Estrada para a Salvação

Categoria (Você é Salvo ?) por Geração Maranata em 07-03-2011

Tag: ,



 

A epístola de Romanos foi escrita pelo apóstolo Paulo aos romanos com o intuito de explicar o plano de salvação e o evangelho de Jesus Cristo.  Essa epístola é considerada uma síntese da Teologia Sistemática.

A idéia central da carta é a Justiça e Paulo usa bastante o Velho Testamento para explicar a justiça de Deus.

Paulo usa várias pessoas e eventos do Antigo Testamento como ilustrações, exemplos:

- Abraão creu e isso foi-lhe imputado como justiça por sua fé, e não por suas obras (Romanos 4:1-5).

- Paulo se refere a Davi (Romanos 4:6-9) e reiterou a verdade do que ele disse: "Bem-aventurados aqueles cujas iniquidades são perdoadas, e cujos pecados são cobertos; bem-aventurado o homem a quem o Senhor jamais imputará pecado."

- Paulo cita Adão para explicar aos Romanos a doutrina do pecado herdado.  (Romanos 5:12-19)

- Usa história de Sara e Isaque, o filho da promessa, para ilustrar o princípio cristão: os filhos da promessa da graça divina através de Cristo.

- Paulo narra a história da nação de Israel (Romanos 9-11) e declara que Deus não os rejeitou completamente e definitivamente (Romanos 11:11-12), mas permitiu-lhes "tropeçar" somente até que o número total dos gentios seja trazido à salvação.

 

O livro de Romanos nos diz sobre Deus, quem Ele é e o que tem feito.

Ele nos fala de Jesus Cristo e o que sua morte alcançou.

Ele nos diz quem nós somos e o que somos sem Cristo e quem somos depois de termos confiado nEle.

Paulo recorda que Deus não exige que os homens endireitem suas vidas antes de virem a Cristo. Enquanto éramos ainda pecadores, Cristo morreu na cruz por nossos pecados.

 

A Estrada da Salvação

O livro de Romanos é uma verdadeira 'Estrada da Salvação", pois apresenta uma coleção de versículos que dá as noções básicas do que é a Salvação:

- O pecado é universal

- O pecado é castigado

- Como alcançar a vida eterna

- O método de Salvação

- A esperança de Paz e Salvação

 

O Evangelho da Graça: Presente de Deus para nossa salvação

Graça significa “favor divino não merecido.”

O termo grego no original é charis, que deriva do verbo charizomai. Esta palavra significa “mostrar favor para” e assume a bondade do doador e a indignidade do receptor. Quando charis é usada para indicar a atividade de Deus, significa “favor não merecido.”

1) Deus é o Criador de tudo:

Romanos 1:20-21: "Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas. Tais homens são por isso indesculpáveis, porquanto, tendo conhecimento de Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes se tornaram nulos em seus próprios raciocínios, obscurecendo-do-lhes o coração insensato."

Para aceitar o presente de Deus é só uma questão de se arrepender dos pecados e entregar o resto da vida para Jesus Cristo.

Isso deve ser uma decisão voluntária e um sincero passo de fé.

 

2) Todos nós somos pecadores e precisamos de perdão. Não merecemos a graça de Deus. Nós fazemos coisas que são desagradáveis a Deus. Não há ninguém que seja inocente.

Romanos 3:23 "Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus."

Romanos 3:10-18 nos dá uma imagem detalhada de como é o pecado nas nossas vidas: "Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer."

 

3) Deus nos providenciou O Caminho para sermos salvos dos nossos pecados e Ele demonstrou Seu amor através da morte de Seu Filho, Jesus Cristo.

Romanos 5:8 "Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco, pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores."

 

4) Conseqüências do Pecado –  Se insistirmos em continuar na situação de pecador diante de Deus, certamente iremos morrer, mas se aceitarmos Jesus como nosso Senhor e Salvador, e arrepender-nos dos nossos pecados, teremos vida eterna.

Romanos 6:23 "porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor."

A punição que nós ganhamos pelos nossos pecados é a morte – não apenas morte física, mas morte eterna!

 

5) Jesus Cristo morreu por nós e a sua morte pagou o preço dos nossos pecados. A ressurreição de Jesus prova que Deus aceitou a morte de Jesus como pagamento pelos nossos pecados.

Romanos 5:8 “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.”

 

6) Ao confessarmos que Jesus Cristo é Senhor e acreditar em nossos corações que Deus O ressuscitou dos mortos seremos salvos!

Romanos 10:9-10 "Se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Porque com o coração se crê para justiça, e com a boca se confessa a respeito da salvação."

Por causa da morte de Jesus em nosso favor, tudo o que nós temos a fazer é acreditar Nele, acreditando na Sua morte como pagamento pelos nossos pecados.

 

7) Não existe rituais religiosos é só invocar o nome do Senhor e seremos salvos!

Romanos 10:13 "Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo."

Jesus morreu para pagar a pena pelos nossos pecados e nos resgatar da morte eterna. A salvação, o perdão dos pecados, está disponível para qualquer um que confiar em Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador.

 

8) Através de Jesus Cristo nós podemos ter uma relação de paz com Deus.

Romanos 5:1: “Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.”

Romanos :1 “Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.”

 

9) Por causa da morte de Jesus em nosso lugar, nós nunca seremos condenados pelos nossos pecados. Finalmente, nós temos esta preciosa promessa de Deus

Romanos 8:38-39: “Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.”

 

10) Devemos fazer nossa decisão no coração e tornar Jesus Cristo o Senhor da nossa vida.

Romanos 11:36 "Porque dele e por meio dele e para ele são todas as cousas. A ele, pois, a glória eternamente."

"Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" – João 3:16

"Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim" – João 14:6

 

    Conclusao

    O livro de Romanos deixa claro que não há nada que possamos fazer para nos salvar. Toda "boa" obra que já fizemos é como um trapo imundo diante de Deus: "Pois todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo de imundície; todos nós murchamos como a folha; e as nossas iniqüidades, como o vento, nos arrebatam." (Isaías 64:6)

    Quando entregamos nossas vidas a Cristo, não somos mais controlados por nossa natureza pecaminosa, mas pelo Espírito Santo. Quando confessamos que Jesus é o Senhor, e cremos que Ele ressuscitou dos mortos, somos salvos. Passamos a ser nova criatura, nascemos novamente: "Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo." (II Coríntios 5:17). Essa é a condição para nossa Salvação: Ser nova criatura.  Foi isso que Jesus disse a Nicodemos: "Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus." (João 3:5)

    Precisamos viver uma vida oferecida a Deus como sacrifício vivo para Ele. "Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional." (Romanos 12:1)

    A adoração do Deus que nos salvou deve ser o nosso maior desejo. "Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem." (João 4:23)

    Proclamar o Evangelho da Graça não deve ser motivo de vergonha: "Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê…" (Romanos 1:16). Devemos ser fiéis e proclamá-lo!

     

    Oração de Confissão:

    "Pai, eu sei que tenho transgredido suas leis e meus pecados têm me separado de Ti. Eu realmente sinto muito; agora quero me afastar da minha vida de pecado e me aproximar de Ti. Por favor me perdoe e me ajude a evitar a pecar de novo. Eu creio que Seu Filho Jesus Cristo morreu pelos meus pecados, ressuscitou dos mortos, hoje vive e escuta minha oração. Eu convido Jesus a ser o Senhor da minha vida para reinar em meu coração de hoje em diante. Por favor envie o Espírito Santo para me ajudar a obedecer a Ti e fazer a Sua vontade pelo resto da minha vida. Em nome de Jesus. Amém."

       
      Leia também:
      -
      Fontes:
      www.gotquestions.org/Portugues/Livro-de-Romanos.html
      www.gotquestions.org/…/Romanos-Estrada-Salvacao.html
      **Geração Maranata** Cite a fonte de for copiar

      Leia também:

      Post a comment

      Início | Download | Links | Contato
      Misso Portas Abertas JMM ANEM
      Destino Final Heart Cry Jocum Missao Total Missao Total Projeto Paraguai