza e percebe-se com nitidez que, nas últimas décadas, elas têm aumentado tanto em quantidade, quanto em intensidade.

Apesar dessas catástrofes serem o mais claro sinal da Volta de Cristo, muitas pessoas, inclusive cristãos, reagem com indiferença, alguns ainda dizem que catástrofes sempre existiram, outros alegam que a globalização e o acesso aos meios de comunicação permitem que tomemos conhecimento em tempo real, ao passo que nas décadas e séculos passados, somente as pessoas locais ficavam sabendo do ocorrido, porém, apesar de sempre terem existido, todos têm que concordar que elas estão ocorrendo com uma frequência alarmante nessas últimas décadas.

Vejamos alguns acontecimentos que comprovam nossa afirmação, alguns misteriosos, como a morte de animais:

1) Mortandade de animais no mundo inteiro, ainda sem explicação cabível (para ler todas as notícias click aqui):

08/06/2011 – Mortandade marítima nas praias da Flórida
08/06/2011 – 600 pinguins aparecem mortos no Uruguai
29/05/2011 – Filipinas: 800 t de peixes mortos são encontradas em lago
18/04/2011 – Centenas de peixes foram encontrados mortos em Ventura Harbor
24/03/2011 – Centenas de estrelas-do-mar aparecem mortas no Reino Unido
19/03/2011 – 400 baleias-piloto encontradas mortas nas Ilhas Malvinas
25/02/2011 – Morte de golfinhos aumenta na costa do Golfo do México
16/02/2011 – Misteriosa morte de peixes assusta habitantes do norte da Turquia
16/02/2011 – Alarmante enigma dos mares: Milhares de peixes mortos nas praias dos EUA
09/02/2011 – Milhões de Medusas aparecem mortas na Flórida
31/01/2011 – Em plena Piracema, milhares de peixes aparecem mortos no Pantanal
27/01/2011 – Mortandade de peixes na Colômbia é atribuída aos “fenômenos sobrenaturais”
26/01/2011 – Peixes mortos lotam praia de Mongaguá – SP
21-01-2011 – Milhares de búfalos e vacas mortas no Vietnã
21/01/2011 – Pequim relatos de mortes de aves em massa
20/01/2011 – Mortes misteriosas de aves estão sendo investigadas próximo à Dacono (Colorado)
20/01/2011 – Misteriosa infecção está matando Salmões em Vaucouver, Canada
19/01/2011 – Dezenas de peixes e focas mortas no Canadá
17/01/2011 – Centenas de focas mortas no Canadá
17/01/2011 – Centenas de vacas são encontradas mortas
13/01/2011 –Dezenas de Aves Mortas na Alemanha
12/01/2011 – Pássaros que morreram na Romênia seriam vítimas do álcool, diz veterinário
12/012011 – Pássaros continuam a morrer
11/01/2011 – Aves mortas na Romênia
11/01/2011 – Mais de 100 pássaros mortos encontrados em estrada de Sonoma na Califórnia
11/01/2011 – Peixes mortos no lago Michigan
09/01/2011 – Surgem pássaros mortos, aos milhares, em mais Países, como: Reino Unido, Japão, Brasil, Tailândia, …
08/01/2011 – México tem misteriosa morte de pássaros
08/01/2011 – Peixes Mortos por contaminação no Haiti
07/01/2011 – Centenas de passaros mortas em Bolonha, Itália
06/01/2011 – Polícia Ambiental encontra várias espécies de peixes mortos em rio de Minas Gerais
06/01/2011 – As aves mortas achadas no Tennessee
06/01/2011 – Centenas de Peixes Mortos em País de Gales
06/01/2011 – Morcegos Mortos em Arizona, EUA
‎06/01/2011 – Chuva de pássaros lembra filme de terror e traumatiza crianças nos EUA.
06/01/2011 – Frio mata milhares de peixes nos EUA, Brasil e Nova Zelândia.
06/01/2011 – Carolina do sul, centenas de milhares de peixes mortos.
05/01/2011 – 40.000 caranguejos morrem de frio na Grã-Bretanha
05/01/2011 – Cerca de 100 toneladas de peixes mortos são encontrados em Paranaguá (PR-Brasil)
05/01/2011 – Chuva de pássaros mortos também se registrou no Louisiana
05/01/2011 – Encontrados 500 pássaros mortos em estado vizinho ao Arkansas
05/01/2011 – Chuva de pássaros mortos volta a cair nos EUA
05/01/2011 – Depois dos EUA, Suécia tem “chuva” de pássaros mortos
05/01/2011 – O mistério dos pássaros que morrem subitamente continua a alastrar
‎05/01/2011 – Nova ‘chuva’ de pássaros mortos nos
‎05/01/2011 – Mais um caso de pássaros mortos nos Estados Unidos
05/01/2011 – Suécia tem “chuva” de pássaros
05/01/2011‎ – ‎Dezenas de pássaros aparecem mortos
05/01/2011 – Surgem casos de aves mortas em Kentucky, na Suécia e no Japão.
05/01/2011 – Dois Milhões de peixes mortos em Maryland. Milhares de caranguejos mortos em Inglaterra.
04/01/2011 – Chuva de pássaros mortos volta a cair
04/01/2011‎ – Pássaros mortos intrigam autoridades em Arkansas, EUA
04/01/2011‎ – ‎Estranha chuva de pássaros mortos volta a cair nos EUA
‎04/01/2011 –‎ Além de pássaros, 100 mil peixes aparecem mortos
04/01/2011‎‎ – Morte misteriosa de milhares de pássaros gera teorias nos EUA
04/01/2011 – Surgem Notícias de mais aves mortas, noutro Estado: Louisiana
04/01/2011 – Ontario, centenas de peixes mortos
04/01/2011 – Florida: Milhares de peixes mortos
03/01/2011‎ – ‎EUA: Milhares de peixes e pássaros aparecem mortos.
03/01/2011‎ – ‎EUA: cem mil peixes aparecem mortos no Rio Arkansas
03/01/2011 – Laboratórios buscam respostas para a morte de 3 mil aves nos EUA
‎03/01/2011 – Após chuva de pássaros mortos, mais de 100 mil peixes sem vida
03/01/2011 – ‎‎Após pássaros, estado americano do Arkansas tem morte de peixes
03/01/2011 – ‎Pássaros e peixes morrem misteriosamente em cidade dos EUA
03/01/2011 – Canadá: em Manitoba encontraram 10 mil pássaros mortos,China: Vários pássaros mortos
03/01/2011 – ‎‎Investigação sobre pássaros mortos gera expectativa em Beebe
03/01/2011 – Chuva de pássaros mortos no Arkansas
02/01/2011 – Milhares de pássaros mortos no Chile
01/01/2011 – Milhares de aves morreram no Arkansas.
31/12/2010 – 150 Toneladas de peixes mortos no Vietname
30/12/2010 – Cem toneladas de peixes mortos no Paraná, Brasil.
05/01/2010 – Brasil, Suécia e Nova Zelândia atingida por fenômenos estranhos

São muitas ocorrências de mortes que não podem ser ignoradas.  Muitas pessoas acreditam que, essa mortandade pode está relacionada a distúrbios no campo magnético. Leia a notícia aqui.

 

2) Vulcões

Estima-se que existam atualmente em torno de 1.600 vulcões ativos no mundo, 600 em terra e o restante no oceano.

Uma das hipóteses apontada por cientistas para ligar aquecimento global a vulcões está no derretimento da camada de gelo em regiões próximas aos pólos. A falta de gelo significa um obstáculo a menos para o magma(*) atravessar e poder chegar à superfície. Assim, erupções aconteceriam com maior facilidade.

(*) Nome dado a rocha fundida debaixo da superfície da Terra que, quando expelida por um vulcão, dá origem à lava.

Segundo o vulcanologista Freysteinn Sigmundsson, da Universidade da Islândia, o fim da Era do Gelo há 10 mil anos coincidiu com o surgimento de inúmeros vulcões no país. Agora, se realmente passarmos por um novo período de aquecimento, a mesma situação deve se repetir, sugere o pesquisador.

"Nosso trabalho indica que veremos erupções maiores ou mais freqüentes na Islândia nos próximos anos. O derretimento do gelo pode sim afetar o sistema magmático", afirmou Sigmundsson.

Fonte: Carbono Brasil

Definição

Vulcão é uma abertura na crosta terrestre, de formato montanhoso, por onde saem magma (lava), cinzas, gases e poeira. Esta estrutura geológica é formada, geralmente, com a movimentação e encontro das placas tectônicas.

Quando um vulcão entra em erupção (em atividade) pode provocar terremotos e lançar na atmosfera grande quantidade de materiais magmáticos.

Existem entre 500 e 600 vulcões ativos no mundo. O Brasil está situado no meio da placa Sul-americana, por isto está praticamente imune a terremotos e vulcões.

Os principais vulcões do mundo são: Etna (Sicilia), Monte Fuji (Japão), Kilauea (Havai), Krakatoa (Indonésia), Monte Pinatubo (Filipinas), Vesúvio (Itália) e El Chichon (México).

Neste ano (2011) a mídia reportou mais de 30 erupções de vulcões (até 20 agosto), fora as pequenas explosões que não são reportadas.

20/08/2011 – Vulcão italiano Etna entra em erupção e deixa nuvem de cinzas‎
19/08/2011 – Vulcão entra em erupção na Itália. O vulcão Etna entrou em erupção lançando colunas de cinzas e lavas
17/08/2011 – Vulcão Chivelutch lança cinzas a 8 km‎
14/08/2011 – Vulcão Soputan entra em erupção na Indonésia‎
08/08/2011 – O vulcão Karangetang, na ilha indonésia de Célebes, entrou em erupção
11/08/2011 – Vulcão submarino entra em erupção nos EUA
05/08/2011 – Hawaii – Vulcão Kilauea entra em erupção na Big Island‎
03/08/2011 – Erupção do vulcão Shivélutch na Kamchatka, Russia
02/08/2011 – Vulcão segue em erupção nos Andes chilenos
31/07/2011 – Vulcão Etna entra em erupção com lavas a 450 m de altura
10/07/2011 – Vulcão indonésio Lokon entra em erupção
03/07/2011 – O vulcão Soputan, na ilha indonésia de Célebes, entrou em erupção
03/07/2011 – Vulcão Klyuchevskoy, Rússia entrou em erupção e produziu uma pluma de cinzas que ascendeu a uma altitude de 7 km acima do nível do mar
13/06/2011 – Vulcão Nabro entra em erupção na Eritreia, leste da Àfrica Vulcão na Eritreia e lança nuvem de cinzas a 15 km de altitude
10/06/2011 – Vulcão entra em erupção no Havaí
06/06/2011 – A erupção do vulcão Cordón Caulle forçou hoje a retirada de moradores do Chile.
04/06/2011 – A erupção do vulcão Puyehue no Chile
04/06/2011 – Vulcão entra em erupção perto da Cidade do México (monte Popocatepetl)
21/05/2011 – Vulcão Grimsvötn entra em erupção na Islândia
12/05/2011 – Vulcão Etna entra em erupção na Itália
26/04/2011 – Vulcão Tungurahua entra em erupção na cordilheira do Equador
13/03/2011 – Vulcão japonês de Kyushu entrou em erupção
11/03/2011 – Vulcão Karangetang entra em erupção na Indonésia
11/03/2011 – Dois vulcões entraram em erupção na Rússia, na Península de Kamchatka
11/03/2011 – Vulcão Sakurajima, Japão, entra em erupção dia 11 de março, mesmo dia do terremoto
07/03/2011 – Cientistas monitoram novas erupções do vulcão Kilauea, no Havaí
21/02/2011 – Vulcão filipino Bulusan entra em erupção
11/02/2011 – Vulcão do monte Shinmoedake entra em erupção no Japão, após 52 anos em repouso
07/02/2011 – O vulcão Kizimen, na Rússia, entrou em erupção
01/02/2011 – O vulcão Shinmoedake, no sul do Japão, voltou a entrar em erupção
28/01/2011 – Vulcões na Ásia entram em erupção
27/01/2011 – Erupção do vulcão Bromo atrapalha tráfego aéreo na Indonésia
26/01/2011 – Vulcão Kirishima entra em violenta erupção no Japão
13/01/2011 – O vulcão Etna entrou em erupção na ilha italiana da Sicília
03/01/2011 – Vulcão Merapi tem nova erupção na Indonésia (Ilha de Java)

Notícia recente:

A Agência de Ciências e Tecnologia Marinha e Terrestre do Japão descobriu uma rachadura de pelo menos 80m de comprimento e um 1 m de profundidade que teria sido aberta no fundo do mar na costa de Sarnriku, no leste do país, após o terremoto do dia 11 de março de 2011. O desastre deixou mais de 20.400 mortos ou desaparecidos no Japão, e desencadeou a pior crise nuclear do mundo em25 anos em Fukushima. (Fonte: http://noticias.terra.com.br/mundo/asia/terremotonojapao/noticias/0,,OI5297590-EI17716,00-Japao+imagem+mostra+fenda+de+m+criada+no+mar+apos+tremor.html)

Para saber mais:

Lista de Vulcões no mundo: http://www.vulkaner.no/v/volcan/nvolalfa.html

Atividade vulcânica mundial: http://www.ovga-azores.eu/noticias/ver.php?id=54

Erupções: http://pt.euronews.net/tag/erupcao-vulcanica/

http://vulcanoticias.com.br/portal/erupcoes/2011

 

3) Terremotos

Definição: são deslizamentos que ocorrem nas falhas geológicas, quando as placas se movimentam. E estas se movimentam porque o manto é pastoso e líquido. O movimento provoca terremotos e a atividade dos vulcões.

Estima-se que ocorram a cada ano cerca de 500 mil tremores em todo o planeta, dos quais 100 mil são percebidos e pelo menos mil causam danos. A Terra não para de tremer!

Em todo o século XIX ocorreram 41 grandes terremotos, acarretando pouco mais de 350 mil mortes. No século XX, até maio de 1997, já haviam ocorrido 96 grandes terremotos, que provocaram a morte de mais de 2 milhões e 150 mil pessoas

Nunca se viu tantos terremotos acima de 6 na escala Richter em tão pouco tempo. Para os especialistas o número de terremotos não tem aumentado, porém um estudo publicado pelo Departamento de Geodésia – IG/UFRGS diz o contrário.

O estudo

Observa-se que, com exceção da década de 50, todas as outras décadas do século XX tiveram maior número de grandes terremotos quando comparadas às atividades sísmicas no planeta de cem anos atrás.

Mesmo fazendo-se uso de outros critérios ou fontes, o aumento do número de terremotos em todo o mundo é um fato inquestionável. Uma pesquisadora americana, Sarah Davis, formulou as seguintes perguntas a um grupo de especialistas da área, através da Internet:

“Está havendo um aumento na incidência de terremotos em todo o mundo no século XX? Caso existam registros antigos, esse aumento tem-se verificado ao longo dos últimos 200 anos?

Quem respondeu à questão de Sarah foi o vulcanologista Steve Mattox, da Universidade de North Dakota. Segundo ele, na primeira metade do século XX houve 15 terremotos de intensidade extrema, e na segunda metade haviam ocorrido até então 20 desses terremotos. Já em todo o século XIX registraram-se apenas 7 terremotos extremos. O Dr. Steve conclui: “"Baseando-se nessa rápida análise de uma única fonte de informação, parece que a frequência de terremotos está aumentando. A grande questão é o porquê disso". (Fonte e estudo na íntegra em http://www.ufrgs.br/museudetopografia/Artigos/TERREMOTOS.pdf)

Coincidência ou conexão?

O pesquisador Wolfgang Friederich, professor de geociências na Universidade do Ruhr, em Bochum, diz que alguns modelos sismológicos e cálculos matemáticos mostram um aumento de tensão tectônica em outras partes do mundo, depois que um terremoto é registrado.

Esse fato, combinado com dados estatísticos, criaram uma teoria: um grande terremoto – como os recentes em solo haitiano e chileno – pode atenuar a tensão em parte de uma placa tectônica, aumentando-a em outras. Isso teria potencial para causar um terremoto consecutivo, em outra parte do planeta.

"O problema é que você tem que provar que não é uma coincidência, o que é muito difícil", alega Friederich.

Alguns cientistas estão bastante seguros de que, depois de um terremoto, a tensão é redistribuída para outros pontos da placa tectônica. Mas relacionar o efeito a um segundo terremoto, ou a um abalo posterior, não é tão fácil.

Rainer Kind, pesquisador do GFZ, Centro Alemão de Geopesquisa, concorda. "Ninguém conseguiu provar com sucesso, até agora, que os terremotos registrados em um lado da placa estejam ligados a terremotos no outro lado."

Círculo de fogo

A Terra é formada por camadas sucessivas, cujas densidades aumentam da superfície para o centro. As principais são a crosta, o manto e a núcleo.

A crosta é a camada superficial da Terra. O manto apresenta subdivisões: a litosfera faz contato com a crosta, e é sólida; enquanto a astenosfera, cuja temperatura é elevada, compõe-se de rocha derretida.

As placas tectônicas apresentam densidade menor do que o magma da astenosfera, e por isso "flutuam" sobre ele. Os pontos onde essas placas se encontram são as chamadas falhas geodésicas, nas quais se concentra a maior parte dos terremotos.

"As placas movem-se tanto horizontal quanto verticalmente, ou seja, uma se move para baixo da outra", explica Friederich. "Os movimentos das placas também podem ser mistos, na vertical e horizontal."

A maior parte da atividade sísmica do mundo acontece numa área do Oceano Pacífico conhecida como Círculo de Fogo. A região tem o formato de ferradura e circunda a costa do oceano ao longo de países como a Nova Zelândia, Japão, Alasca e Chile. Outras áreas onde há terremotos frequentes são a Crista Oceânica do Atlântico e a Falha de San Andreas, na Califórnia.

Notícia recente:

Terremoto abala Washington e é sentido em Nova York

23-08-2011

O terremoto de 5,9 graus de magnitude teve como epicentro o estado de Virgínia (nordeste), a cerca de 15 km da cidade de Mineral e 139 km de Washington, e a 6 km de profundidade, segundo a medição provisória do Instituto Sismológico americano.

O tremor provocou a evacuação do Pentágono e do Congresso em Washington, onde foi sentido fortemente, enquanto que em Nova York diversos edifícios públicos também foram esvaziados rapidamente.

Fonte: http://veja.abril.com.br/noticia/ciencia/terremoto-abala-washington-e-e-sentido-em-nova-york–5

 

Veja também:

Nos últimos sete dias foram relatados mais de 31 terremotos acima de 5,0: http://starviewer.wordpress.com/2011/08/08/en-los-ultimos-7-dias-se-han-reportado-mas-de-31-terremotos-por-encima-de-5-0/

Lista de Terremotos: http://www.emsc-csem.org/#2

Monitor Sismológico: http://www.iris.edu/seismon/

Fontes:

http://www.library.com.br/Filosofia/terremot.htm

http://eco4u.wordpress.com/tag/terremotos/

http://www.dw-world.de/dw/article/0,,5335395,00.html

 

4) Inundações

As inundações vêm aumentando continuamente em todos os países da Terra. A cada ano elas surgem com ímpeto redobrado, acarretando a destruição de cidades e vilas, perdas agrícolas, doenças e mortes.

De acordo com dados do World Almanac, em todo o século XIX foram registradas três grandes inundações, onde pereceram cerca de 938 mil pessoas.

No século XX, até agosto de 1996, havia ocorrido 82 grandes inundações em diversos pontos do globo, as quais mataram aproximadamente 4 milhões e 72 mil pessoas.

Observa-se o extraordinário aumento do número dessas inundações nas últimas décadas do século XX. Nos primeiros 40 anos (1900 a 1939) houve 10 grandes inundações. Nos 40 anos seguintes (de 1940 a 1979) houve 41 grandes inundações. Se plotarmos os dados da tabela acima num gráfico de barras, teremos uma visão clara da mudança de patamar do número de inundações por década:

Segundo a ONU, o ano de 2005 ficou marcado pela ocorrência de 360 desastres naturais, ou seja, quase um por dia! Em levantamento elaborado, pela organização mundial foram, no total 168 inundações, 69 tornados e furacões e 22 secas que transtornaram a vida de milhões de pessoas.

Fonte: http://www.ufrgs.br/museudetopografia/Artigos/INUNDA%C3%87%C3%95ES.pdf

Cientistas confirmam que aquecimento global intensifica enchentes. Estudos detalham relação entre emissões de gases causadores do efeito estufa e maior incidência de chuvas.

16/02/2011

A sequência de inundações pelo mundo nos últimos meses sempre foi relacionada às mudanças climáticas com muita cautela por cientistas climáticos. A resposta mais comum era a de que eventos extremos poderiam estar ligados ao aquecimento global, mas ainda não havia base científica para comprovar tal relação. Dois estudos publicados nesta semana no periódico científico Nature tentam responder essa pergunta. E a resposta é sim, há relação. Gases causadores do efeito estufa estão associados ao aumento da formação de chuvas. Os resultados dos dois estudos são as primeiras identificações formais sobre a contribuição humana para eventos extremos como nevascas, inundações e secas

Um dos estudos analisou a intensificação da precipitação (formação da chuva a partir de altos índices de umidade na atmosfera) sobre grandes áreas do Hemisfério Norte na segunda metade do século XX. Pesquisadores do Consórcio de Impactos Climáticos do Pacífico combinaram séries de dados de modelos climáticos que têm o mesmo histórico sobre concentração de gases do efeito estufa.

“Nosso estudo indica que em grande parte do Hemisfério Norte, quantidades anuais de precipitação máxima em qualquer dia ou em cinco dias consecutivos (que normalmente estão relacionadas às enchentes) têm aumentado” disse ao iG Xuebin Zhang, co-autor do estudo que atribuiu o aumento em larga escala destes eventos aos efeitos do homem na concentração de gases do efeito estufa na atmosfera.

“O que descobrimos foi que determinadas mudanças observadas na análise dos padrões não podem ser explicadas apenas com a variabilidade climática natural. Desta forma, fomos capazes de atribuir as mudanças na precipitação às influências do homem”, disse Zhang.

Os autores cruzaram dados de diversos modelos climáticos para identificar variações nos padrões. “Quando cruzamos estes modelos climáticos podemos perceber a resposta específica a estas mudanças de concentração. Normalmente estes padrões deveriam ser quase homogêneos. Então é como reconhecer um rosto na multidão. Podemos identificar a relação de tais mudanças nos dados”, disse Francis Zwiers da Universidade de Victoria, no Canadá, também autor do estudo.

Os autores do estudo enfatizam que inundações ocorrem naturalmente, sem o aquecimento global. Mas argumentam que modelos climáticos têm subestimado os efeitos do aquecimento global provocado pelo homem sobre a intensificação da precipitação na atmosfera. (Maria Fernanda Ziegler)

Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/meioambiente/cientistas+confirmam+que+aquecimento+global+intensifica+enchentes/n1238013651807.html

Lista de Inundações em 2011:

19/08/2011 – 18 municípios enviaram à Defesa Civil relatórios sobre estragos e inundações. No total, 47 municípios da região Sul do Brasil foram atingidas pelas chuvas.
17/08/201 – Enchentes atingem milhares de pessoas no sul do Paquistão‎
13/08/2011 – FRIO – Mínima em Rondônia pode chegar a 6º C, aponta meteorologia‎. Tempestades intensas, com raios, granizo, ventania e chuva volumosa.
12/08/201 – Rússia: Foi decretado estado de emergência no distrito de Solnechny, no território de Khabarovsk, em função das enchentes do rio Silinka.
11/08/2011 – País tem semana de fortes chuvas‎. Nova Deli – As chuvas de monções foram intensas na Índia na última semana.
10/08/2011 – Após chuva, ondas chegam a 3 m na costa de Florianópolis‎, depois de três dias de chuva intensa.
08/08/2011 – Tempestades em SP e no RJ vão até triplicar nos próximos 60 anos‎
07/08/201 – Tailândia: Tempestade Nock-Ten mata 20 pessoas‎, além disso, 236 mil habitações foram afetadas pelas inundações e 72 mil e 495 hectares de cultivo ficaram destruídos devido às enchentes.
05/08/201 – Enchentes e secas atingem região sul e central da China‎
04/08/2011 – EUA: meteorologistas preveem temporada de furacões mais intensa‎
04/08/2011 – A tempestade tropical Emily varreu o sul do Haiti com fortes chuvas e ventos.
04/08/2011 – Tempestade tropical Arlene provoca inundações no México.
03/08/2011 – Chuvas provocaram enchentes e deslizamentos de terra, matando 23 pessoas na capital haitiana, Porto Príncipe.
03/08/2011 – Chuvas deixam mais de 7 mil desabrigados no Vale do Ribeira (SP)
30/07/201 – Enchentes destroem plantações na Coreia do Norte‎
28/07/2011 – Milhões de paquistaneses ainda necessitam de ajuda devido as inundações devastadoras do ano passado. Cerca de 20 milhões de pessoas foram afetadas pelas enchentes.
28/07/2011 – Chuvas afetam mais de 116 mil pessoas no Paraná e Rio Grande do Sul‎
27/07/2011 – 28 pessoas morrem em deslizamento na Coréia do Sul
27/07/2011 – Rio Souris transborda e chuvas causam inundações em Minot, nos EUA
27/07/2011 – Chuva causa deslizamento no Equador
26/07/2011 – Tempestade deixa 10 mortos nas Filipinas‎. A tempestade tropical Nock-ten provocou grandes enchentes, muitas das 15 cidades agrícolas de Albay foram inundadas pelas águas.
22/07/2011 – 50 mil pessoas afetadas pelas chuvas, no RS
22/06/2011 – Chuva provoca tragédia no Nordeste
13/07/2011 – Chuvas torrenciais na China
25/05/2011 – Aracaju debaixo d’água
18/05/2011 – Estado de emergência é prorrogado por mais 90 dias, na Venezuela
09/05/2011 – Deslizamentos de terra provocam mais de 17 mortes na Indonésia
05/05/2011 – Mais de 50 mil pessoas desabrigadas no Nordeste por causa das chuvas
18/04/2011 – Inundações na Tailândia registram 64 vítimas
11/04/2011 – Chuvas do final de semana afetam mais de 8 mil pessoas no Paraná
30/03/2011 – Inundações atingem mais de 1 milhão de pessoas na Tailândia
22/03/2011 – 14 cidades em estado de emergência em GO
22/02/2011 – Bolívia declara estado de emergência por causa das chuvas
22/02/2011 – Chuva espalha destruição na Região Serrana do Rio de Janeiro
12/01/2011 – Chuva no Sri Lanka deixa 18 mortos
10/01/2011 – Chuva não para na Malásia
03/01/2011 – Enchentes na Austrália são as piores dos últimos 50 anos
02/01/2011 – Nordeste da Austrália sofre com inundações recordes

Notícia recente:

Vazão das Cataratas do Iguaçu está oito vezes acima no normal

20-08-2011

São 12 milhões de litros de água por segundo, na manhã deste sábado (20). Passarela foi interditada por medida de segurança.

A vazão das Cataratas do Iguaçu está oito vezes acima do normal na manhã desta sábado (20). Segundo a diretoria do parque, são 12 milhões de litros de água por segundo, quando o normal é de 1 milhão e 500 mil litros por segundo.

Por medida de segurança, a passarela de acesso ao mirante da Garganta do Diabo foi interditada.

De acordo com o Instituto Tecnológico Simepar, as chuvas que atingiram as regiões sudoeste e oeste do estado contribuíram com o aumento da vazão, em virtude das cheias do rios que deságuam no Iguaçu. Da manhã da sexta-feira até a manhã de sábado (20), choveu 80 mm na região Sudoeste, sendo que a média esperada para todo o mês de agosto é de 100 mm.

Na tarde de sexta-feira (19), a vazão era de 950 mil litros de água por segundo.

Fonte: http://g1.globo.com/parana/noticia/2011/08/vazao-das-cataratas-do-iguacu-esta-oito-vezes-acima-no-normal.html

 

5) Clima: Aumento de Frio e Calor

Alerta sobre a intensificação dos cilos de calor e frio no planeta

Estamos sob risco de suicídio ecológico. A afirmação é do Biogeógrafo Norte-Americano Jared Diamond, que fez a afirmação, respondendo as perguntas freqüentes pelos “céticos do clima”. O aumento da temperatura do planeta em que se atribui a intensificação dos ciclos de calor e frio, testemunhada hoje por toda a parte do planeta. Pode ser resultado de um ciclo natural do planeta?

“A verdade é que a idéia de que as mudanças climáticas que estamos presenciando são naturais é ridícula, quanto a que nega a evolução das espécies”.

As mídias e a indústria do entretenimento mostram, cada vez mais as imagens e temas do fim do mundo, edifícios e prédios em ruínas. Será tudo isso um fascínio pela própria destruição? Conforme matéria do Jornal “O Estado de São Paulo”, tudo isso é o romantismo das imagens das civilizações passadas que entraram em colapso, como a civilização dos maias, incas e astecas.

Fonte: http://www.estadao.com.br/noticias/suplementos,alerta-que-vem-da-lama,669684,0.htm

Lista de eventos:

21/08/2011 – Onda de frio intenso causa 18 mortes no Chile
15/08/2011 – Nova Zelândia é atingida por pior onda de frio dos últimos 50 anos
12/08/2011 – Onda de calor já matou 36 pessoas desde julho no Japão
22/07/2011 – Chile enfrenta pior nevasca dos últimos 30 anos
21/07/2011 – Uma onda de calor nos Estados Unidos já matou 22 pessoas esta semana, a pior dos últimos 60 anos
18/07/2011 – Uma impressionante onda de calor toma conta de amplas regiões dos Estados Unidos, com temperaturas acima de 38 graus centígrados. Com a elevada umidade do ar, o calor se torna sufocante e o desconforto é maior do que uma temperatura de 40 graus no Rio de Janeiro, por exemplo.
09/07/2011 – SC é atingifa por onda de frio mais intensa dos últimos dez anos
08/07/2011 – O deserto de Atacama, no norte do Chile – conhecido como uma das regiões mais secas do planeta enfrenta neste inverno a maior onda de frio e neve em quase 20 anos e já acumula 18 cm de neve
08/07/2011 – Sul da China sofre com onda de calor que castiga população
07/07/2011 – Onda de frio intenso deixa dois mortos e congela canos de água em Santa Catarina
04/07/2011 – Frio: Onda de frio provoca mortes na Bolívia e Uruguai
02/07/2011 – Onda de frio na Bolívia matou pelo menos 35 pessoas
29/06/2011 – Frio intenso mata duas pessoas em Curitiba (PR)
29/06/2011 – Frio intenso provoca três mortes no Paraná
28/06/2011 – Campo Grande (MS): Frio intenso pode ser causa de 2 mortes no País
27/06/2011 – Pior onda de frio em 20 anos fecha oito escolas no Rio Grande do Sul
21/03/2011 – Ondas de calor podem aumentar cinco a dez vezes na Europa
07/03/2011 – Onda de calor de 2010 na Europa foi a pior da história. Última década quebrou recordes de temperatura dos últimos 500 anos.
24/02/2011 – Ao menos 30 morrem após onda de frio na Polônia
22/01/2011 – Forte onda de frio deixa norte dos EUA sob clima gelado

Leia também: http://www.library.com.br/Filosofia/oclima.htm

Notícias recentes:

Termômetros registram queda de 23ºC na temperatura em Cuiabá

20-08-2011

Na tarde desta sexta a temperatura chegou a 38ºC e neste sábado a 15ºC.

Segundo o Inmet, a friagem deve continuar nos próximos dias.

Os termômetros registraram uma queda de 23ºC nas últimas horas em Cuiabá. De acordo com o 9º Distrito de Meteorologia, vinculado ao Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a friagem como é conhecida, vem da região do Paraguai e derruba a massa de ar quente e seco que predominava na região Centro-Oeste.

Na tarde desta sexta-feira (19) o 9º Distrito registrava a temperatura de 38ºC em Cuiabá. Já por volta das 9h30 [horário de MT] da manhã deste sábado, os termômetros marcavam 15ºC na capital cuiabana.

Ainda segundo o 9º Distrito, no domingo o declínio da temperatura continua, com máximas de 24ºC e mínima de 15ºC. Nas outras cidades de Mato Grosso o tempo também fica nublado com possibilidade de pancadas isoladas de chuva.

Baixa umidade

A queda na temperatura chegou a Cuiabá depois de uma semana de muito calor, quando a temperatura chegou aos 40ºC e a umidade do ar chegou em nível de deserto em Cuiabá, entre 10% e 15%.

Fonte: http://g1.globo.com/mato-grosso/noticia/2011/08/termometros-registram-queda-de-23c-na-temperatura-em-cuiaba.html

 

Calor deixa 10 mortos na Itália; temperatura chega aos 47°C

24-08-2011

A onda de calor que atinge há uma semana a Itália, com temperaturas que superam os 35°C, deixou dez mortos na região de Milão, a maioria idosos, indicaram nesta quarta-feira as autoridades.

Dez idosos com idades entre 78 e 90 anos faleceram na terça e nesta quarta-feira devido a problemas cardíacos e respiratórios causados pelas altas temperaturas, segundo o serviço de emergências de Milão.

A defesa civil italiana elevou o nível de alerta em 16 cidades, entre elas Milão, Turim, Roma e Nápoles, onde são registradas temperaturas de 38°C a 40°C.

A pequena cidade de Capo Carbonara, na ilha de Sardenha, registrou a temperatura recorde de 47°C. Segundo a defesa civil, a onda de calor prosseguirá até sexta-feira.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI5310802-EI8142,00-Calor+deixa+mortos+na+Italia+temperatura+chega+aos+C.html

 

6) Ciclones, Furacões, Tornados

Definições:

Furacão – O furacão é uma tempestade com ventos muitos fortes, que se forma nos oceanos, entre as regiões tropicais, pois é de lá que ele obtém a sua energia.  Por razões históricas, os furacões que se formam no Oriente (no oceano Índico e no leste do oceano Pacífico) são geralmente chamados de tufões.

Tornado – Tempestade intensa, que pode se formar sobre a terra ou sobre o mar.

Ciclone – Movimento de grande escala que pode ocorrer tanto na atmosfera como no oceano, caracterizado por um giro realizado pelo ar ou pela água ao redor de uma área de baixa pressão na atmosfera ou no oceano. Os ciclones classificam-se em tropicais e extratropicais. Os ciclones tropicais tendem a ser mais violentos que os de latitudes médias e às vezes causam grande devastação. Os ciclones são classificados em 5 categorias, de acordo com a força dos ventos.

Na categoria 1 — intensidade mínima, os ventos estão entre 118 km/h e 152 km/h (na prática, até 130 km/h o fenômeno é chamado de tempestade tropical, e a partir daí de furacão).

Na categoria 2 — intensidade moderada, os ventos variam de 153 km/h a 176 km/h.

Na categoria 3 — intensidade forte, os ventos ficam entre 177 km/h e 208 km/h.

Na categoria 4 — intensidade extrema, os ventos situam-se entre 209 km/h e 248 km/h.

Na categoria 5 — intensidade catastrófica, os ventos passam de 249 km/h.

Mapa – Países e regiões onde pode acontecer tornado/furacão/ciclone

Aumento de tempestades em cinco bacias oceânicas sugere relação de causa e efeito entre os fenômenos.

Recente trabalho sobre a mudança na quantidade, duração e intensidade de ciclones tropicais, em cinco bacias oceânicas e nos últimos 35 anos foi publicado na Science em setembro de 2005, confirma outros estudos que apontavam um crescimento da freqüência de furacões das mais altas intensidades (categorias 4 e 5).

Esse incremento acompanha o progressivo aumento observado na temperatura da água de superfície nos mesmos oceanos. Esse aumento foi da ordem de 0,5ºC, no período 1970-2004, na temporada de furacões. Entretanto, não procura estabelecer relação de causa e efeito – embora a deixe subentendida – entre o aumento de tempestades tropicais e o aquecimento global, tal como sugerida por K. E. Trenberth, por exemplo, mas colocada como especulativa e sujeita a forte controvérsia. O debate parece reativar-se com as trágicas conseqüências do Katrina sobre Nova Orleans e região.

Uma comparação do número de furacões de categoria 4 e 5 em dois períodos, 1975-1989 e 1990-2004, mostra que no Pacífico Oeste o número aumentou de 85 para 116 (ou de 25% para 41% do total), e no Atlântico Norte, de 16 para 25 (de 20% para 25%).

Leia também:

http://www.fisica.ufc.br/lfnm/html/tornados.html

http://ambientes.ambientebrasil.com.br/mudancas_climaticas/artigos/furacoes_e_aquecimento_global.html

http://resumododia.com/paises-onde-acontecem-furacoes.html

Fontes:

http://twgeral.wordpress.com/2010/03/12/ciclone-tornado-furacao-tufao/

http://www2.uol.com.br/sciam/artigos/furacees_e_aquecimento_global.html

http://www.library.com.br/Filosofia/ciclones.htm

Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus? Sociedade

Filed Under (Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 31-07-2011

Tag: ,

This entry is part 2 of 8 in the series Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus?

"Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te." (2 Timóteo 3:1-5)

por Geração Maranata

Sinais da Sociedade

O Senhor Jesus disse que nos últimos dias a sociedade seria tão maligna como foi nos dias de Noé, ou seja, seria imoral, resistente às leis, violenta, dada aos prazeres, etc.

Em 2 Timóteo 3:1-5, o apóstolo Paulo disse que a sociedade do tempo do fim seria caracterizada por três amores:

o amor a si mesmo (humanismo)

o amor ao dinheiro (materialismo)

o amor ao prazer (hedonismo)

A mente dos homens se tornará depravada: "Além do mais, visto que desprezaram o conhecimento de Deus, ele os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem o que não deviam."(Rm 1:28)

As pessoas chamarão o mal de bem e o bem de mal: "Ai dos que ao mal chamam bem, e ao bem mal; que fazem das trevas luz, e da luz trevas; e fazem do amargo doce, e do doce amargo!" (Isaias 5:20)

Todas essas profecias estão se cumprindo diante de nós.  A sociedade tem rejeitando as diretrizes cristãs para escolher a imoralidade.

O nosso século é marcado pela explosão do conhecimento e invenções que trouxeram ao homem moderno a possibilidade de ter uma vida com conforto, prazerosa e regalada.  Porém, esse modo de viver trouxe ao homem uma série de problemas comportamentais (antes não existentes) que fazem com que as pessoas façam tudo para manter ou alcançar esse padrão de vida.

As pessoas passam a ter diversos tipos de comportamentos e atitudes:

  • Aumento da competição;
  • Desejo de ganhar mais e mais;
  • Obrigações múltiplas diárias;
  • Work-a-holic (pessoas que se dedicam ao trabalho demasiadamente, como um vício);
  • Necessidade de procurar conhecimento novo a cada dia e primeiro do que os outros;
  • A alta atração por entretenimentos (cinema, internet, teatro, TV);
  • Aumento da concupiscência (desejos) por coisas
  • Afastamento do homem da família (pelo trabalho ou por meio de entretenimento);
  • Novas diretrizes que afastam Deus da Sociedade;
  • Novos tempos no meio Evangélico: comércio, novas crenças, novos costumes, etc.
  • Afastamento dos crentes das Igrejas por causa de trabalho, lazer, estudo.
  • Afastamento do pensamento do homem das coisas de Deus;

O novo estilo de vida do homem moderno tem levado ao distanciamento de Deus, como se 'coisas' suprissem a Sua presença.  Deus foi relegado a segundo plano na vida de muitas pessoas, inclusive de muitos crentes, que só cultuam a Deus quando dá tempo ou quando querem adquirir dEle mais 'coisas'.

Na verdade, as dificuldades que o seres humanos (incluindo os cristãos) estão enfrentando hoje estão relacionadas com o fato de estarmos vivendo os 'tempos difíceis' sobre os quais Paulo falou:

"Sabe, porém, isto: nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis, pois os homens serão egoístas…" (2 Tm 3.1-2).

As pessoas estão morrendo por causa do amor – do amor a si próprias, do amor ao dinheiro e do amor aos prazeres desse mundo.

Desde sempre somos ensinados por vários 'especialistas em psicologia' que devemos amar a nós mesmos para amar ao próximo.

Até pregadores dizem isso nos púlpitos: "você precisa se amar".  Conselheiros e televangelistas dizem: "Ame-se! Goste de si mesmo! Honre-se! Você merece!"

A autocomiseração (sentir pena de si mesmo) e exaltação do ego são facilmente aceitas pelas pessoas.

Paulo diz que os "amantes de si mesmos" são "mais amigos dos prazeres que amigos de Deus". E isso está em total contradição com o Mandamento que Jesus nos ensinou:

"Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. O segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo" (Mt 22.36-39).

Jesus deixou claro que estava falando de apenas de dois mandamentos, pois disse:  "Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas" (Mt 22.40).

Não há nas Escrituras um mandamento que diz que a pessoa deve 'amar a si mesma'.

A humanidade é infeliz e sofre com os problemas da vida porque se tornou "amante de si mesma" e "mais amiga dos prazeres que amiga de Deus", ou seja o pecado do ser humano é amar a si mesmo mais do que a Deus e às outras pessoas.

Com relação a 'amar-se a si mesmo', Dave Hunt, teólogo e pesquisador em Escatologia diz o seguinte:

Linguisticamente, em toda a Bíblia, o termo agapao é sempre dirigido aos outros, nunca a mim mesmo. O conceito de amor-próprio não é o tema do Grande Mandamento, mas apenas um qualificativo. Quando Jesus ordena amar a Deus “de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento e de toda a tua força” (Mc 12.30), Ele enfatiza a natureza abrangente desse amor agapao(amor-atitude, que vai além da capacidade do homem natural, sendo possível exclusivamente pela graça divina). Se Ele usasse as mesmas palavras para o amor ao próximo, estaria encorajando-nos à idolatria. Contudo, para o grau de intensidade de amor que devemos ao próximo, Ele usou as palavras “como a ti mesmo.

Jesus não nos ordenou a amar a nós mesmos. Ele não disse que havia três mandamentos (amar a Deus, ao próximo e a nós mesmos). Ele apenas afirmou: “Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas” (Mt 22.40). O amor-próprio já está implícito aqui – ele é um fato – não uma ordem. Nenhum ensino nas Escrituras diz que alguém já não ama a si mesmo. Paulo afirma: “Porque ninguém jamais odiou a própria carne; antes, a alimenta e dela cuida, como também Cristo o faz com a igreja” (Ef 5.29). Os cristãos não são admoestados a amar ou a odiar a si mesmos. Amor-próprio, ódio-próprio (que é simplesmente uma outra forma de amor-próprio ou preocupação consigo mesmo), e auto-depreciação (possivelmente uma desculpa para culpar a Deus por não conceder ao ego maiores vantagens pessoais), são atitudes centradas no eu. Os que se queixam da falta de amor-próprio geralmente estão insatisfeitos com seus sentimentos, habilidades, circunstâncias, etc. Se realmente odiassem a si mesmos, eles estariam alegres por serem miseráveis. Todo ser humano ama a si mesmo.

Em toda a Escritura, e particularmente dentro do contexto de Mateus 22, a ordem é dirigir aos outros todo o amor que o indivíduo tem por si. Não nos é ordenado que amemos a nós mesmos. Já o fazemos naturalmente. O mandamento é que amemos os outros como já amamos a nós mesmos. A história do Bom Samaritano, que segue o mandamento de amar o próximo, não só ilustra quem é o próximo, mas qual é o significado da palavra amor. Nesse contexto, amor significa ir além das conveniências a fim de realizar aquilo que se julga ser melhor para o próximo. A idéia é que devemos procurar o bem dos outros do mesmo modo como procuramos o bem (ou aquilo que podemos até erradamente pensar que seja o melhor) para nós mesmos – exatamente com a mesma naturalidade com que tendemos a cuidar de nosso bem-estar.

Portanto, independente da compreensão que se tenha dessa passagem bíblica, a verdade insconstestável é que o homem ama a si mesmo, do contrário Cristo teria dito: “Não odieis o próximo como a ti mesmo”. (Dave Hunt)

Paulo descreve quem são as pessoas 'amantes de si mesmas" ou "egoístas":  elas também são "avarentas, jactanciosas (ou presunçosas), arrogantes, blasfemadoras, desobedientes aos pais, ingratas, irreverentes, desafeiçoadas, implacáveis, caluniadoras, sem domínio de si, cruéis, inimigas do bem, traidoras, atrevidas, enfatuadas (ou soberbos), mais amigas dos prazeres que amigas de Deus" (2 Tm 3.2-4).

A lista de Paulo começa descrevendo as pessoas dos últimos tempos como amantes de si mesmas, ou seja, o egoísmo encabeça a lista dos males do final dos tempos. O materialismo vem em segundo lugar; as pessoas serão “avarentas”, amando o dinheiro e aquilo que ele é capaz de comprar;

Soberba - A pessoa ‘soberba’ (isto é, arrogante ou altiva) é ‘alguém que procura se mostrar superior aos outros’.

Orgulho e Vaidade – Muitos se gloriam de seus próprios atos e realizações com a finalidade de impressionar as pessoas. São adeptos do culto à personalidade, são presunçosos e soberbos e desejam ardentemente fama e projeção social.  A palavra “presunçosos” se refere a “alguém que alardeia e ostenta realizações, e em sua jactância ultrapassa os limites da verdade, procurando se destacar e se engrandecer em uma tentativa de impressionar”.

Egoísmo e Avareza – Essas são as características dos “amantes de si mesmos” e que fazem que elas sejam individualistas e tenham desejos incontrolável de alcançar seus interesses pessoais em detrimento do respeito e amor ao próximo. O egoísta é ambicioso e narcisista; adora a si mesmo (2 Tm 3.2). Já o avarento, “amante do dinheiro”, é obcecado pelo lucro. Nestes últimos dias, o materialismo tem levado as pessoas a se digladiarem pelo vil metal e infelizmente, as promessas de “fortuna fácil” têm atingido os púlpitos de muitas igrejas. "Pois o amor ao dinheiro é raiz de todos os males. Algumas pessoas, por cobiçarem o dinheiro, desviaram-se da fé e se atormentaram a si mesmas com muitos sofrimentos." (1 Tm 6.10).

Incontinência – Sem domínio próprio, não consigam refrear seus impulsos naturais dominados pelo pecado (Rom 1.23-32).

Desobediência aos pais e ingratidão – Temos visto ao longo da história que a cultura anticristã tem incentivado a desobediência ao mandamento divino, explicito em Êxodo 20.12 "Honra teu pai e tua mãe, a fim de que tenhas vida longa na terra que o Senhor teu Deus te dá.". Porém, nada se compara com a insubordinação obstinada dos filhos aos pais nesses últimos dias. Os ‘desobediente a pais e mães’ são os rebeldes.

Desamor e Crueldade – Há por toda a parte pessoas desprovidas de “afeto natural”, isto é, que não tem afeição, amor e cuidado nem mesmo pela própria família. São pais desafeiçoados aos filhos e filhos que não tem a menor consideração e carinho pelos pais.

Dureza do coração e Calúnia – A palavra de Deus adverte que nos últimos dias, os homens iriam se tornar irretratáveis, “duros de coração”, e incapazes de perdoar. Nas regras de sobrevivência do mundo moderno não há espaço para a compaixão e perdão.  Calúnia, no original “diábolos”: são caluniadores aqueles que se comprazem em depreciar a honra e a moral alheia .

Traição e Hipocrisia – São desvios de caráter de pessoas que se orgulham de enganar e descumprir promessas em razão de conveniências pessoais. Temos exemplos na política e em alguns executivos de empresas.

Aversão ao bem – A Bíblia diz que nos últimos dias os homens seriam inimigos do bem e se negariam a praticá-lo. Desprezariam os bons e amariam os maus.  Atualmente a industria do entretenimento tem induzido nossas crianças a gostarem de “heróis” de caráter explicitamente mau, seres demoníacos e monstros malignos através de jogos eletrônicos e das historias em quadrinhos.

Abuso do poder – Pessoas obstinadas, orgulhosas e atrevidas que abusam do poder e cultuam a própria personalidade.

Blasfêmia e Irreverência – Os ‘blasfemos’ são aqueles que usam suas palavras para caluniar os outros. Há os que ultrajam a glória de Deus e aqueles que difamam o comportamento religioso do cristão e a doutrina. Os blasfemos também são irreverentes. O termo “irreverente” significa “ímpio” ou “sem respeito pelo sagrado”. No final dos tempos os homens se afastarão de Deus a ponto de perderem o respeito pelas coisas santas.

Apego aos prazeres mundanos – A Bíblia diz que nos últimos dias os homens viverão em função do prazer deste mundo, isto é, serão “mais amigos dos deleites do que de Deus”. O estilo de vida mundano, chamado atualmente de 'hedonismo', prega que o principal alvo da vida humana é a obtenção do prazer, a fim de evitar a dor e o sofrimento. “Os principais pecados contra Deus, praticados por esse século vil, são: blasfêmia, irreverência e apego aos prazeres mundanos”.

 

Conclusão

Amar a si mesmo mais do que amar a Deus leva à morte espiritual, mas amar a Deus com todo o seu ser leva a negar o "EU" e à vida eterna.

Jesus disse: "Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, dia a dia tome a sua cruz e siga-me. Pois quem quiser salvar a sua vida perdê-la-á; quem perder a vida por minha causa, esse a salvará. Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se vier a perder-se ou a causar dano a si mesmo?" (Lc 9.23-25).

Para reflexão:

"… Nossos cultos geralmente são celebrações de nós mesmos, mais do que celebrações de Deus.

Nunca antes, nem mesmo na igreja medieval, os cristãos foram tão obsessivos consigo mesmos.

Auto-estima, auto-confiança, auto-isto e auto-aquilo têm substituído a discussão sobre os atributos de Deus. Ironicamente, isso tem criado o oposto do que tenciona.

Sem o conhecimento de Deus, em cuja imagem fomos criados, e sem a graça que nos transformou em filhos de Deus, o narcisismo, ou amor-próprio, desenvolve-se em depressão.

Em outras palavras, quando o crente procura realização pessoal em uma igreja bíblica é como girar em torno de si mesmo.

A casa de Deus é edificada para a glória e a satisfaç&atilde%3

Ninguém sabe o dia ou a hora

Filed Under (Arrebatamento) by Geração Maranata on 18-05-2011

Tag: ,

Adaptado de Jack Kelley

As pessoas costumam usar duas frases para desencorajar a especulação sobre quando o Arrebatamento deverá ocorrer:

"Como um ladrão à noite" e "Ninguém sabe o dia ou a hora".

O dia ou a hora do Arrebatamento não podem ser conhecidos antecipadamente por qualquer pessoa sobre a Terra, pois pode ser que não estejam estabelecidos para ocorrer em um dia específico ou uma hora específica.

É muito provável que ele esteja estabelecido para ocorrer quando um número específico de crentes nascidos de novo seja alcançado, suposição baseada em Romanos 11:25:

"Porque não quero, irmãos, que ignoreis este segredo (para que não presumais de vós mesmos): que o endurecimento veio em parte sobre Israel, até que a plenitude dos gentios haja entrado."

Existem duas palavras Gregas neste verso que dão suporte crítico a um entendimento apropriado.

A primeira é traduzida como "plenitude". Este é um termo náutico que descreve o número predeterminado de marinheiros necessário para operar um navio. Até que um navio tivesse o número total de membros da tripulação, ele não poderia navegar. É por isso que os capitães de navios às vezes embebedavam homens insuspeitos e os raptavam tarde da noite, e então zarpavam imediatamente.

E a segunda, traduzida como "entrar" é também um termo náutico que descreve a chegada de um navio ao seu destino.

Ao usar esses termos, Paulo estava dizendo que o endurecimento do coração de Israel não será totalmente removido até que a Igreja atinja seu número predeterminado e tenha sido levada para o céu.

Não há nada de arbitrário sobre a atitude de Deus aqui. Ele já predeterminou o número e irá levar a Igreja ao seu destino assim que o número seja alcançado.

Ninguém sobre a terra sabe qual é o número total ou a contagem atual. Tudo o que podemos saber é que seremos Arrebatados quando o número total de Gentios tiver entrado e isso pode literalmente acontecer em qualquer dia. Então desapareceremos, as viseiras sairão de Israel e a 70ª semana começará.

Agora, de volta ao tópico. O que essas duas frases significam?  Será que sua intenção é desencorajar a especulação sobre a cronologia do Arrebatamento?

Como Um Ladrão

Retiradas as duplicidades, essa frase aparece 4 vezes no Novo Testamento. Estudemos cada uma delas e vejamos o que estão nos dizendo.

"Mas, irmãos, acerca dos tempos e das estações, não necessitais de que se vos escreva; porque vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão. Mas vós, irmãos, já não estais em trevas, para que aquele dia vos surpreenda como um ladrão." (1 Tes. 5:1-4)

Esta é a única vez que Paulo usa a frase. Está claro que ele falava do Dia do Senhor, e que conquanto ele venha de surpresa para o descrentes, os eventos que levarão até ele não devem nos surpreender. Ele não faz menção do Arrebatamento aqui.

"Mas o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; no qual os céus passarão com grande estrondo, e os elementos, ardendo, se desfarão, e a terra, e as obras que nela há, se queimarão." (2 Pedro 3:10)

Esta é a única vez que Pedro usa a frase, e novamente a referência são os Juízos dos Tempos do Fim, não o Arrebatamento.

"Lembra-te, pois, do que tens recebido e ouvido, e guarda-o, e arrepende-te. E, se não vigiares, virei sobre ti como um ladrão, e não saberás a que hora sobre ti virei." (Apo. 3:3)

"Eis que venho como ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia, e guarda as suas roupas, para que não ande nú, e não se vejam as suas vergonhas." (Apo. 16:15)

João utilizou a frase duas vezes, ambas citando o Senhor. Em Apo. 3:3 Ele criticava a Igreja de Sardes. Ele lhes lembrava que haviam se desviado de Sua palavra e deveriam acordar e voltar para ela. De outra forma não saberão quando Ele virá para eles. Note o palavreado. No arrebatamento Ele vem por nós, não para nós, e nós O encontraremos no ar. No verso 4 vemos que nem todos em Sardes estão dormindo. Existem uns poucos entre eles que estarão prontos para o Arrebatamento e andarão com Ele em mantos brancos.

Em Apo. 16:15 o mundo está bem dentro da Grande Tribulação, então a advertência do Senhor é para os crentes da Tribulação que serão responsáveis por manterem-se salvos durante o mais aterrorizante e perigoso tempo que o mundo já conheceu. Quando utilizadas simbolicamente, como aqui, vestimentas sempre representam justiça, e os crentes da tribulação serão responsáveis por manter a sua.

"Eis que venho como ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia, e guarda as suas roupas, para que não ande nu, e não se vejam as suas vergonhas." (Apo. 16:15)

 

O Dia e a Hora

Agora veremos a outra frase popular, "Ninguém sabe o dia ou a hora".

"Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai. E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem." (Mat. 24:36-37)

Depois da Grande Tribulação haverá vários sinais nos céus. O sol e a lua ficarão escuros e as estrelas cairão do céu:

"E, logo depois da aflição daqueles dias, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas." (Mat. 24:29)

Então o sinal do Filho do Homem aparecerá e todas as nações lamentarão. Depois disso eles O verão vindo nas nuvens com poder e grande glória, tendo arrebanhado Seus eleitos de todo o Céu para se juntarem a Ele:

"Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória. E ele enviará os seus anjos com rijo clamor de trombeta, os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus." (Mat. 24:30-31).

Isto é confirmado em Apo. 19:11-14.

"E vi o céu aberto, e eis um cavalo branco; e o que estava assentado sobre ele chama-se Fiel e Verdadeiro; e julga e peleja com justiça. E os seus olhos eram como chama de fogo; e sobre a sua cabeça havia muitos diademas; e tinha um nome escrito, que ninguém sabia senão ele mesmo. E estava vestido de uma veste salpicada de sangue; e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus. E seguiam-no os exércitos no céu em cavalos brancos, e vestidos de linho fino, branco e puro."

Tanto do contexto quanto da própria passagem fica claro que o Senhor estava se referindo ao dia e a hora da 2ª Vinda, quando Ele estará vindo conosco, não por nós.

"Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor. Mas considerai isto: se o pai de família soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Por isso, estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não penseis." (Mat. 24:42-44)

Poucos versos depois, o Senhor repetiu o mesmo pensamento, novamente no contexto da 2ª Vinda.

"Virá o senhor daquele servo num dia em que o não espera, e à hora em que ele não sabe, e separá-lo-á, e destinará a sua parte com os hipócritas; ali haverá pranto e ranger de dentes." (Mat. 24:50-51)

E ainda poucos versos depois. Não há como isto possa se referir ao Arrebatamento porque as coisas que Ele descreveu não serão feitas aos descrentes no Arrebatamento. Ele está falando dos juízos que sucedem a 2ª Vinda.

"Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir." (Mat. 25:13)

Pela quarta vez, em 28 versos, o Senhor disse que os crentes que estiverem na Terra no tempo da 2ª Vinda, não saberão o dia ou a hora do Seu retorno. Esta em conformidade com o contexto da parábola das 10 Virgens.

"Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do esposo. E cinco delas eram prudentes, e cinco loucas. As loucas, tomando as suas lâmpadas, não levaram azeite consigo. Mas as prudentes levaram azeite em suas vasilhas, com as suas lâmpadas. E, tardando o esposo, tosquenejaram todas, e adormeceram. Mas à meia-noite ouviu-se um clamor: Aí vem o esposo, saí-lhe ao encontro. Então todas aquelas virgens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas. E as loucas disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lâmpadas se apagam. Mas as prudentes responderam, dizendo: Não seja caso que nos falte a nós e a vós, ide antes aos que o vendem, e comprai-o para vós. E, tendo elas ido comprá-lo, chegou o esposo, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta. E depois chegaram também as outras virgens, dizendo: Senhor, Senhor, abre-nos. E ele, respondendo, disse: Em verdade vos digo que vos não conheço. Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir." (Mt 25:1-13)

Esta parábola não se refere à Igreja.  A Igreja é a Noiva, não uma dama de companhia (virgem), só há uma noiva e não 10, e o banquete vem depois das núpcias e não antes.

Não há como uma noiva recém casada ser excluída de seu próprio banquete de núpcias por um esposo que diz não conhecê-la. A parábola é a respeito dos sobreviventes da tribulação, 5 dos quais são salvos e entram no Reino e 5 que não são e não entram.

Qual É O Ponto?

"Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda." (2 Tim. 4:8)

Por mais que se procure nas Escrituras, não encontraremos uma das frases ("Como um ladrão à noite" e "Ninguém sabe o dia ou a hora") relacionada com o Arrebatamento.

Também não encontraremos nenhum verso proibindo ou mesmo desencorajando a especulação sobre a cronologia.

Ao contrário, o Senhor repreendeu os líderes religiosos do Seu tempo por não esperá-Lo, e ao fazê-lo nos encorajou a ficarmos alertas também. Ele criticou os Fariseus por não serem capazes de ler os sinais dos tempos:

"E, chegando-se os fariseus e os saduceus, para o tentarem, pediram-lhe que lhes mostrasse algum sinal do céu. Mas ele, respondendo, disse-lhes: Quando é chegada a tarde, dizeis: Haverá bom tempo, porque o céu está rubro. E, pela manhã: Hoje haverá tempestade, porque o céu está de um vermelho sombrio. Hipócritas, sabeis discernir a face do céu, e não conheceis os sinais dos tempos? Uma geração má e adúltera pede um sinal, e nenhum sinal lhe será dado, senão o sinal do profeta Jonas. E, deixando-os, retirou-se." (Mat 16:1-3)

Por Exemplo, nos mandou entender a profecia das 70 Semanas de Daniel:

"Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo; quem lê, atenda." (Mat. 24:15)

Paulo nos advertiu a não deixarmos os eventos que levem ao Dia do Senhor nos pegarem de surpresa:

"Mas vós, irmãos, já não estais em trevas, para que aquele dia vos surpreenda como um ladrão." (1 Tes. 5:4)

Como vemos acima, o Senhor prometeu que dará uma coroa àqueles que amarem a Sua vinda. Quantas razões mais precisamos?

Então, de onde veio essa idéia?

Parece que parte dela pode ser atribuída aos teólogos que mal-interpretaram as parábolas da 2ª Vinda em Mat. 24 e 25. Aparentemente eles não perceberam que quando o Senhor forjou a frase "Ninguém sabe o dia ou a hora" Ele falava sobre a Sua 2ª Vinda, não o Arrebatamento. Então é o desobediente que é pego de surpresa nessas parábolas, não o fiel.

Parte dela é também devida ao fato de que por gerações os lideres de igrejas desencorajaram ativamente o estudo da profecia por medo de que focalizar na volta do Senhor deixaria os membros menos entusiasmados a respeito de financiar seus prédios e outros programas terrenos. Eles desenvolveram interpretações que alegorizam tudo, fazendo parecer um conto de fadas em que ninguém realmente acredita. Esses são os escarnecedores de que Pedro nos advertiu, que dizem, "Onde está a promessa da sua vinda?" (2 Pedro 3:4)

Mas ainda tem mais. Mesmo entre os crentes pré-tribulacionistas, existe um medo do arrebatamento por causa de falsas doutrinas a que foram expostos.

A Hipótese do "arrebatamento parcial" sustenta que somente os verdadeiramente merecedores serão levados, enquanto o resto da Igreja será deixada para trás para purificar seus atos durante parte ou todos os juízos dos Tempos do Fim.

Outros dizem que crentes que não são também "vitoriosos" serão lançados nas Trevas Exteriores no arrebatamento e excluídos do Milênio. Essas opiniões corroem nossa segurança ao concluir que não saberemos se somos bons o bastante até ser tarde demais, e nos deixam temerosos de que não nos qualificaremos.

Existem também os "Cristãos Seculares" que não querem que a sua 'boa vida' termine antes de terem a chance de experimentá-la por inteiro. Sim, eles querem que o Senhor venha, só não ainda, não agora.

E finalmente há aqueles que sabem que se o Senhor viesse hoje, membros de sua família e círculo de amigos seriam deixados para trás. Eles não querem que o Senhor venha até que saibam que todos os que amam serão levados também.

Por todas essas razões e mais, ser confrontado com a idéia de que o Arrebatamento poderia estar muito próximo não é uma coisa reconfortante para muitos dos crentes.

Sugerir cronologias faz tudo parecer muito real, então eles não gostam disso. Quando dizem, "Ninguém sabe o dia ou a hora", querem dizer, "Não quero ouvir sobre isso".

Fique Quieto. Você Vai Assustá-los

Pessoas bem intencionadas incorretamente dizem que falar sobre os Tempos do Fim confunde os crentes, então não deveríamos fazê-lo. E se ficarmos todos alvoroçados e não acontecer? Eles perguntam.

Não é segredo que a igreja é povoada por várias pessoas que têm zelo sem conhecimento e que são facilmente iludidas por qualquer coisa que prometa tornar sua vida mais fácil (como o evangelho da prosperidade) ou os ajude a escapar de vez (arrebatamento-mania).

Em 1988 um livro intitulado '88 Razões Para o Arrebatamento Ocorrer' disparou um arrebatamento-mania. Agora um grupo de pessoas acreditam que o arrebatamento será no mês de maio-2011. E várias outras surgirão, porém com algumas horas de estudo essas previsões provam ser falsas teorias.

Paulo chamou os Bereanos de nobres porque eles vasculhavam as Escrituras diariamente para verificar o que ele pregava (Atos 17:11).

E esta é a resposta Bíblica correta a essas alegações. Não é tirar versos fora do contexto para silenciá-los. Isso só introduz outro falso ensinamento. E pior, encoraja a Igreja a voltar a dormir.

Quando ouvimos alguém sugerir ou mesmo insistir sobre este momento ou aquele outro, nossa resposta não deveria ser condenar a pessoa automaticamente por "estabelecer datas". Deveria ser "examinar cada dia nas Escrituras se estas coisas são assim" antes de tomar uma decisão a respeito.

É mais preferível ver a Igreja engajada em uma vívida discussão sobre a proximidade dos eventos dos tempos do fim do que nos ver atirar o velho "Ninguém sabe o dia ou a hora" enquanto enfiamos nossas cabeças de volta na areia.

Que assunto é um tópico mais importante para discussão hoje em dia? Além disso, as pessoas não caem quando as datas vêm e vão porque, se estão salvas, não podem cair. Se elas caírem, não estavam salvas para começar.

O Senhor não perde oportunidades para salvar as pessoas por causa dos erros que o homem comete. Ele conhecia aqueles que são Seus antes de estabelecer os fundamentos da Terra, e prometeu não perder um de nós sequer.

Por favor Igreja. Vamos voltar ao nosso trabalho. A Bíblia nos adverte que haverá falsos mestres e diz que eles serão responsabilizados. Mas ela também nos admoesta a fazer o nosso dever de casa para que conheçamos um(falso mestre) quando o virmos.

Fonte: www.olharprofetico.com (extraído: www.gracethrufaith.com)

 

 

Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus? Introdução

Filed Under (Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 28-04-2011

Tag: ,

This entry is part 1 of 8 in the series Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus?

por Geração Maranata

A Bíblia nos ensina que os dias que antecedem a volta de Jesus haverá muitos sinais! Leiamos algumas passagens:

"Mostrarei prodígios no céu e na terra: sangue, fogo e colunas de fumaça. O sol se converterá em trevas, e a lua, em sangue, antes que venha o grande e terrível Dia do SENHOR." Joel 2:30-31

O Profeta Joel, em visões de Deus, viu antecipadamente os dias futuros, coisas que hoje nós somos testemunhas oculares.

Quem poderia prever um vulcão lançar cinzas a ponto de impedir o tráfego aéreo por alguns dias como foi o da Islândia ?!

O Profeta Isaias chegou a ver em visões celestiais da terra se movendo do seu eixo:

“A terra será de todo quebrantada, ela totalmente se romperá, a terra violentamente se moverá. A terra cambaleará como um bêbado e balanceará como rede de dormir; a sua transgressão pesa sobre ela, ela cairá e jamais se levantará.” (Isaías 24:19-20)

Viu também as potências dos céus (forças de equilíbrio que regem os corpos celestes) serem abaladas:

“Portanto, farei estremecer os céus; e a terra será sacudida do seu lugar, por causa da ira do SENHOR dos Exércitos e por causa do dia do seu ardente furor.” (Isaías 13:13)

Cada terremoto provoca micro-mudanças ou alterações no eixo da terra. O versículo acima revela um grande terremoto de proporção global e que afetará todo o planeta.

O Profeta Ezequiel também viu um grande terremoto no Oriente Próximo (nas terras de Israel), esse tornará a terra de Israel numa planície:

“Pois, no meu zelo, no brasume do meu furor, disse que, naquele dia, será fortemente sacudida a terra de Israel, de tal sorte que os peixes do mar, e as aves do céu, e os animais do campo, e todos os répteis que se arrastam sobre a terra, e todos os homens que estão sobre a face da terra tremerão diante da minha presença; os montes serão deitados abaixo, os precipícios se desfarão, e todos os muros desabarão por terra.” (Ezequiel 38:19-20)

Os Profetas Zacarias e Ezequiel viram um terremoto "específico", que abrirá um caminho para fuga dos habitantes de Jerusalém e também fará brotar águas saudáveis para curar o mar morto e trazer vida por onde ele passar:

“Naquele dia, estarão os seus pés sobre o monte das Oliveiras, que está defronte de Jerusalém para o oriente; o monte das Oliveiras será fendido pelo meio, para o oriente e para o ocidente, e haverá um vale muito grande; metade do monte se apartará para o norte, e a outra metade, para o sul.”

“Naquele dia, também sucederá que correrão de Jerusalém águas vivas, metade delas para o mar oriental, e a outra metade, até ao mar ocidental; no verão e no inverno, sucederá isto.” (Zacarias 14:4, 8)

“E me disse: Viste isto, filho do homem? Então, me levou e me tornou a trazer à margem do rio.

Tendo eu voltado, eis que à margem do rio havia grande abundância de árvores, de um e de outro lado.

Então, me disse: Estas águas saem para a região oriental, e descem à campina, e entram no mar Morto, cujas águas ficarão saudáveis.

Toda criatura vivente que vive em enxames viverá por onde quer que passe este rio, e haverá muitíssimo peixe, e, aonde chegarem estas águas, tornarão saudáveis as do mar, e tudo viverá por onde quer que passe este rio.

Junto a ele se acharão pescadores; desde En-Gedi até En-Eglaim haverá lugar para se estenderem redes; o seu peixe, segundo as suas espécies, será como o peixe do mar Grande, em multidão excessiva.

Mas os seus charcos e os seus pântanos não serão feitos saudáveis; serão deixados para o sal.

Junto ao rio, às ribanceiras, de um e de outro lado, nascerá toda sorte de árvore que dá fruto para se comer; não fenecerá a sua folha, nem faltará o seu fruto; nos seus meses, produzirá novos frutos, porque as suas águas saem do santuário; o seu fruto servirá de alimento, e a sua folha, de remédio.” (Ezequiel 47:6 -12)

 

Tanto Isaias como Sofonias relatam coisas assombrosas que acontecerão sobre a face da terra, e isso por causa da maldade dos homens, mas também serão afetados todos os animais:

“Consumirei os homens e os animais, consumirei as aves do céu, e os peixes do mar, e as ofensas com os perversos; e exterminarei os homens de sobre a face da terra, diz o SENHOR.”

“Está perto o grande Dia do SENHOR; está perto e muito se apressa. Atenção! O Dia do SENHOR é amargo, e nele clama até o homem poderoso.

Aquele dia é dia de indignação, dia de angústia e dia de alvoroço e desolação, dia de escuridade e negrume, dia de nuvens e densas trevas, dia de trombeta e de rebate contra as cidades fortes e contra as torres altas.

Trarei angústia sobre os homens, e eles andarão como cegos, porque pecaram contra o SENHOR; e o sangue deles se derramará como pó, e a sua carne será atirada como esterco.

Nem a sua prata nem o seu ouro os poderão livrar no dia da indignação do SENHOR, mas, pelo fogo do seu zelo, a terra será consumida, porque, certamente, fará destruição total e repentina de todos os moradores da terra.” (Sofonias 1:3,14-18)

 

Tanto o nosso Senhor Jesus, como os Apóstolos Pedro e Tiago falam desse Grande e Terrível Dia do Senhor:

“… porém tudo isto é o princípio das dores.”

“… Porque nesse tempo haverá grande tribulação, como desde o princípio do mundo até agora não tem havido e nem haverá jamais.” (Mateus 24:8, 21)

“Então, lhes disse: Levantar-se-á nação contra nação, e reino, contra reino. Haverá grandes terremotos, epidemias e fome em vários lugares, coisas espantosas e também grandes sinais do céu.” (Lucas 21:10-11)

“Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas; sobre a terra, angústia entre as nações em perplexidade por causa do bramido do mar e das ondas; haverá homens que desmaiarão de terror e pela expectativa das coisas que sobrevirão ao mundo; pois os poderes dos céus serão abalados.” (Lucas 21:25-26)

 

Por causa de acúmulos de riquezas e injustiças sociais dos ricos contra os pobres:

“O vosso ouro e a vossa prata foram gastos de ferrugens, e a sua ferrugem há de ser por testemunho contra vós mesmos e há de devorar, como fogo, as vossas carnes. Tesouros acumulastes nos últimos dias.” (Tiago 5:3)

“Virá, entretanto, como ladrão, o Dia do Senhor, no qual os céus passarão com estrepitoso estrondo, e os elementos se desfarão abrasados; também a terra e as obras que nela existem serão atingidas.” “… esperando e apressando a vinda do Dia de Deus, por causa do qual os céus, incendiados, serão desfeitos, e os elementos abrasados se derreterão.” (2 Pedro 3:10,12)

 

Como pudemos ver nesses textos, o mundo inteiro sofrerá as conseqüências dos juízos de Deus e isso por causa da maldade dos homens.

Todas as nações sofrerão, mas Israel também será provado como nunca antes, porém haverá um remanescente que estará firme e confiante no livramento da nação.

Por esse motivo, em síntese, os Filhos de Coré, no Salmo 46, relatam profeticamente esses últimos dias que antecedem a volta de Jesus, o juízo sobre Israel e as nações, sendo que na seqüência desses acontecimentos será o preparo para o Reino Milenar de Cristo.

“Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente nas tribulações.

Portanto, não temeremos ainda que a terra se transtorne e os montes se abalem no seio dos mares;

Ainda que as águas tumultuem e espumejem e na sua fúria os montes se estremeçam.

Há um rio, cujas correntes alegram a cidade de Deus, o santuário das moradas do Altíssimo.

Deus está no meio dela; jamais será abalada; Deus a ajudará desde antemanhã.

Bramam nações, reinos se abalam; ele faz ouvir a sua voz, e a terra se dissolve.

O SENHOR dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.

Vinde, contemplai as obras do SENHOR, que assolações efetuou na terra.

Ele põe termo à guerra até aos confins do mundo, quebra o arco e despedaça a lança; queima os carros no fogo.

Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus; sou exaltado entre as nações, sou exaltado na terra.

O SENHOR dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio. (Salmo 46:1-11)

 

O Fim das Guerras:

“Ele julgará entre os povos e corrigirá muitas nações; estas converterão as suas espadas em relhas de arados e suas lanças, em podadeiras; uma nação não levantará a espada contra outra nação, nem aprenderão mais a guerra.” (Isaías 2:4)

A Restauração de todo o planeta e alterações no comportamento e dieta dos animais:

“A vaca e a ursa pastarão juntas, e as suas crias juntas se deitarão; o leão comerá palha como o boi. A criança de peito brincará sobre a toca da áspide, e o já desmamado meterá a mão na cova do basilisco.” (Isaías 11:7-8)

 

Enfim!

Tudo que nossos olhos contemplam nos dias de hoje e do futuro tenebroso que haverá de vir sobre o mundo, para os salvos em Cristo, não há motivos para temores e apreensão, pelo contrário, há motivos para estar ainda mais confiantes, pois além de Jesus endossar todas as palavras dos antigos profetas, acrescentou ainda mais detalhes dos desdobramentos que se seguirão. Ele nos deixou uma grande palavra de consolação:

“Ora, ao começarem estas coisas a suceder, exultai e erguei a vossa cabeça; porque a vossa redenção se aproxima.” (Lucas 21:28)

Essa redenção do qual Jesus fala, não se trata da redenção para salvação, pois todos que nEle creram e O aceitaram já estão salvos, mas o sentido aqui é o corpo mortal se revestir da imortalidade para estar na presença do Senhor continuamente.

Por esse motivo Paulo explica aos Coríntios:

“E, por isso, neste tabernáculo, gememos, aspirando por sermos revestidos da nossa habitação celestial.” “Pois, na verdade, os que estamos neste tabernáculo gememos angustiados, não por querermos ser despidos, mas revestidos, para que o mortal seja absorvido pela vida.” 2 Coríntios 5:2, 4)

 

O que nos resta então?!

Falar de Jesus a quem puder e procurar viver numa vida de santificação para que sejamos dignos de sermos chamados às Bodas do Cordeiro.

Maranata!

…..

José Nunes Rodrigues Filho (PIB em Florianópolis–SC) é Professor de Velho Testamento e Escatologia e colaborador do blog Geração Maranata.

 

Quando uma profecia é cumprida na história? Futurismo

Filed Under (Métodos de Interpretação Profética) by Geração Maranata on 10-03-2011

Tag: , , , , ,

This entry is part 3 of 4 in the series Quando uma profecia é cumprida na história?

por Geração Maranata

Há quatro pontos de vista sobre possíveis interpretações do tempo na profecia bíblica:

Presente (Historicismo)

Passado (Preterismo)

Futuro (Futurismo)

Atemporal (Idealismo)

Nesta última série será abordado o Futurismo.

O Futurismo é uma das quatro possíveis interpretações do tempo na profecia bíblica. Ele tenta responder à pergunta:

“Quando uma profecia é cumprida na história?”

 

Futurismo

Os Futuristas defendem a tese de que todos os eventos proféti­cos só ocorrerão depois de encerrada a “Era da Igreja”, a qual ainda estamos vivendo.

As profecias do Livro do Apocalipse, do Livro de Daniel, o discurso no Monte das Oliveiras e o termo “Ovelhas e Bodes” ocorrerão no futuro, durante a Grande Tribulação, na 2ª vinda de Jesus Cristo e no Milênio.  O cumprimento é literal, físico, apocalíptico e global.

O Futurismo era a tese adotada na Igreja primitiva, que acreditava nos eventos futuros.

Dos quatro pontos de vista é o único que apóia o pré-tribulacionismo, onde o Arrebatamento está relacionado com o momento histórico em que ocorrerá a Tribulação.

O Preterismo declara que a Tribulação já ocorreu.

Uma das vertentes do Historicismo declara que a Tribulação começou no século IV com os eventos relacionados com a cristianização do Im­pério Romano iniciada por Constantino e que ela continuará até a Segunda Vinda.

O Idealismo nega que seja possível estabelecer uma data para qualquer desses eventos.

 

Grupos

 

Os Futuristas podem se dividir em dois grupos:

- Futuristas extremos – Acreditam que todo o Apocalipse refere-se à vinda do Senhor Jesus Cristo.

- Futuristas simples – Aceitam que os três primeiros capítulos do livro já foram cumpridos; o restante se refere à aparição vindoura de Cristo.

A maioria dos Pentecostais tem uma visão futurista . Crêem que tudo ou quase tudo após o capítulo quatro do Apocalipse será cumprido num espaço de tempo de sete anos, após o término da Dispensação da Igreja (ou Era da Igreja, ou Tempo dos Gentios).

Os futuristas que buscam interpretar o Apocalipse, também se dividem quando abordam o Milênio (Ap 20). [artigo a ser publicado]

Visão Histórica do Futurismo

Embora não tão consistente como o Futurismo moderno, a Igreja Primitiva pode ser classificada como Futurista, mais do que qualquer das outras três possibilidades (Preterismo, Historicismo e Idealismo).  Com poucas exceções, a Igreja Primitiva acreditava que os eventos da tribulação, do milênio e a segunda vinda aconteceriam em algum tempo no futuro.

A teoria amilenista iniciou no século III e foi difundida com a cristianização do Império Romano através do Imperador Constantino no século IV, a partir daí o Futurismo começou a ser deixado de lado.

No início do século IV para o V a influência de Jerônimo e Agostinho, contrários ao Futurismo, fez com que essa teoria ficasse neutralizada durante a era de mil anos da Idade Média.

Porém, durante esse tempo, o Futurismo permaneceu em grupos que não aceitavam a autoridade católica romana.

A Reforma trouxe um retorno ao estudo das origens da Igreja Primitiva. No Norte da Europa alguns escritores, de dentro da Igreja Católica Romana ajudaram na renovação do estudo da profecia de uma perspectiva Futurista, seguidos por escritores das Igrejas Reformadas Protestantes.

 

Apocalíptica Medieval

Os que criticam a visão Futurista tomam por base que essa teoria é nova, tendo surgido no século XIX com Darby e os Irmãos Plymouth.

Isso não consiste em verdade, pois apesar de não haver muitos manuscritos, não quer dizer que o Futurismo não existisse como uma visão profética.

Antes da invenção da imprensa, quando tudo era escrito à mão, milhões de manuscritos de cartas e estudos teológicos e sermões desapareceram naturalmente pela ação do tempo, somente sendo conservados aqueles que foram copiados e recopiados e foram cuidadosamente guardados.

Igreja Romana queimou milhões de escritos de pregadores. Por exemplo, os Valdenses foram praticamente aniquilados e tiveram queimados seus dois grandes prédios armazenadores de livros e outros manuscritos, milhares de cópias de Bíblia, de livros de Teologia, e sermões.

Portanto, em geral, o silêncio de documentos sobre alguma doutrina não tem o poder de desmenti-la. Só a Bíblia põe de pé ou derruba qualquer doutrina.

Porém, tem havido descobertas da apocalíptica medieval em diferentes graus de futurismo.

 

Ephraem, o Sírio (306-373 dC)

Compositor de hinos e Teólogo do século IV d.C, ensinou claramente que os crentes serão arrebatados ao céu antes da Tribulação. Ele era de Nisibis, na borda oriental do Império Romano (cerca de 100 quilômetros noroeste de Nínive). Ephraem foi um bem conhecido e prolífico escritor Sírio e testemunha de início do Cristianismo.
Segue-se parte do sermão de Ephraem chamado "Sobre os últimos tempos, o Anticristo, e o fim do mundo." Tal sermão é reconhecido como estando entre os mais interessantes de textos apocalípticos do início da Idade Média. O sermão descreve os acontecimentos dos últimos dias, começando com o Arrebatamento, a Grande Tribulação de 3 1 / 2 anos de duração sob o domínio do Anticristo, seguido da segunda vinda de Cristo. A tradução do latim (há quatro manuscritos conhecidos) deste sermão inclui o seguinte segmento:

"Porque todos os santos e os eleitos de Deus são reunidos antes da tribulação que está para vir, e são levados ao Senhor para que não vejam a confusão que está a oprimir o mundo por causa de nossos pecados"

(Traduzido por Hélio de M.S. a partir da tradução do texto latino para o inglês, [Christiania, 1890, pp. 208-20], feita por CameronRhoades, professor de Latim no Tyndale Theological Seminary, em Fort. Worth, TX).

Em outro livro de Ephraem  “O Livro da Caverna dos Tesouros”, escrita em cerca de 370 d.C., ele expressou sua crença de que a 69ª. de Daniel terminou com a rejeição e crucificação de Jesus, o Messias. (O Livro da Caverna de Tesouros, p. 235) Este ensino dispensacionalista também apóia o Arrebatamento Pré-Tribulação.

 

Ressurgimento do Futurismo

O Futurismo ressurgiu no final da Idade Média e foi inialmente implementada pelos Jesuítas, como uma posição apologética à visão profética do Historicismo.  Os Jesuítas estipularam que as profecias relativas ao aparecimento do Anticristo não tinham nada a haver com o Papa Romano daquele tempo, mas com o aparecimento do homem do pecado no fim dos tempos, como era o ponto de vista da Igreja primitiva. (Obs: Os Futuristas de hoje não negam a probabilidade de que o Papado possa estar envolvido com o aparecimento do Anticristo no fim dos tempos.)

Devido à visão Historicista na Idade Média até a Reforma, se levantaram vários escritores que publicaram artigos apoiando a visão Futurista.

O jesuíta Francisco Ribera (1537-1591) foi um dos primeiros a reviver uma forma rudimentar de Futurismo em torno de 1580.

Devido à dominância do Historicismo, o Futurismo não progrediu até a Reforma Protestante em 1820.

No final de 1820, o Futurismo começou a ganhar adeptos e crescer nas Ilhas Britânicas, muitas vezes motivado por um interesse reavivado no plano de Deus para Israel, durante o qual ele ganhou um dos seus mais influentes proponente: John Nelson Darby.

Através de Darby e outros expositores, o Futurismo espalhou-se para a América e em todo o mundo evangélico.

Nos próximos cem anos viu-se, pela primeira vez, o pleno desenvolvimento do Futurismo consistente. Isso levou, por sua vez, para a formulação do dispensacionalismo e uma compreensão mais clara do arrebatamento da igreja.

 

Personalidades

Francisco Ribeira (1537-1591)

Espanhol, teólogo e padre jesuíta teria desenvolvido, de forma rudimentar, o conceito de Futurismo como o conhecemos hoje. Escreveu um comentário de 500 páginas sobre o livro do Apocalipse (1585), seis anos antes de sua morte (1591). O comentário foi escrito sob um ponto de vista histórico porque em sua época, havia uma convicção que o catolicismo e seu Papa eram o sistema do Anticristo e o próprio Anticristo.  Isso interromperia o fogo cerrado que colocava o Papa e a Igreja Católica como o Anticristo e seu governo. Estes eventos foram colocados em um período no futuro, três anos e meio antes do retorno de Cristo (o que está de acordo com os ensinos dos pais de Igreja primitiva). Esperava-se que a conclusão que seria tirada do comentário de Ribera, que a Igreja católica daquele tempo, não poderia ser o sistema do Anticristo encabeçado pelo Papa de Roma.

Em seu comentário, Ribera cria que o arrebatamento aconteceria 45 dias antes do fim do período de três anos e meio de tribulação (um tipo de Pré-Ira). Esta era a primeira vez que a segunda vinda era dividida em duas vindas separadas, sendo que uma delas seria para a Igreja e, uma outra vinda, ao término do período da grande tribulação, juntamente com a Igreja, que já teria sido, anteriormente, arrebatada, e que voltaria com Cristo.

Robert Bellarmine (1542-1621)

Cardeal e Apologista jesuíta desenvolveu o conceito pluralista do Futurismo. Escreveu  "Conferências Polêmicas Relativas aos Pontos Disputados da Convicção Cristã Contra os hereges deste tempo”. Seu propósito era refutar a teoria histórica de figurar os 1260, 1290 ou 2300 dias de Daniel, como se fossem anos.

Manuel de Lacunza (1731-1801)

Padre jesuíta escreveu um livro com o pseudônimo ”Rabino Bem Ezra“ com o título: “A Vinda do Messias em Glória e Majestade”. Neste livro ele defende a tese de que a igreja seria arrebatada 45 dias antes do retorno de Jesus a Terra. Durante esses 45 dias Deus estaria julgando a maldade na terra. Lacunza não promoveu um arrebatamento pré-tribulacionista  antes do aparecimento do Anticristo. Seu arrebatamento aconteceria 45 dias antes do final da 70ª semana de Daniel.

Morgan Edwards (1722-1795)

Ministro Batista, escreveu sobre a doutrina pré-tribulacionista em torno de 1740. Nesta obra, Edwards expos suas visões sobre um arrebatamento pré-tribulacionista que reuniria a Igreja.  Aparentemente ele não se baseou em outros trabalhos, sua intenção era fazer oposição aos historicistas e amilenaristas. Trecho de um escrito seu:

“Eu digo, “um pouco mais”, porque os santos mortos serão ressuscitados e os [santos] vivos [serão] mudados na ocasião "a encontrar o Senhor nos ares" (I Tess. Iv.17), e isto ocorrerá cerca de três anos e meio antes do [início do] milênio, como veremos a seguir: mas será que Ele [Cristo] e eles [os salvos arrebatados] permanecerão no ar durante todo esse tempo? Não: eles vão ascender ao paraíso, ou para algumas das muitas das "mansões na casa do pai" (João XIV.2), e desaparecem durante o período de tempo antes mencionado. O propósito dessa retirada e desaparecimento será o de julgar os santos ressurretos e mudados [para corpos glorificados], porque "agora é tempo que comece o julgamento", e isto se dará "na casa de Deus" (I Ped. Iv.17.). . . (Página 7; a grafia de todas as citações de Edwards foram modernizadas.

Samuel Roffey Maitland (1792-1866)

Advogado e Bibliotecário da Igreja Anglicana, diz-se que, após ler o livro de Lacunza, passou a promover o Futurismo a partir de 1826. Começou a ensinar que o período de Tribulação seria três anos e meio.

John Nelson Darby (1800-1882)

Sacerdote irlandês, Futurista, pré-milenista, é considerado o pai do ‘Dispensacionalismo’ que, entre outros ensinamentos, argumentou que havia uma radical descontinuidade entre a igreja e Israel, defendendo dessa forma a existência de dois povos distintos pertencentes a Deus, o qual tinha planos diferentes para cada um desses povos.

Junto com essa crença de uma separação entre a igreja e Israel, os dispensacionalistas defendem que a igreja será arrebatada antes da septuagésima semana profetizada por Daniel (Dn. 9.24-27), período também conhecido como a “Grande Tribulação”.

Realizou uma tradução da Bíblia baseada nos textos hebraicos e gregos, chamada em inglês The Holy Scriptures: A New Translation from the Original Languages by J. N. Darby, também traduzida para o alemão e francês. No Brasil essa Bíblia de Estudos é chamada de ‘Bíblia de Referência Scofield’.

Edward Irving (1792-1834)

Ministro presbiteriano escocês. Estudioso das profecias bíblicas, traduziu as obras de Manuel Lacunza (padre jesuíta) para o inglês e pregava o eminente retorno de Jesus Cristo. Entre suas interpretações, ensinava que nos últimos dias haveria uma nova manifestação do Espírito Santo, o que valeu sua expulsão do presbitério de Londres em 1830.

Os seguidores de Irving organizaram a Holy Catholic Apostolic Church, com a intenção de difundir os ensinamentos de Irving entre os protestantes, católicos e ortodoxos. Visavam o re-estabelecimento do retorno do apostolado, da profecia, do selo (imposição das mãos para receber o Espírito Santo) e o dom de línguas.

Alguns acusam Irving de ‘espírita’ e ‘médium’ por causa de manifestações espirituais, conhecido hoje por movimento Pentecostal.

Defesa da Teoria Futurista

É possível desenvolver uma defesa do Futurismo a partir da Bí­blia, contrastando e comparando o Futurismo com as outras três abordagens interpretativas. Por exemplo:

1 – É possível mostrar que o Futurismo é preferível ao Preterismo, demonstrando que textos específicos da Escritura indicam que o termo "Vinda", nas passagens debatidas, refere-se a uma volta corporal de Cristo a terra, não uma ‘vinda mística’ mediada pelo exército romano, como alegam os Preteristas.

2 – Uma área que dá vantagem ao Futurismo sobre o Histo­ricismo é a demonstração de que os números que se relacionam a ‘dias, meses e anos’ devem ser aceitos literalmente. Não há base bí­blica para que dias sejam interpretados como anos.

3 – Um argumento principal que dá vantagem ao Futurismo sobre o Idealismo é o fato de que os números são importantes. Em outras palavras, por que razão Deus forneceria centenas de indicadores cronológicos e temporais na Bíblia se não tivesse a intenção de cumpri-los?

O Futurismo interpreta a Bíblia de maneira li­teral e, depois de fazê-lo, harmoniza suas conclusões num sistema teológico coerente.

Outra prova que o Futurismo defende é a compreensão de Israel como povo de Deus e o plano que Ele estabeleceu para eles. Quando vemos a Bíblia usando o termo "Israel", lembramos que Ele sempre se refere às mesmas pessoas ao longo de toda a Bíblia, então segue-se que muitas passagens que se referem a Israel nunca foram cumpridas e para que sejam cumpridas eles terão de ocorrer no futuro.

Uma passagem que ilustra este é Deuteronômio 4:25-31.

“Quando, pois, gerardes filhos, e filhos de filhos, e vos envelhecerdes na terra, e vos corromperdes, e fizerdes alguma escultura, semelhança de alguma coisa, e fizerdes o que é mau aos olhos do SENHOR teu Deus, para o provocar à ira;

Hoje tomo por testemunhas contra vós o céu e a terra, que certamente logo perecereis da terra, a qual passais o Jordão para a possuir; não prolongareis os vossos dias nela, antes sereis de todo destruídos.

E o SENHOR vos espalhará entre os povos, e ficareis poucos em número entre as nações às quais o SENHOR vos conduzirá.

E ali servireis a deuses que são obra de mãos de homens, madeira e pedra, que não vêem, nem ouvem, nem comem, nem cheiram.

Então dali buscarás ao SENHOR teu Deus, e o acharás, quando o buscares de todo o teu coração e de toda a tua alma.

Quando estiverdes em angústia, e todas estas coisas te alcançarem, então nos últimos dias voltarás para o SENHOR teu Deus, e ouvirás a sua voz.

Porquanto o SENHOR teu Deus é Deus misericordioso, e não te desamparará, nem te destruirá, nem se esquecerá da aliança que jurou a teus pais.”

 

A leitura literal do texto terá de admitir que os dois últimos eventos em negrito vermelho ainda têm de ser cumpridas por Israel da mesma forma literal em que historicamente os três primeiros eventos, em negrito azul, foram cumpridos.  Assim, a realização dos dois últimos acontecimentos na vida de Israel terá de acontecer no futuro. Este é um sólido argumento de visão Futurista da profecia, pois este tipo de argumento pode ser aplicado em toda a Bíblia. (Veja também Deut. 27-32 para uma expansão de 4:25-31).

 

CONCLUSÃO

Assim como pessoas, lugares e tempos devem ser entendidos literalmente em Gênesis 1-11, também os textos re­lacionados ao tempo do fim devem ser entendidos da mesma for­ma. Dias significam dias; anos significam anos; meses significam meses.

Assim, a única maneira pela qual o livro do Apocalipse e outras porções proféticas da Bíblia farão qualquer sentido, é se fo­rem entendidas de forma literal. Isso significa que a maior parte delas ainda não aconteceu, sendo, portanto, futuras.

Cerca de um terço da Bíblia consiste em profecia, e a maior parte dessa profecia versa sobre o futuro. Uma vez que uma abordagem coerentemente literal de toda a Bíblia, inclusive das partes proféti­cas é a maneira correta de entender a revelação de Deus ao ho­mem, a abordagem Futurista é a maneira correta de considerar a cronologia da profecia bíblica.

Proponentes:

O Futurismo tem variantes antigas e modernas; a mais comum entre os modernos evangélicos protestantes é o Dispensacionalismo.  A maioria dos cristãos acredita que Jesus voltará para cumprir o resto da profecia messiânica. Proponentes conhecidos:

  • Gleason Archer
  • Donald Barnhouse
  • Martin De Haan
  • Raymond Duck
  • Arno Clemens Gaebelein
  • Norman Geisler
  • Harry A. Ironside
  • Walter Kaiser, Jr.
  • Hal Lindsey [6]
  • Ernst Lohmeyer
  • John Fullerton MacArthur
  • J. Vernon McGee
  • Henry Madison Morris
  • William A. Newell
  • J. Dwight Pentecost
  • John Bertram Phillips
  • Francisco Ribera
  • Charles Caldwell Ryrie
  • Ray Stedman
  • Merrill Tenney
  • John Walvoord
  • Warren W. Wiersbe

Geração Maranata (se for reproduzir, informe a fonte)

Fontes:

Livro “Profecias de A a Z” de Thomas Ice & Timothy Demy

http://www.pre-trib.org

http://solascriptura-tt.org/

http://pt.wikipedia.org

http://www.verdade-viva.net

Toda a Igreja será arrebatada?

Filed Under (Arrebatamento) by Geração Maranata on 05-03-2011

Tag:

por Geração Maranata

 

Ao ler a parábola das dez virgens (cinco noivas prudentes e cinco imprudentes) – Mateus 25:1-13 – entendemos  que nem todos na igreja estão preparados para o arrebatamento e, portanto, serão "deixados para trás", ou melhor, para depois, pois as bodas só serão celebradas depois do Tribunal de Cristo !

A promessa de Jesus à Igreja de Filadélfia (sexta Igreja na ordem da Carta) é específica e diz:

”Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra.” (Apocalipse 3:10)

Enquanto que para a Igreja de Laodicéia (a sétima Igreja na ordem da Carta ) nosso Senhor Jesus adverte:

“… pois dizes: Estou rico e abastado e não preciso de coisa alguma, e nem sabes que tu és infeliz, sim, miserável, pobre, cego e nu.” (Apocalipse 3:17)

“Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo.” (Apocalipse 3:20)

Mais uma vez Jesus adverte…

“Eis que venho como vem o ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes, para que não ande nu, e não se veja a sua vergonha.” (Apocalipse 16:15)

Que vergonha?! Serão as más obras que possivelmente impedirão que muitos participem do arrebatamento (ou rapto) que se dará antes da Grande Tribulação.  Alguns estudiosos concordam que muitos da igreja vão ficar para serem provados, alguns com a pena de morte, pois outro texto diz:

“Clamaram em grande voz, dizendo: Até quando, ó Soberano Senhor, santo e verdadeiro, não julgas, nem vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?” (Apocalipse 6:10)

Devemos levar em consideração que essas almas que clamam, não são as que sofreram martírio ao longo desses 2000 anos, pois por ocasião do arrebatamento a situação deles – antes da nossa, já terá sido resolvida, pois Paulo disse: "… os mortos em Cristo subirão e depois, nós os que estivermos vivos seremos transformados… " (I Tessanolicenses 4:16)

Quanto às almas que sofrerão o martírio durante a Grande Tribulação: alguns procedimentos serão tomados e uma palavra de consolo lhes será dirigida:

“A cada um deles foi dada uma vestidura branca, e lhes disseram que repousassem ainda por pouco tempo, até que também se completasse o número dos seus conservos e seus irmãos que iam ser mortos como igualmente eles foram.” (Apocalipse 6:11)

Quando o anjo faz uma pergunta a João, toda a Igreja já foi purificada:

“Um dos anciãos tomou a palavra, dizendo: Estes, que se vestem de vestiduras brancas, quem são e donde vieram?” (Apocalipse 7:13)

“São estes os que vêm da Grande tribulação, lavaram suas vestiduras e as alvejaram no sangue do Cordeiro.” (Apocalipse 7:13-14)

Um pouco mais à frente se ouve um louvor a ecoar:

“Alegremo-nos, exultemos e demos-lhe a glória, porque são chegadas as bodas do Cordeiro, cuja esposa a si mesma já se ataviou.” (Apocalipse 19:7)

“Então, me falou o anjo: Escreve: Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E acrescentou: São estas as verdadeiras palavras de Deus. (Apocalipse 19:9)

O próprio escritor de Hebreus teve uma revelação desse tempo glorioso nos céus, que está por se cumprir, tendo começado na antiguidade, vejamos:

“Mas tendes chegado ao monte Sião e à cidade do Deus vivo, a Jerusalém celestial, e a incontáveis hostes de anjos, e à universal assembléia e igreja dos primogênitos arrolados nos céus, e a Deus, o Juiz de todos, e aos espíritos dos justos aperfeiçoados.” (Hebreus 12:22-23)

Outro detalhe, se a Igreja ainda estiver na terra por ocasião da Grande Tribulação, para que então seria preciso as Duas Testemunhas (Apocalipse 11:3-11)?!

É possível, como alguns crêem, que por ocasião da ressurreição das Duas Testemunhas, toda a Igreja já estará na Glória, pois em outro texto mostra que parte das Sete Taças ainda não foi derramada, vejamos:

“Então, veio um dos sete anjos que têm as sete taças cheias dos últimos sete flagelos e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar-te-ei a noiva, a esposa do Cordeiro.” (Apocalipse 21:9)

 

Então o anjo revela a João os detalhes da Nova Jerusalém, que haverá de descer dos céus, bem como a situação dos que estão na terra e com uma observação muito importante: somente os Inscritos no Livro da Vida do

Cordeiro terão acesso à Nova Jerusalém, enquanto outros a contemplarão, mas não poderão entrar, vejamos:

“Nela, nunca jamais penetrará coisa alguma contaminada, nem o que pratica abominação e mentira, mas somente os inscritos no Livro da Vida do Cordeiro.” (Apocalipse 21:27)

No versículo anterior diz que as nações trarão honra e glória: “E lhe trarão a glória e a honra das nações.” (Apocalipse 21:26)

 

Voltando ao Arrebatamento e Ressurreições

A Igreja de Filadélfia é fiel e será preservada da Grande Tribulação, já a de Laodicéia é uma Igreja Apóstata e mundana (Apocalipse 3:14-22).

Milhões de cristãos estão brincado com a Graça de Deus, alguns sem saber, outros por indução e/ou ignorância de seus líderes (reprováveis quando confrontados pela Palavra).

Alguns líderes devem pensar que a ignorância dos fiéis, deverá incluí-los no arrebatamento, mas se fosse assim o Senhor não teria nos dado a Grande Comissão. A ignorância não tem o poder de salvar, pois logo não faria sentido continuar pregando o evangelho, buscar uma vida de santificação e a separação do mal, muito pelo contrário, sempre, desde a antiguidade os Atalaias (Mensageiros) de Deus estarão sempre advertindo e alertando.

Da mesma forma que a ignorância de leis da natureza não livra aquele que a viola, assim também a ignorância sobre a Salvação, não pode livrar os que vivem no pecado, deliberadamente ou não.

Jesus mesmo disse:

“Acautelai-vos por vós mesmos, para que nunca vos suceda que o vosso coração fique sobrecarregado com as conseqüências da orgia, da embriaguez e das preocupações deste mundo, e para que aquele dia não venha sobre vós repentinamente, como um laço.” (Lucas 21:34)

N. Lawrence Olson em seu livro “O Plano Divino Através dos Séculos”, aborda (entre outros assuntos) detalhadamente os temas: A Segunda Vinda de Cristo, Ressurreições e os Juízos:

a) Tribunal de Cristo (Bema);

b) O Trono da Glória de Cristo e

c) O Grande Trono Branco (Juizo final).

Quanto às ressurreições Paulo usa o termo grego Tagmati (grupos sucessivos, fileira ou formação militar):

“Porquanto o Senhor mesmo, dada a sua palavra de ordem, ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e, assim, estaremos para sempre com o Senhor” (I Tessalonicenses 4:16-17).

Na primeira Ressurreição se dará no advento da volta de Cristo nas nuvens (em secreto para a igreja, mas que afetará o mundo inteiro).  Existem outras Ressurreições que se darão no período da Grande Tribulação, mas que estão conectadas com a Primeira, ou seja:

a) Cristo, as Primícias,

b) Os Vencedores,

c) A Colheita Geral e

d) As Respigas, que serão recolhidas durante a segunda metade da Grande Tribulação.

“Um dos anciãos tomou a palavra, dizendo: Estes, que se vestem de vestiduras brancas, quem são e donde vieram? Respondi-lhe: meu Senhor, tu o sabes. Ele, então, me disse: São estes os que vêm da grande tribulação, lavaram suas vestiduras e as alvejaram no sangue do Cordeiro.” (Apocalipse 7:13-14)

Depois do Tribunal de Cristo (Bema), a distribuição dos galardões, as posições selecionadas no Exército de Cristo e tendo participado da Grande Ceia Celestial, todos os santos, montados em cavalos, rodeados das miríades e miríades de anjos, seguirão o Grande General, o Nosso Comandante, Jesus Cristo, para que se cumpra todos os desígnios de Deus, prescritos desde a Eternidade e revelados de geração em geração pela boca de seus servos, os profetas,começando por Enoque e terminando com João:

“Quanto a estes foi que também profetizou Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que veio o Senhor entre suas santas miríades, para exercer juízo contra todos e para fazer convictos todos os ímpios, acerca de todas as obras ímpias que impiamente praticaram e acerca de todas as palavras insolentes que ímpios pecadores proferiram contra ele.” (Judas 1:14-15)

“… e seguiam-no os exércitos que há no céu, montando cavalos brancos, com vestiduras de linho finíssimo, branco e puro. Sai da sua boca uma espada afiada, para com ela ferir as nações; e ele mesmo as regerá com cetro de ferro e, pessoalmente, pisa o lagar do vinho do furor da ira do Deus Todo-Poderoso. Tem no seu manto e na sua coxa um nome inscrito: REI DOS REIS E SENHOR DOS SENHORES.” (Apocalipse 19:14-16)

“Então, ouvi uma como voz de numerosa multidão, como de muitas águas e como de fortes trovões, dizendo: Aleluia! Pois reina o Senhor, nosso Deus, o Todo-Poderoso.” (Apocalipse 19:6)

Centenas de profecias hão de se cumprir naqueles dias, por exemplo:

Do Profeta Obadias que disse: “Salvadores hão de subir ao monte Sião, para julgarem o monte de Esaú; e o reino será do SENHOR.” (Obadias 1:21)

De Isaias que falou do sentimento de gratidão e reconhecimento do remanescente de Israel :  “Naquele dia, se dirá: Eis que este é o nosso Deus, em quem esperávamos, e ele nos salvará; este é o SENHOR, a quem aguardávamos; na sua salvação exultaremos e nos alegraremos.” (Isaías 25:9)

Da Palavra de Consolo que virá da parte de Deus, especialmente para a nação Israelita: “Por breve momento te deixei, mas com grandes misericórdias torno a acolher-te” (Isaías 54:7)

Da promessa de Deus de que mandará buscar todos os resíduos de Israel espalhados entre as nações , quando o Senhor fizer o censo de Seu Povo, reinando sobre toda a terra a partir de Jerusalém conforme o Salmista previu:

“E com respeito a Sião se dirá: Este e aquele nasceram nela; e o próprio Altíssimo a estabelecerá. O SENHOR, ao registrar OS povos, dirá: Este nasceu lá. O SENHOR, ao registrar OS povos, dirá: Este nasceu lá. O SENHOR.” (Salmos 87: 5-6)

“Certamente, as terras do mar me aguardarão; virão primeiro os navios de Társis para trazerem teus filhos de longe e, com eles, a sua prata e o seu ouro, para a santificação do nome do SENHOR, teu Deus, e do Santo de Israel, porque ele te glorificou.” (Isaías 60:9)

“Então saberão que eu sou o SENHOR seu Deus, vendo que eu os fiz ir em cativeiro entre os gentios, e os ajuntarei para voltarem a sua terra, e não mais deixarei lá nenhum deles.”  (Ezequiel 39:28 )

Toda a terra conhecerá o Senhor:

“Não se fará mal nem dano algum em todo o meu santo monte, porque a terra se encherá do conhecimento do SENHOR, como as águas cobrem o mar.” (Isaías 11:9)

“Pois a terra se encherá do conhecimento da glória do SENHOR, como as águas cobrem o mar.” (Habacuque 2:14)

Glórias e honras ao Senhor, nosso Deus, o Todo-Poderoso, o Santo que há de vir !!!

Maranata !

 

José Nunes Rodrigues Filho (PIB em Florianópolis – SC) é Professor de Velho Testamento e Escatologia e colaborador do blog Geração Maranata.

Se for copiar cite a fonte !

Quando uma profecia é cumprida na história? Idealismo

Filed Under (Métodos de Interpretação Profética) by Geração Maranata on 19-11-2010

Tag: , , , , ,

This entry is part 2 of 4 in the series Quando uma profecia é cumprida na história?

por Geração Maranata

Há quatro pontos de vista sobre possíveis interpretações do tempo na profecia bíblica:

Presente (Historicismo)

Passsado (Preterismo)

Futuro (Futurismo)

Atemporal (Idealismo)

Nesta terceira série será abordado o Idealismo.

O Idealismo é uma das quatro possíveis interpretações do tempo na profecia bíblica. Ele tenta responder à pergunta:

 

“Quando uma profecia é cumprida na história?”

 

Na escatologia o Idealismo é também chamado de abordagem espiritual, alegórico, não-literal, atemporal, etc. Trata-se de uma interpretação do Livro do Apocalipse baseado em alegoria e símbolos não-literais.

Essa abordagem diz que o Apocalipse não deve ser entendido no contexto de uma época ou acontecimento específico, porém são verdades e princípios básicos com os quais Deus age na História. O livro seria unicamente um conjunto de idéias teológicas, válidas para qualquer época. O Apocalipse se torna um grande drama que retrata realidades espirituais.

Esta explicação tem semelhanças com a interpretação alegórica presente na igreja do período medieval.

Para o Idealismo os símbolos não-literais são perpétuos e ciclicamente preenchidos num sentido estritamente espiritual, durante o conflito entre o Reino de Deus e as forças de Satanás em todo o tempo do primeiro advento até a Segunda vinda de Cristo. O livro é visto da perspectiva que representa o conflito continuo entre o bem e o mal, sem conexão histórica imediata para qualquer evento político ou social.

O idealismo nega que haja uma cronologia dos eventos. Para os idealistas a cronologia é um mistério não revelado.

Apesar das muitas declarações da profecia bíblica que parecem tratar do cumprimento temporal de um evento em relação a outro, os Idealistas não crêem que a Bíblia indique qualquer cronologia de eventos e nem que possamos determinar antecipadamente o tempo de sua ocorrência. Como as passagens proféticas ensinam principalmente grandes idéias ou verdades infinitas sobre Deus e a vida cristã, podem ser aplicadas como princípios atemporais.

Seus defensores alegam que a doutrina das últimas coisas não tem qualquer efeito sobre a história da humanidade.

A abordagem não-literal da profecia raramente é adotada por conservadores e evangélicos atuais. Muitos liberais, que não crêem em um Deus sobrenatural que pode prever o futuro, apóiam esse ponto-de-vista por seu potencial de fazer com que o texto diga virtualmente qualquer coisa.

Essa abordagem escatológica é distinta do Preterismo, Futurismo e Historicismo na medida em que não vê nenhuma das profecias (exceto em alguns casos, a Segunda Vinda e o Juízo Final), sendo cumpridas em sentido literal, físico, terrestre, ou no passado, presente ou futuro.

Mas, o que dizer das profecias que foram cumpridas? Será que elas não referendam as que estão por se cumprir? Se cremos em uma, como podemos não crer na outra.

Alguns amilenistas apóiam esse ponto de vista, tais como Henry Alford, William Hendriksen, RCH Lenski, William Milligan, Earl Morey, Leon Morris, SL Morris, Rousas John Rushdoony, HB Swete, Edward J. Young, Abraham Kuyper, Anthony A. Hoekema, Lewis Berkhof, GC Berkouwer, Maurice FD e Geoffrey B. Wilson.

 

Fontes pesquisadas:

http://www.wikipedia.org

Livro “Profecias de A a Z” de Thomas Ice & Timothy Demy

http://www.teofilos.net – Apocalipse – Estudo Introdutório

**Geração Maranata** Se for copiar cite a Fonte!

Início | Download | Links | Contato
Misso Portas Abertas JMM ANEM
Destino Final Heart Cry Jocum Missao Total Missao Total Projeto Paraguai