Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus? Contaminação Química

Filed Under (Conspirações, Governo Mundial) by Geração Maranata on 30-01-2013

Tag: ,

This entry is part 8 of 8 in the series Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus?

 

 

por Geração Maranata

"E luz de candeia não mais luzirá em ti, e voz de esposo e de esposa não mais em ti se ouvirá; porque os teus mercadores eram os grandes da terra; porque todas as nações foram enganadas pelas tuas feitiçarias (Pharmakeia)" (Apocalipse 18:23)

 

Ao iniciar esse post, tomando como ponto de partida a notícia publicada mais adiante, não pretendo chamar atenção apenas para a gripe suína, que já foi alvo de muitos debates e discussões acerca de seu surgimento, da atenção demasiada da mídia e governos, mas para o seu combate por meio de vacina, que por sinal, foi fabricada muito rapidamente e aceita sem questionamento pela sociedade.  

O povo não consegue raciocinar em meio ao caos. Quando sente-se ameaçado, seja pela saúde física, estabilidade financeira ou segurança, aceita qualquer tipo de solução sem questionamento.

O melhor método de aplicar qualquer tipo de mudança na sociedade é através do caos.

A doença em si já um grande problema, uma vez que por meio dela, milhões de pessoas são dizimadas. Mas o meio usado para combatê-la, tem mostrado ser também motivo de preocupação.  As substâncias injetadas no corpo, não combatem apenas o vírus/bactéria, mas podem produzir efeitos colaterais não previstos ou quem sabe esperados.

Os jovens são o principal alvo. Eles são as vítimas que formarão a geração futura, por isso o ataque maciço de todos os lados.

As drogas (remédios e vacinas), as substâncias químicas (herbicidas, inseticidas, fertilizantes agrícolas, hormônios, etc) presentes em tudo que comemos e bebemos e até respiramos, ao longo de muitos anos, têm contaminado nosso corpo e mente, alterado nosso genes e tem sido passado de geração em geração, cumulativamente, até atingir o nível desejado, que não sabemos exatamente qual é e nem o tempo que ele ocorrerá.

Os vários recortes de notícias postados aqui compõe uma série de 'coincidências' que podem representar algo maior. Não é completo, pois a lista é imensa, mas foram selecionados os principais, aqueles que atingem toda população, que são usados e consumidos sem que haja escolha.

Uma última observação: na Bíblia o vocábulo 'feitiçaria' vem da palavra grega pharmakeia, da qual se originou a palavra farmácia. No capítulo 18 de Apocalipse lemos sobre a queda da Babilônia. Muitos entendem que a Babilônia representa uma forma de Governo Mundial, que controla entre outras coisas, o sistema financeiro global.  Mas o que às vezes passa despercebido é o controle através da feitiçaria, que pode muito bem ser através de drogas e produtos químicos: 

"E luz de candeia não mais luzirá em ti, e voz de esposo e de esposa não mais em ti se ouvirá; porque os teus mercadores eram os grandes da terra; porque todas as nações foram enganadas pelas tuas feitiçarias (pharmakeia). (Apocalipse 18:23)

φαρμακεια pharmakeia
1) uso ou administração de drogas
2) envenenamento
3) feitiçaria, artes mágicas, freqüentemente encontrado em conexão com a idolatria e estimulada por ela
4) metáf. as decepções e seduções da idolatria
 
Leiam e tirem suas próprias conclusões:

 

1) Vacina contra H1N1

Doença do sono incurável afecta 800 crianças que tomaram vacina contra H1N1

"Cerca de 800 crianças europeias desenvolveram narcolepsia – uma doença incurável que causa crises de sono incontroláveis durante o dia – após terem recebido a vacina Pandemrix, contra o vírus da gripe H1N1 («gripe suína»), produzida pela GlaxoSmithKline…  A jovem Emelie Olsson, de 14 anos, é uma delas. Ela tem dificuldade em manter-se acordada durante o dia e perde aulas com frequência por causa do problema. Ao acordar, por vezes fica paralisada, com falta de ar e sem conseguir pedir ajuda. Além disso, tem pesadelos e alucinações."

Vacina deixa 800 jovens com doença incurável

"Pelo menos 800 crianças na Europa desenvolveram narcolepsia, desordem incurável do sono, após receberem em 2009 a vacina Pandemrix, da britânica GlaxoSmithKline (GSK), contra a gripe suína. A doença causa sonolência profunda. Aumentos expressivos nos casos de narcolepsia foram observados em países como Suécia, Finlândia, Noruega, Irlanda, França e Grã-Bretanha. A agência de vigilância da Europa decidiu que a Pandemrix não deverá mais ser usada em pessoas com menos de 20 anos….  A Pandemrix foi dada a 30 milhões de pessoas em 47 países durante a pandemia mundial de gripe suína de 2009-2010. Os primeiros casos de narcolepsia em pessoas que receberam o imunizante começaram a ser detectados em agosto de 2010."

Além do sono incontrolável, outros sintomas apresentados são pesadelos e alucinações.  O que demonstra que o alvo foi a mente. Outra observação: A GlaxoSmithKline, que fabricou a vacina, produz também vários remédios genéricos muito usados no Brasil.

 

2) Mercúrio

"Exposição crônica por qualquer rota pode produzir dano de sistema nervoso central. Pode causar tremores de músculo, confusão mental, perda de memória, gosto metálico, desprendimento dos dentes, desordens digestivas, erupções cutâneas, dano de cérebro e dano de rim. Pode causar alergias de pele e pode acumular-se no corpo.Contato repetido com a pele pode deixá-la cinza. A exposição crônica ainda pode danificar o feto em desenvolvimento e diminuir a fertilidade em homens e mulheres." (http://www.qca.ibilce.unesp.br/prevencao/produtos/mercurio.html)

Onde encontramos o mercúrio? nas vacinas e em alguns remédios como o merthiolate (lembram dele?)

"O timerosal contém um composto orgânico de mercúrio denominado etilmercúrio, que é usado nas vacinas como conservante. O metilmercúrio, outro tipo de composto orgânico do mercúrio é um potente neurotóxico que afeta o desenvolvimento. Apesar de não ter sido pesquisado tão profundamente, o etilmercúrio é suficientemente similar ao metilmercúrio e suas propriedades justificam a preocupação pelo efeito que possa ter no cérebro em desenvolvimento das crianças expostas ao timerosal contido nas vacinas." (http://www.noharm.org/saude_sem_dano/temas/toxicos/mercurio/vacinas.php)

"Tiomersal ou timerosal é uma substância normalmente utilizada como conservante em certos medicamentos e vacinas. Foi o princípio ativo do Merthiolate fabricado pela Lilly." (http://pt.wikipedia.org/wiki/Timerosal)

Nada pode ser comprovado (como sempre), mas o uso da substância timerosal pode causar autismo. O alvo novamente é a mente.

"Há uma tendência a bani-lo de medicamentos e vacinas, devido a sua alta toxicidade. O seu uso em vacinas gerou muita controvérsia nos EUA, recentemente. Algumas pesquisas sugeriram que o mercúrio, componente principal do tiomersal, causa autismo em crianças. Nada foi comprovado, mas as autoridades de saúde usaram o principio precaucionista. Outra corrente acusa a influente indústria farmacêutica de fazer lobby para "abafar" essa informação". (http://pt.wikipedia.org/wiki/Timerosal)

Outro estudo descobriu que o mercúrio afeta no comportamento de animais, tornando-os homossexuais.  

"Mercúrio torna aves homossexuais, diz estudo – A contaminação por mercúrio afeta o comportamento dos íbis brancos tornando-os homossexuais, segundo um estudo realizado por pesquisadores da Flórida, nos Estados Unidos, e do Sri Lanka. A pesquisa – publicada na revista científica Proceedings of the Royal Society B – tinha o objetivo de descobrir por que as aves se reproduzem menos quando há mercúrio em seus alimentos, mas os resultados surpreenderam até mesmo os cientistas. "Nós sabíamos que o mercúrio podia reduzir seus níveis de testosterona (hormônio masculino), mas não esperávamos isso", disse Peter Frederick, da Universidade da Flórida, que liderou o estudo.A equipe de pesquisadores alimentou os íbis brancos com comprimidos que continham a mesma concentração de mercúrio encontrada em camarões e lagostins que servem de alimento para as aves em áreas de pântano.Quanto mais alta a dose de mercúrio nos comprimidos, mais alta era a probabilidade de um íbis macho acasalar com outro macho. Ainda não se sabe exatamente como esse mecanismo funciona, mas é sabido que o mercúrio altera os sinais hormonais, o que poderia ter um impacto direto no comportamento sexual mediado por esses hormônios. (http://www.bbc.co.uk/portuguese/ciencia/2010/12/101201_aveshomossexuais_is.shtml)

 

3) Transgênicos

Muito se tem falado sobre as possíveis consequências do consumo de alimentos geneticamente modificados (transgênicos (1)).

Riscos à saúde: aumento de alergias, resistências aos antibióticos, aumento de ingestão de substâncias tóxica, além de tudo isso, podem alterar o genes humano.

Acredito que a função real dos transgênicos é modificar o genoma humano, para que ainda não sabemos.

"Surgem novas dúvidas sobre a segurança das culturas geneticamente modificadas (transgênicos), quando pela primeira vez um estudo reporta a presença da toxina Bt(2), amplamente utilizada em culturas transgênicas, no sangue humano… Cientistas da Universidade de Sherbrooke, no Canadá, detectaram a proteína inseticida Cry1Ab(3) circulando no sangue de mulheres grávidas, bem como de mulheres não-grávidas. Eles também detectaram a toxina no sangue fetal, o que significa que ela poderia passar para a próxima geração." (Leia mais em: Toxinas de Transgênicos são encontradas em Sangue Humano)

"Não existe consenso na comunidade científica sobre a segurança dos transgênicos para a saúde humana e o meio ambiente. Testes de médio e longo prazo, em cobaias e em seres humanos, não são feitos, e geralmente são repudiados pelas empresas de transgênicos." (http://www.greenpeace.org/brasil/pt/O-que-fazemos/Transgenicos/)

"Um novo estudo sugere que este minúsculo membro da família do repolho (a couve de bruxelas) – juntamente com arroz, brócolis e, possivelmente, todas as plantas que você come – altera o comportamento de seus genes de formas que são totalmente novas para a ciência." (http://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=alerta-sobre-transgenicos-vegetais-alteram-genes-humanos&id=7047)

"Trigo Transgénico pode mudar Genoma Humano – De acordo com um relatório recente da Fundação Safe Food, o trigo transgénico da CSIRO tem o potencial — se ingerido — de mudar a forma como os seres humanos absorvem carbohidratos… De acordo com um relatório recente da Fundação Safe Food, o trigo transgénico da CSIRO tem o potencial — se ingerido — de mudar a forma como os seres humanos absorvem carbohidratos." (http://real-agenda.com/2012/09/19/trigo-transgenico-pode-mudar-genoma-humano/)

* Mosquitos geneticamente modificados

"Mosquitos transgênicos serão soltos em Juazeiro, na Bahia, para combater a dengue – Por meio de manipulação genética, uma população de machos criados em laboratório recebeu um gene modificado que produz uma proteína que mata a prole do cruzamento com fêmeas normais existentes em qualquer ambiente… A primeira liberação na natureza desses animais geneticamente modificados no Brasil foi aprovada em dezembro de 2010 pela Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio). A linhagem transgênica do Aedes aegypti desenvolvida pela empresa britânica Oxford Insect Tecnologies (Oxitec) deverá ser liberada no município de Juazeiro, no estado da Bahia, a partir deste mês pela bióloga Margareth Capurro, do Instituto de Ciên­cias Biomédicas (ICB) da Universidade de São Paulo (USP), em parceria com a empresa Moscamed Brasil, instalada na mesma cidade baiana. (http://revistapesquisa.fapesp.br/2011/02/21/solu%C3%A7%C3%A3o-gen%C3%A9tica/ / http://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/redacao/2012/07/10/ambiente-regulatorio-sobre-transgenicos-favoreceu-pesquisa-sobre-mosquito-que-combate-a-dengue.htm)

* Transgênicos Humanos (tradução do Google)

"Bebês Geneticamente Modificados "criado" nos EUA – Em uma história em desenvolvimento, o Daily Mail agora está relatando que o primeiro grupo (admitido) de bebês geneticamente modificados têm sido "criado" nos Estados Unidos. Os cientistas envolvidos teria anunciado o resultado, na noite de 27 de junho (de 2012), afirmando que 30 bebês nasceram utilizando técnicas de modificação genética…  Os "bebês GM nasceram em mulheres que tiveram problemas para conceber os seus próprios filhos… Após a concepção, os cientistas tiraram as impressões digitais de 2 crianças de um ano de idade e confirmou que herdaram o DNA de três adultos – um homem e duas mulheres…" (http://naturalsociety.com/worlds-first-genetically-modified-babies-created-in-us/)

"EUA – Super Soldados do futuro serão geneticamente modificados, transhumans capazes de feitos sobre-humanos - Os Soldados de amanhã poderião ria ser capazes de correr a velocidades Olímpicas e serão capazes de passar dias sem comer ou dormir, se novas pesquisas sobre a manipulação genética forem bem sucedida." (http://www.presstv.ir/usdetail/256813.html)
 
Leia também: 
 
(1) Transgênicos são organismos que, mediante técnicas de engenharia genética, contêm materiais genéticos de outros organismos. 
(2) Bacillus thuringiensis – proteína pesticida produzida por algumas culturas transgênicas, como por exemplo milho e algodão, que confere à planta uma 'proteção natural' a larvas de certos insetos.
(3) Cry1Ab, um tipo de proteína específica da toxina BT encontrada no milho transgênico

 

4) Fertilização / Feminização / Masculinização

Além da contaminação por mercúrio (leia acima), outras substâncias podem influenciar e alterar o sistema hormonal de animais e, consequentemente, dos humanos também. Essas alterações vão desde a infertilidade, inclusive humana, até a mudança de comportamento e orientação sexual. 

* Bisfenol A

"Estudo liga substância de mamadeiras à feminilização de ratos O bisfenol A (BPA), substância controversa usada, entre outras coisas, no revestimento interno de garrafas de plástico e mamadeiras, está associado à feminilização de ratos… A pesquisa, feita por cientistas da Universidade do Missouri, indica que os machos de ratos, expostos enquanto fetos ao BPA, se comportam mais como fêmeas… Esta observação leva os cientistas a concluir que no homem este componente químico poderia ter efeitos nefastos no desenvolvimento e nos traços cognitivos próprios de cada sexo, que são importantes para a reprodução… (http://noticias.terra.com.br/ciencia/pesquisa/estudo-liga-substancia-de-mamadeiras-a-feminilizacao-de-ratos,bd493f5aaf3ea310VgnCLD200000bbcceb0aRCRD.html)

* Hormônios lançados no meio-ambiente

"Estudo Aponta Que Hormônios Deixam Animais Mais Femininos - A grande quantidade de hormônios lançada no meio ambiente pelo descarte irregular e pela urina das mulheres que usam anticoncepcionais e medicamentos para reposição hormonal, além de outras substâncias químicas, está causando uma feminização progressiva no reino animal.Por viverem na água, os peixes são os principais afetados. Pesquisas feitas no Brasil e no exterior mostram que esse processo está interferindo na reprodução de peixes e outros organismos aquáticos… Esse processo tem atingido todas as espécies, e não são somente os hormônios femininos em excesso provocam a reversão de gênero, mas também alguns tipos de pesticidas e compostos químicos. (http://www.faunabrasil.com.br/sistema/modules/news/article.php?storyid=3507)

* Composto químico de tinta (TBT tribuliestanho)

"Poluição faz caranguejo mudar de sexo, diz biólogo – Para cientista, composto tóxico presente em tinta de barcos está provocando a alteração hormonal, que será testada em laboratório. Uma tinta muito usada por pescadores para pintar o casco de barcos pode estar fazendo um tipo de caranguejo do Sudeste do Brasil trocar de sexo. Análises iniciais mostram que o contato com o poluente tem feito as fêmeas dos grupos estudados se masculinizarem.(http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ciencia/fe1708200901.htm)

"Um contaminante recém encontrado na costa brasileira é o TBT (tributilestanho), substância antiincrustrante usada em casco de navios que provoca características sexuais femininas em moluscos machos." (http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/meioambiente/produtos+usados+no+diaadia+podem+contaminar+a+agua/n1237771208405.html)

* Substâncias de cosméticos (Triclosan)

"Pequenas quantidades de substâncias contidas em fármacos e cosméticos podem alterar sistema reprodutor de animais – O simples ato de lavar os cabelos com xampu, ou tomar a diária pílula anticoncepcional traz riscos ambientais. Quantidades mínimas de substâncias que compõem medicamentos de uso comum e produtos de higiene pessoal podem ser a origem de diversas alterações em animais pelo mundo, como feminilização de anfíbios e peixes e diminuição de fertilidade em ursos polares e pingüins… São os chamados contaminantes emergentes, que têm como via principal a água. Após serem usadas ou ingeridas pelas pessoas, caem no sistema de esgoto, passam incólumes pelo sistema de tratamento, e acabam em diferentes ecossistemas…  Um bactericida, chamado triclosan e encontrado em produtos de higiene pessoal como pastas de dente, anti-séptico bucal, cremes para pele, sabonetes desinfetantes, desodorantes entre outros produtos é bastante tóxico para os organismos aquáticos, e pode se transformar em dioxinas quando exposto a luz solar." (http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/meioambiente/produtos+usados+no+diaadia+podem+contaminar+a+agua/n1237771208405.html)

* Herbicida Antrazina

"Estudo liga herbicida a problemas reprodutivos em animais – Outro composto que pode causar a alteração só que em anfíbios é a antrazina, herbicida largamente utilizado na agricultura.  A atrazina, usada em cultivos como milho e cana-de-açúcar, foi associada a uma "feminilização" de peixes, anfíbios, répteis e mamíferos (http://revistaepoca.globo.com/Ciencia-e-tecnologia/noticia/2011/11/estudo-liga-herbicida-problemas-reprodutivos-em-animais.html)

* Hormônio Estradiol (hormônio sexual predominante presente nas fêmeas) 

"Estudo da UFRJ avaliou o tratamento de água do Rio Paraíba do Sul – O hormônio estradiol é um dos que mais preocupa os pesquisadores. Ele é capaz de alterar o funcionamento do sistema reprodutor em animais e até no homem. O índice detectado nas amostras realizadas é suficiente para gerar distúrbios no sistema endócrino de seres humanos e provocar, por exemplo, a feminização de peixes. Mesmo em baixa concentração, o estradiol aumenta o risco de doenças como câncer de próstata, mama e útero, e pode ocasionar infertilidade”. (http://noticias.ambientebrasil.com.br/exclusivas/2010/06/03/55561-exclusivo-estudo-da-ufrj-avaliou-o-tratamento-de-agua-do-rio-paraiba-do-sul-durante-quatro-anos.html)

* Contaminação por plásticos e Pesticidas Organoclorados

"O documentário relata e acompanha estudos científicos que demonstram como contaminantes como os pesticidas da classe “organoclorados”, detergentes e componentes de embalagens plásticas causam sérios problemas ambientais e de saúde na população. Os estudos científicos e testes em laboratório registrados pelo documentário provam que substâncias chamadas estrogênicas, que imitam o efeito do estrógeno (hormônio feminino) no organismo humano afetam a reprodução e a saúde de animais e seres humanos. Pesticidas como o DDT, detergentes e todas as embalagens plásticas possuem estas substâncias. O mais alarmante é que os estrogênios contaminam alimentos acondicionados em embalagens plásticas ou em latas com revestimento interno plástico. De cada 10 latas com… alimentos revestidas internamente por plástico, 7 apresentaram contaminação e todos os alimentos embalados em plástico testados estavam contaminados." (http://milkshakeideas.blogspot.com.br/2008/06/o-futuro-roubado-documentrio.html) – (http://www.crbiodigital.com.br/portal?txt=31773133)

Documentário: Futuro Roubado em ordem sequencial:
 
http://br.youtube.com/watch?v=9WUJ-hmAqJg
http://br.youtube.com/watch?v=GCGF5GAg-lQ
http://br.youtube.com/watch?v=-kEPT4wDWd8
http://br.youtube.com/watch?v=1zQy7Pg1El4
http://br.youtube.com/watch?v=N251XD6nzdk
Leia também: http://www.nossofuturoroubado.com.br/old/castracao.htm 
 

* Outras reportagens:

"Água contaminada com hormônios – O vilão é o estrogênio, que põe em risco a qualidade da água dos mananciais" (http://www.movimentocyan.com.br/home/revista-cyan/temas/ambiente/2011/10/02/agua-contaminada-com-hormonios)

"Contaminação química: você sabe o que sai da torneira da sua casa? - Os químicos analíticos descobriram que a água que chega às torneiras, pronta para ser bebida depois de filtrada, está contaminada com uma plêiade de fármacos…  Com o avanço das técnicas analíticas se descobriu que a contaminação de águas por fármacos é um fenômeno geral que ocorre em todo o mundo desenvolvido. Não só os rios e os lençóis subterrâneos estão contaminados com poluentes químicos. Até mesmo a água potável, depois de tratada, está contaminada com anticoncepcionais, antiinflamatórios, antidepressivos e outras classes de fármacos." (http://www.odiarioverde.com.br/2012/06/contaminacao-quimica-voce-sabe-o-que-sai-da-torneira-da-sua-casa/)

"Pesquisa relaciona o declínio da fertilidade masculina com a poluição da água - O estudo identificou um novo grupo de produtos químicos que agem como “anti-andrógenos”. Isto significa que elas inibem a função do hormônio masculino, a testosterona, reduzindo a fertilidade masculina. Alguns destes produtos químicos estão presentes medicamentos e em pesticidas utilizados na agricultura. A pesquisa sugere que, ao “entrar” no sistema de abastecimento de água, essas substâncias podem desempenhar um papel central na feminização ocorrida em peixes machos." (http://www.ecodebate.com.br/2009/01/21/pesquisa-relaciona-o-declinio-da-fertilidade-masculina-com-a-poluicao-da-agua-por-henrique-cortez/)
 
"Exposição a produtos químicos torna machos mais femininos, diz estudo - Uma compilação de pesquisas a ser apresentada amanhã pela ONG britânica ChemTrust sugere que uma de série de produtos químicos está interferindo na produção hormonal e nos órgãos genitais dos machos de várias espécies, chegando a gerar animais hermafroditas, como ursos polares. A exposição de seres humanos e animais a mais de 100 mil tipos de produtos químicos é apontada como uma das principais causas de feminilização dos machos de várias espécies, segundo uma compilação de mais de 250 pesquisas feita pela ONG britância ChemTrust e a ser apresentada amanhã. (http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI19004-15224,00.html)
 
"Medicamentos, cosméticos e agrotóxicos contaminam águas de abastecimento – Medicamentos, cosméticos e agrotóxicos contaminam águas de abastecimento – Na década de 1990, estudos realizados nos Estados Unidos demonstraram que pesticidas clorados empregados nas plantações na Flórida estava alterando a concentração hormonal e o fenótipo, em machos, de uma espécie de jacaré que vivia em pântanos próximos a essa região. Assim como na Flórida, corpos d’água do planeta estão sendo contaminados em diversas proporções por medicamentos, antibióticos, hormônios naturais e artificiais, agrotóxicos, cosméticos, entre outros químicos, que vão para a água sem receber tratamento. Os efeitos dessa contaminação ainda são desconhecidos, tanto para os organismos aquáticos, como para a população que a consome. (http://www.ciclovivo.com.br/noticia/medicamentos_cosmeticos_e_agrotoxicos_contaminam_aguas_de_abastecimento)
 
"Contaminação química adianta puberdade feminina - A contaminação química, o uso de pesticidas e hormônios artificiais estão adiantando a puberdade feminina, o que pode provocar um aumento na freqüência de cânceres na idade adulta das mulheres. O alerta foi feito neste sábado por médicos especialistas que participam da conferência "Mudanças Climáticas e Patologias Femininas", associada à reunião do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, em Mônaco."(http://oglobo.globo.com/ciencia/contaminacao-quimica-adianta-puberdade-feminina-3625617)
 
 
"O mundo cada vez mais feminino – A absorção de substâncias químicas poluentes por animais vertebrados – inclusive o homemestá causando uma progressiva feminização dos machos dessas espécies e põe em risco sua sobrevivência futura." (http://revistaplaneta.terra.com.br/secao/meio-ambiente/o-mundo-cada-vez-mais-feminino)
 
"Galinha choca donos ao ‘mudar de sexo’ - Um casal do interior da Grã-Bretanha se surpreendeu ao descobrir que uma de suas galinhas havia parado de botar ovos, desenvolveu uma crista e começou a cantar como um galo. Segundo Ford, fungos encontrados na ração estocada para as galinhas podem ter o efeito de hormônios sintéticos." (http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2011/04/110401_galo_galinha_rw.shtml)
 
 
Se todos esses produtos químicos afetam os animais então podem perfeitamente afetar também os humanos, uma vez que são cumulativos  e repassados através das gerações. 
 
Leia também:
http://www.espada.eti.br/n1494.asp
http://www.espada.eti.br/idiotas1.asp
http://www.espada.eti.br/idiotas2.asp
 
 
5) Agrotóxico
 
Definição: "É uma substância ou mistura de substâncias destinada a impedir a ação ou matar diretamente insetos (inseticidas), ácaros (acaricidas), moluscos (moluscicidas), roedores (rodenticidas), fungos (fungicidas), ervas daninhas (herbicidas), bactérias (antibióticos e bactericidas) e outras formas de vida animal ou vegetal prejudiciais à saúde pública e à agricultura, isto é, consideradas como pragas e, portanto, suscetíveis de serem combatidos durante a produção, armazenamento, transporte, distribuição e transformação de produtos agrícolas e seus derivados."(http://pt.wikipedia.org/wiki/Agrot%C3%B3xico)
 
"DOSSIÊ ABRASCO – Um alerta sobre os impactos dos Agrotóxicos na Saúde - "Um terço dos alimentos consumidos cotidianamente pelos brasileiros está contaminado pelos agrotóxicos, segundo análise de amostras coletadas em todas as 26 Unidades Federadas do Brasil, realizadas pelo Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (PARA) da ANVISA (2011). Os agrotóxicos do grupo piretróide, usados na agricultura, no ambientedoméstico e em campanhas de saúde pública como inseticida, estão associados adiversos efeitos graves à saúde. A cipermetrina (classe II) é tóxica aos embriões de ratos… O potencial mutagênico e genotóxico da cipermetrina foi comprovado em diferentes estudos: aberrações cromossômicas, indução de micro núcleos, alterações de espermatozóides, mutações letais dominantes, trocas de cromátides irmãs foram observados em camundongos… O epoxiconazol, do grupo do triazol e de classe toxicológica III, é um agrotóxico usado como fungicida em diversas lavouras, e interfere com a produção dos hormônios sexuais feminino e masculino, como mostrado em estudos utilizando sistemas in vitro de linhagens celulares humanas." (http://pt.scribd.com/doc/114250521/Agrotoxico-Dossie-ABRASCO)
 
"Efeito de agrotóxico no corpo é transmitido por 4 gerações - Agrotóxicos que afetaram a saúde de uma pessoa podem provocar danos a seus descendentes por até quatro gerações, segundo pesquisadores da Washington State University… Os cientistas expuseram duas ratazanas grávidas a agrotóxicos durante o período em que o sexo dos fetos estava sendo determinado… As ratazanas expostas aos agrotóxicos produziram filhos do sexo masculino com baixa contagem de esperma e fertilidade fraca." (http://www.riosvivos.org.br/Noticia/Efeito+de+agrotoxico+no+corpo+e+transmitido+por+4+geracoes/6945)

"Os danos dos agrotóxicos no Sistema Nervoso Central - Agrotóxicos podem aflorar problemas de saúde que permanecem mesmo depois que não se tenha mais ação direta das substâncias químicas… O principal mecanismo de ação dos inseticidas é sobre o sistema nervoso dos insetos e o problema é que este efeito não se restringe à espécie-alvo e pode afetar também os mamíferos… os agrotóxicos podem atingir o Sistema Nervoso Central dos seres humanos. Quando contaminados por organofosforados – substâncias químicas que contêm carbono e fósforo, utilizados como inseticidas – e carbamatos – princípios ativos de alguns inseticidas comerciais -, as pessoas podem desenvolver neuropatias, ou seja, afecções que acometem os nervos periféricos que se estendem da medula ou do tronco encefálico até as extremidades." (http://centrodeestudosambientais.wordpress.com/2012/12/03/os-danos-dos-agrotoxicos-no-sistema-nervoso-central-entrevista-com-neice-muller-xavier-faria/)

"A saúde ameaçada pelos agrotóxicos - Duas recentes publicações, lançadas no final de abril, apontam os riscos dos agrotóxicos… No documento, são listados mais de cem agrotóxicos que podem causar uma série de enfermidades como câncer, má formação congênita, alergias respiratórias, diabetes, distúrbios de tireoide, depressão, aborto e até Mal de Parkinson." (http://www.brasildefato.com.br/node/9809)

"Agrotóxicos podem causar doenças como depressão, câncer e infertilidade - Mas qual é o mal que os agrotóxicos podem causar? A lista de doenças é enorme. “Depressão, má formações congênitas, alguns tipos de câncer como leucemia e tumores de cérebro, transtornos da imunidade, alterações na qualidade dos espermatozóides”, lista o epidemiologista Sérgio Koifman, da Fiocruz." (http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2011/03/agrotoxicos-podem-causar-doencas-como-depressao-cancer-e-infertilidade.html)"

Veja tambémDocumentário: O Veneno está na Mesa

 

6) Flúor

Provavelmente não há um controle das autoridades sobre a quantidade segura de flúor adicionado na água que consumimos, mas ainda que esta seja respeitada, o Flúor tem efeito cumulativo no corpo e os males atribuídos podem estar sendo desencadeados.

"Fluoretação é uma tecnologia de Saúde Pública, empregada desde 1945, para prevenção da cárie dentária, que utiliza a água de abastecimento público como veículo para o flúor… A fluoretação das águas é uma tecnologia de Saúde Pública recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), pelo Ministério da Saúde, e por todas as entidades odontológicas e de saúde coletiva do Brasil… No Brasil, a fluoretação das águas de abastecimento público é obrigatória, por lei federal, desde 1975." (http://pt.wikipedia.org/wiki/Fluoreta%C3%A7%C3%A3o)

"Flúor é perigoso a saúdeMesmo pequenas quantidades de flúor consumido na água encanada pode danificar seus ossos, dentes, cérebro, causar problemas de tiróide, reduzir o QI e causar câncer de acordo com a maior revisão de estudos sobre o flúor. Associações dentais dos EUA e o Centro de Controle de Doenças afirmam que este relatório não teria relação com o flúor da água potável, mas as mesmas instituições recomendam que o leite em pó de bebês NÃO seja diluído em água da torneira… Análises cuidadosas descobriram que o flúor está ligado a efeitos na tiróide, especialmente em pessoas com deficiência de iodo… Quase dois mil profissionais assinaram uma declaração encorajando o Congresso dos EUA que pare com a adição de flúor na água até que a situação possa ser avaliada. (http://hypescience.com/fluor-faz-mal-para-saude/)"

"O excesso de consumo de flúor tem sido estudado como um fator, no seguinte: Enfraquecimento dos ossos, Efeitos adversos nos rins, possíveis danos no fígado, Danos nos cromossomos e a interferência na reparação do ADN, efeitos sobre o sistema endócrino." (http://pt.wikipedia.org/wiki/Intoxica%C3%A7%C3%A3o_por_fl%C3%BAor)

"Diversos países do mundo, nos quais a cárie é uma doença controlada em termos de saúde pública, optaram por não utilizar a fluoretação da água…  em concentrações elevadas, o flúor é uma substância tóxica que pode causar distúrbios de atenção, concentração e memória. Em um relatório da Universidade da Flórida é dito: "Uma solução de 0,45 ppm de fluoreto de sódio é suficiente para fazer com que as reações sensoriais e mentais fiquem mais lentas". (http://pt.wikipedia.org/wiki/Fluoreta%C3%A7%C3%A3o)
 
"50 razões para opor-se a fluoretação – o fluoreto não é um nutriente essencial. Nenhuma doença jamais foi ligada a uma deficiencia de fluoreto… o fluoreto é um veneno cumulativo. Somente 50% do fluoreto que nós ingerimos a cada dia é excretada através dos rins, o restante se acumula em nossos ossos, na hipófise e outros tecidos. Se os rins são danificados, o acumulo do fluoreto pode aumentar… o fluoreto é biologicamente activo mesmo em baixas concentrações… em ratos que foram alimentados por um ano com 1 ppm de fluoreto na água bi-destilada e deionizada, usando fluoreto de sodio ou fluoreto de aluminio, tiveram mudanças morfológicas nos rins e cérebro e tiveram um aumento no nível de aluminio presente em seus cérebros (Varner et al, 1998). O aluminio no cérebro é associado com o mal de Alzheimer… em três estudos da china mostraram um abaixamento do Q.I. em crianças associadas com a exposição ao fluoreto…  uma vez colocado na água é impossível de controlar a dose que cada indivídio recebe." (http://www.laleva.cc/pt/alimentos/fluoro_50reasons.html)"
 
"Americanos querem acabar com a água fluoretada - … o movimento contra a fluoretação aumentou porque o próprio governo americano divulgou um relatório alertando para o efeitos nocivos do excesso de flúor na água. Esta prática seria responsável pelo aumento no número de casos de fluorose dental, que causa manchas brancas ou amareladas nos dentes. Cerca de 40% das crianças com idades entre 12 e 15 anos tinham fluorose dental, de 1999 a 2004. Esse percentual era de 22,6% num estudo de 1986 a 1987… No Brasil, o Ministério da Saúde adota a mesma medida há 36 anos, seguida à risca pela companhia de abastecimento Cedae, no Rio: a adição de flúor na água varia de 0,6 a 0,8 miligramas por litro de água (ou partes por milhão)." (http://extra.globo.com/noticias/saude-e-ciencia/americanos-querem-acabar-com-agua-fluoretada-2860793.html)
 
 
Conclusão
 
Milhares de produtos químicos são utilizados como aditivos em nossos alimentos e água. Além disso, ainda temos os herbicidas, inseticidas, fertilizantes agrícolas, hormônios, antibióticos, medicamentos, vacinas, ar contaminado e tantos outros.
 
Já foi comprovado que a maioria desses produtos afeta o funcionamento do nosso cérebro (mente).
 
Muitos teóricos acreditam que todos esses esforços para contaminar a população são para facilitar o controle mental.
 
Como se proteger desse sistema babilônico? A Bíblia diz que nossa luta não é carnal, mas espiritual e que todo nosso entendimento/pensamento (mente) deve estar submisso e obediente a Cristo que é poderoso para destruir fortalezas.
 
"Porque, andando na carne, não militamos segundo a carne. Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus para destruição das fortalezas; Destruindo os conselhos, e toda a altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo o entendimento (pensamento) à obediência de Cristo;" (2 Coríntios 10:3-5)
 
 
Imagem do post inspirada na capa do livro Pharmakeia de Ana Mendez Ferrell.
 
 
 
 

Fundação Keshe: um convite à Paz Mundial

Filed Under (Governo Mundial, Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 05-09-2012

Tag: , ,

Atualizado em 17/02/2013

Por Geração Maranata

 
Depois de ter sido oferecido à humanidade o paraíso na terra (leia Projeto Vênus: Um Novo Céu e uma Nova Terra?) e a Imortalidade (leia Imortalidade através da Ciência), agora, uma organização chamada 'Fundação Keshe', pretende oferecer o que estava faltando: a Paz Mundial, o fim da fome, sede, pobreza, solução para a escassez de energia, etc. Além de tudo isso, pretende garantir novos sistemas de geração de energia limpa para os meios de transportes e viagens espaciais.
 
Há muita incredulidade a respeito de toda essa suposta tecnologia que será apresentada em um encontro internacional na Bélgica nesta semana, dia 06/09/2012. Muitos acreditam que seja uma armação, estratégia de marketing ou blefe mesmo. Outros acham que, se for tudo verdade, é muita esmola para não se desconfiar. O site alemãextremnews.com (leia a reportagem no final da matéria) levanta a questão de que a Fundação Keshe pretende, através da grande discussão na internet, proteger a tecnologia nuclear do Irã de possíveis ataques, uma vez que seu criador é deste país.
 
Mehran Tavakoli Keshe, engenheiro nuclear e criador desta Fundação é um iraniano que, segundo ele mesmo afirmou, ajudou o Irã a construir um suposto disco-voador (leia a respeito no final desta matéria).  Será que é por isso e por outras coisas que o presidente Mahmoud Ahmadinejad vem alardeando a chegada do Imã Mahdi? (o messias mulçumano, leia mais aqui). Além disso, nos últimos meses houve um aumento de ameaças do Irã à Israel e a quem mais quiser enfrentá-los, é só ler os jornais.
 
Vamos aguardar e vigiar.
 
 
"Não erreis, meus amados irmãos. Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação." (Tiago 1:16,17)
 
 
A Fundação Keshe
 

A Fundação Keshe é uma organização independente sem fins lucrativos que foi fundada Mehran Tavakoli Keshe, um engenheiro nuclear nascido no Irã e formado na Inglaterra.
 
Esta Organização visa o desenvolvimento de novos conhecimentos científicos, novas tecnologias e novas soluções para os grandes problemas globais como a fome, escassez de água, falta de fornecimento de energia elétrica, mudanças climáticas, doenças, etc., tudo isso através do uso de reatores de plasma especialmente desenvolvidos e que também darão à humanidade a possibilidade de viajar no espaço.
 
Mehran Tavakoli Keshe apresentará ao mundo sua nova tecnologia: um reator de plasma que, segundo ele, permitirá a manipulação e captação de forças magnéticas e gravitacionais (chamada de Magravs) para produzir movimento, ou seja, permitirá o vôo espacial. Keshe afirma que eles poderão realizar um vôo espacial comercial já em 2014 e esperam fazer vôos comerciais para a lua até o final de 2016. 

Essa nova tecnologia, segundo a Fundação, poderá acabar com a fome, a miséria e a guerra, além de revolucionar a medicina e transformar totalmente os meios de transportes atuais (uma viagem do Irã à Nova York levaria aproximadamente 10 minutos).
 
Um dos objetivos da Fundação Keshe é compartilhar com o mundo os benefícios de suas tecnologias, por isso os reatores de plasma serão fornecidos de modo a formar “Unidades de Oásis” a fim de atender, em um primeiro momento, às necessidades básicas da humanidade, que é o acesso à água potável, alimentação, luz e calor.
 
Localizada em Ninov, Bélgica, a Fundação Keshe é formada por várias pessoas de todo o mundo, cujo objetivo principal é implementar a Paz Mundial com a ajuda de suas novas tecnologias.
 
Um aspecto importante é que a Fundação pretende oferecer as patentes diretamente à humanidade, não há dinheiro envolvido, intermediação e controle, desta forma todas as nações terão as mesmas condições de prosperar.
 
No dia 21 de abril de 2012 a Fundação Keshe convidou representantes de todos os países para uma primeira apresentação de sua tecnologia, uns compareceram outros ignoraram. Um segundo convite foi feito, desta vez de forma direta para os líderes de todos os países, para participarem de um encontro no dia 06/09/2012 na Bélgica:
 
"O convite a paz mundial e a liberação de tecnologia
 
Após a reunião da Fundação Keshe com os embaixadores mundiais 

convidados a Bruxelas em 21 de Abril de 2012, agora o nosso convite vai para as nações do mundo através de seus embaixadores e seus líderes para participar de uma reunião em 6 de Setembro 2012 na Fundação Keshe Center, em Ninove, Bélgica (ou em qualquer outro lugar as nações podem escolher).
 
Como Vossas Excelências ter tido conhecimento, convidamos representantes de cada país para a primeira apresentação da nossa tecnologia em 21 de abril de 2012. Os embaixadores de alguns países participaram desta reunião e outros optaram por ignorar a chamada, devido à pressão de outras nações, e decidiu não comparecer ou se retirou no último momento.
 
Com este segundo convite que directa e inequivocamente convidar os líderes de sua nação para designar indivíduos qualificados que podem participar na próxima reunião da Fundação em 06 de setembro, em nome de seus governos.
 
As razões para este convite e reunião são os seguintes:
 
1. Em 21 de Setembro de 2012, a Fundação Keshe vai lançar a primeira fase de sua tecnologia de espaço e as gravitacionais e magnéticos (Magravs) sistemas que desenvolveu, a todos os cientistas de todo o mundo simultaneamente, para a produção e duplicação. Daquele ponto em diante, as fronteiras internacionais deixarão de ter qualquer significado real. Isto porque, uma vez que o sistema primeiro vôo foi construído e colocado em funcionamento para o público, o tempo de viagem, por exemplo, de Teerã para Nova York será de cerca de 10 minutos, no máximo. Os novos sistemas aerotransportados permitirá a cada indivíduo a fazer o mesmo duração da viagem no mesmo tempo e em quase qualquer custo, de qualquer ponto do planeta. A embarcação não será detectável com a tecnologia de radar presente.
 
2. A crise de energia vai ser resolvido de uma só vez, e uma vez que a tecnologia é colocar em prática os poderes que controlam fornecimento de energia e através deles as actuais estruturas financeiras encontrarão suas mãos vazias.
 
3. A escassez de água do mundo vai ser abordadas e resolvidas por apresentar esta tecnologia ao público logo após o lançamento da nossa energia e tecnologia espacial.
 
Como fizemos isso? 
 
Nos últimos seis anos, temos usado o sistema internacional de patentes para se certificar de que todas as nações e os cientistas ao redor do mundo tem uma cópia de nossas patentes na sua posse. (Por favor, verifique a patente europeia e downloads internacionais servidores para o número de downloads.)
 
Assim, temos evitado qualquer bloqueio de possíveis dessa tecnologia por qualquer indivíduo ou grupo e agora a maioria das nações estão na posse de nossas patentes para geração de energia, sistemas médicos e viagens espaciais.
 
Desta forma, os métodos utilizados no passado para prevenir o desenvolvimento internacional foram contornados e agora todas as nações têm a mesma oportunidade de trabalhar juntos para ver que esta tecnologia é desenvolvida de forma segura.
 
O ponto principal é que a nossa tecnologia se destina a ser livremente disponível a todos os governos para o benefício de todos os seus cidadãos. Através dos sistemas que desenvolvemos cada nação pode ter acesso a tanto água, energia e alimentos, que necessitam, bem como novos métodos de cuidados de saúde e de transporte, tudo a custo muito pequeno.
 
De acordo com seu regulamento a Fundação Keshe e todas as suas tecnologias são de propriedade dos povos do mundo. As patentes são os ativos de cada indivíduo neste planeta e não pode ser invocada por qualquer pessoa ou organização ou nação. Isto significa que toda a renda gerada pela tecnologia pertence à nação que faz uso dele.
 
Vamos lançar a lista de países convidados para a reunião de 6 de setembro de 2012 e os completos endereços de email de quem receber convites, por isso vai ser até você como um governo para torná-lo conhecido que a partir de sua nação vai estar presente este reunião.
 
No momento em que este e-mail chega em sua embaixadas uma cópia será postada no fórum eo website da Fundação para que seus cidadãos estarão cientes da oferta que foi feita para você. Em seguida, ele será para você fazer o seu conhecido de resposta a eles, bem como para a Fundação, e reunirá os nomes dos delegados nomeados e deixe seus funcionários saber onde e como encontrar.
 
Após esta reunião, a apresentação em 21 de Setembro de 2012 será o primeiro passo no programa da Fundação Keshe de ensino para compartilhar seu conhecimento e colocá-lo nas mãos das pessoas em todo o mundo. Uma vez que essas novas tecnologias e seus benefícios são conhecidos do público em geral, os líderes de cada nação terá de decidir como eles estão indo para implementá-las para a melhoria de todos.
 
Nesse ponto, haverá duas opções: ou trabalhar todos juntos para mudar a vida de todos na Terra para melhor através dos padrões corretos de conduta, ou as nações avançadas do mundo vai ver no futuro próximo uma inundação de imigrantes em dezenas de milhares de pessoas que afluem às grandes cidades.
 
Estamos preparados para apresentar a tecnologia a seus representantes em qualquer ambiente, para que possam compreender suas implicações e as mudanças que irão trazer.
 
A partir de agora, podemos ter certeza de que nenhuma criança ou adulto vai morrer de sede ou fome e que nenhuma nação será atacado por outro, porque as potenciais aplicações militares da nova tecnologia são tão terrivelmente destrutiva que não teremos escolha a não ser aceitar que a luta sobre os recursos do planeta é uma coisa do passado.
 
Não houve nada de errado com proteger os bens nacionais, mas agora como os líderes de pequenas regiões da Terra é de sua responsabilidade a ver que seus recursos estão disponíveis para ser compartilhado, e que, com a ajuda de necessidades básicas nossa todos da tecnologia para a energia, comida, água e cuidados de saúde são atendidas.
 
A Fundação Keshe não leva em conta a cor, religião, nacionalidade ou filiação política, assim o nosso apelo vai para fora a cada governo a nomear uma equipe de cientistas para vir e ver nossas tecnologias em primeira mão. Então, eles podem decidir se quer ou não fazer uso deles. Se você ignorar este convite seu país em breve terá escolha a não ser seguir o exemplo de nações que decidiram desenvolvê-las.
 
Pedimos a sua nação para iniciar o processo de cooperação mundial, logo que possível, porque uma vez que estes sistemas estão em operação, as fronteiras daquele país um separado do outro não terá significado.
 
Temos que definir o cenário para uma mudança de rumo para a humanidade e nos próximos meses vamos ver até o fim. Num futuro próximo, as pessoas vão perceber que nós estamos aqui para servir os outros e não para ser servido, como todos os recursos estarão disponíveis a todos ao mesmo tempo e na mesma medida.
 
MT Keshe 
Fundador e diretor interino da Fundação Stichting Keshe"
 
 
Últimas notícias relacionadas à Fundação Keshe:
 
 
Assinatura do tratado de paz mundial e conferência de paz Mundial
 
22/01/2013
 
A Fundação Keshe desenvolveu um parágrafo do Tratado de Paz Mundial que está pedindo a todos os líderes mundiais a assinarem, como indivíduos e como chefes de estado de suas respectivas nações. Sr. Keshe também está pedindo que "todos os cidadãos do mundo" assinem o Tratado de Paz Mundial, como uma mudança no compromisso e consciência para abandonar a guerra como uma atividade humana na Terra.
 
Para este fim, o Sr. Keshe organizará uma Conferência para o Processo de Paz ano dia 21 de março de 2013. O local de partida deste processo poderá ser a Itália. Sr. Keshe descreve o apoio que está recebendo entre os membros do Parlamento italiano para o tratado de paz no mundo.
 
Como parte do processo contínuo, o Sr. Keshe convida todos os cidadãos do mundo para assinar o Tratado de Paz Mundial em 21 de abril de 2013. Sr. Keshe estimula aqueles que desejam apoiar mais ativamente o processo a tirar cópias do tratado e exortar os governos a adotar o Tratado de Paz Mundial.
 
Sr. Keshe afirma em sua entrevista à ExopoliticsTV que a Casa Branca de Obama tem uma cópia do Tratado de Paz Mundial, como faz o governo do Irã.
 
Para ler o pronunciamento na íntegra: http://www.keshefoundation.org/introduction/342-important-announcement-by-the-keshe-foundation.html e http://www.avaaz.org/en/petition/World_Peace_Treaty_1/?fYQkkbb&pv=3
 
Cidadãos italianos assinando o tratado: http://www.iconicon.it/blog/2013/01/ho-firmato-il-trattato-di-pace-mondiale/
 
Página Facebook: https://www.facebook.com/KesheFoundationPortuguese
 
 
Início da Transferência de Tecnologia para os Cientistas do Mundo
14 Setembro 2012
Fonte: http://www.keshefoundation.org/phpbb/viewtopic.php?f=2&t=2704
 
Depois do sucesso das apresentações da tecnologia nos dias 21/4/2012 e 6/9/2012 a embaixadores no centro da Fundação Keshe na Bélgica, a Fundação Keshe tem orgulho em anunciar a apresentação das primeiras séries de apresentações para transferência de tecnologia para os cientistas do mundo.
 
Para este efeito nós convidámos e aceitamos dar as primeiras séries de palestras em tecnologia espacial e suas aplicações e implicações na Universidade de Freetown em Serra Leoa de 12/10/2012 a 17/10/2012.
 
Se estiver perto desta localidade e em outros países em África, contacte por favor a embaixada de Serra Leoa no seu país para poder estar presente nestas primeiras palestras e transferência de tecnologia para os cientistas do mundo.
 
Como prometemos, entregamos a nossa tecnologia às pessoas do mundo através do suporte dos seus governos e através do nosso programa de convites a embaixadores e estamos cumprindo nossa promessa e a implementando o objetivo da Fundação Keshe que é unir os cientistas do mundo em conhecimento, em paz e harmonia através do nosso programa espacial.
 
Gostaríamos de agradecer ao embaixador da Serra Leoa na Bélgica, Dr. C. S. Kargbo e aos funcionários do governo de Serra Leoa pelo convite à Fundação Keshe para apresentação das tecnologias Keshe nas suas universidades e pela sua abertura na aceitação e organização da primeira conferência internacional de ensino no continente africano.
 
Como prometemos, o continente africano terá o seu próprio programa espacial como está planeado pela Fundação e agora estamos aqui para cumprir a nossa promessa.
 
M T Keshe
Fundador e zelador da Fundação Keshe

 

Keshe Foundation anuncia para 21/09/2012 a publicação de uma tecnologia overunity e Anitgravitations

Fonte: http://www.extremnews.com/berichte/vermischtes/9efe141071ed44f (tradução do idioma alemão feito pelo Google)

Despercebido pela grande mídia, mas a Internet e e-mail se espalhando rapidamente nos últimos dias a Fundação Keshe fez espetacular. Ele espalhou um comunicado que no dia 6 de Setembro, convidou os representantes dos Governos para uma reunião especial. O pano de fundo desta conferência é que, em 21 Setembro de 2012, todos os cientistas do mundo tomarão conhecimento da mesma informação em detalhes para uma tecnologia anti-gravidade e geradores de energia livre.

Ao fornecer as informações, a Fundação quer fazer com que deixem de existir fronteiras internacionais, Isto é, entre outras coisas, que conseguiram desenvolver um sistema de voo e aumentar em funcionamento, com o qual a distância entre Teerão e Nova Iorque podem ser ultrapassados ​​em 10 minutos. O sistema de voo de sistemas de radar não pode ser detectado.

A Fundação, com sede na Bélgica, diz ainda que pretende resolver com conversor magnético especial, a crise energética e a questão da escassez de água será resolvido em curto prazo, através da implementação desta tecnologia.

Desde que, no caso de Keshe Fundação aparentemente sabe como os desenvolvedores dessas tecnologias saíram até agora, temos assegurado suas próprias palavras sobre o sistema internacional de patentes, que cada nação e os principais cientistas do mundo uma cópia dessas patentes estará disponível. Assim, a fim de bloquear qualquer destas patentes foram impedidos e cada nação pode vir para a posse das patentes de sistemas de geração de energia e transporte médicas espaço.

A Fundação é uma organização independente, não-religiosa e sem fins lucrativos fundada pelos engenheiros nuclear iraniano Keshe MT. Os objetivos da Fundação são o avanço do conhecimento científico e novas tecnologias, a fim de resolver os problemas atuais da humanidade, como a fome, a falta de água, falta de energia limpa, poluição e doenças. Para este reatores especiais plasmáticos foram desenvolvidos para também dar às pessoas a oportunidade de viajar com uma verdadeira liberdade no espaço.

Se a Fundação Keshe realmente apresentar esse tipo de tecnologia, cuja existência foi negada pela ciência atual e sempre foi ridicularizado na mídia, em breve, isso equivaleria a uma revolução mundial e mudará a visão atual do mundo. Na Internet o assunto é discutido em numerosos artigos, portanto, se essa é a verdadeira razão e talvez não em relação à tecnologia nuclear desatualizado que queríamos atacar o Irã por causa dos engenheiros nucleares MT Keshe e o fundador da Fundação vem do Irã.

Se o anúncio da Fundação Keshe se materializar poderia bem e há tecnologias alternativas para as necessidades de energia do mundo pode até mesmo sem o uso de energia solar, eólica, carvão, nuclear ou usinas hidrelétricas serão cobertos mostrar stellvertrend para o cientista alternativo de muitos outros incluindo a pesquisa de Prof Dr. Noel W. Turtur. 

O físico Dr. Noel W. Turtur Ostfalia da Universidade de Ciências Aplicadas propõe resolver o problema antes de uma energia alternativa revolucionária: a energia do vácuo quântico. Espaço de energia, o pesquisador não é comparável com qualquer forma já conhecida de energia. Ele é onipresente e pode ser ilimitado e totalmente amigo do ambiente torneira de qualquer lugar.

Sem dinheiro e anos de pesquisa passou, Prof Turtur as provas teórica e prática do espaço de energia – uma abordagem que mesmo Albert Einstein tinha seguido.

Leia a carta aberta publicada pelo sr Keshe em defesa do Irã, onde ele chega a afirmar o seguinte: "O Irã é e será a nação principal para a paz mundial."

http://www.keshefoundation.org/en/media-a-papers/keshe-news/330-the-world-peace-invitation-and-release-of-technology-the-2nd-international-presentation-how-to-become-axes-of-evil (ative o Google Translate)

 

Irã diz que construiu disco-voador

21 de março de 2011

Fonte: http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/ira-diz-que-construiu-disco-voador-21032011-22.shl

O Irã teria apresentado ao mundo o primeiro disco-voador não tripulado construído inteiramente no país – mas a notícia surgiu de formas tão divergentes que provocou desconfiança e se tornou motivo de piada.

A nave, chamada Zohal (Saturno), teria sido criada em parceira com a Farnas Aerospace Company e a Iranian Aviation and Space Industries Association (IASIA).

A notícia foi divulgada pela agência iraniana Farns na semana passada e afirma que a nave “poderia ser usado para várias missões – especialmente fazer imagens aéreas”. Além do sistema de piloto automático e GPS, ela teria dois sistemas de imagens full HD com qualidade de 10 mega-pixels capaz de tirar fotos e enviá-las simultaneamente. Além disso, a nave poderia voar tanto em locais fechados como abertos.

A informação de que o Irã havia criado um disco-voador correu o mundo e provocou desconfiança. O fato de se tratar de um "disco voador não tripulado" não foi o que causou o maior espanto. Vale lembrar que, em meados de 2010, o Reino Unido apresentou um protótipo não tripulado que em muito lembra a forma de disco.

Mas o anúncio do Irã teve alguns problemas. Primeiramente, não foram divulgados detalhes da nave (tamanho, peso, combustível…) e, em segundo lugar, a única imagem que acompanha a nota nem sequer é crível. Vários veículos alegam que a imagem divulgada pela Fars lembra uma nave de filmes B hollywoodianos dos anos 50 – o que não seria exatamente um comentário maldoso (basta observar a foto acima e tirar as suas próprias conclusões). 

O Jornal The Daily Mail aponta também que a Fars é uma agência controlada pelo governo do país – questionando a veracidade de suas informações.

Outro detalhe que contribuiu para a desconfiança foi o fato de outra agência de notícias iraniana chamada Students’ News Agency (ISNA – Agência de Notícias Iraniana dos Estudantes) ter mostrado uma segunda imagem como sendo o Zohal. Segundo eles, a nave seria um “quadrocóptero” (veja foto divulgada abaixo).

Essa informação também foi contestada pelo site especializado SUAS, que escreve somente sobre veículos aéreos não tripulados de pequeno porte. O site alega que a foto é de um produto canadense chamado DraganFlyer X6 e eles “duvidam que a empresa canadense tenha vendido o veículo ao Irã”.

Por enquanto, parece que só nos resta aguardar novas informações sobre o novo projeto do Irã. De qualquer forma, se o quadrocóptero mostrado pela ISNA for mesmo o anunciado Zohal, seria de bom tom que o Irã revisse seus conceitos de "disco", não?. Engenheiro por trás da tecnologia do disco-voador iraniano

 

 

Engenheiro nuclear, Mehran Tavakoli Keshe, se apresentou como sendo o desenvolvedor da tecnologia utilizada pelo Irã de novo "disco voador". Sua tecnologia é reivindicada para aproveitar o magnetismo ea gravidade para permitir viagens em todo o sistema solar e além. 

Entrevista feita pelo site pesn.com ao sr. Keshe:

P. O senhor disse em uma entrevista recente que há um vídeo de seu reator elevando um objeto, mas não foi tornado público. Quando o senhor acha que poderá ser publicado?

R. Esta é uma decisão do governo iraniano.

P. Há qualquer referência que o senhor possa fornecer, a qual diretamente ligaria sua tecnologia à tecnologia usada no disco voador iraniano?

R. Temos publicado isso por dois anos e eu retornei do Irã em janeiro, de uma visita de 7 dias, a qual foi documentada no meu fórum. Eu disse que o Irã irá mostrar sua tecnologia espacial em seu próprio tempo. Pergunte para o governo canadense, que tomou todos os meus documentos em Toronto em um sequestro aéreo. Eles lhe dirão com quem e onde eu estava trabalhando no Irã.

P. O senhor chegou a ver o disco voador do Irã em pessoa? Se sim, em qual circunstância?

R. Eu construi o sistema inicial e testei para eles há 2 anos e meio, no Irã. Até aquela época, o Irã estava produzindo foguetes e não falavam a respeito do programa de naves espaciais.

P. O senhor supervisionou o projeto, a construção e o teste do disco? Se não foi o senhor, quem o fez, e como poderíamos entrar em contato com esta pessoa?

R. Sem resposta.

P. O senhor poderia descrever as características físicas e de desempenho do disco do Irã? Por exemplo:

a) Que elemento ele usa para produzir o plasma?

R. Elementos básicos.

b) Que tamanho ele tem?

R. Sem resposta.

c) Quanta força de empuxo ele produz?

R. Isto não é relevante em sistemas de posicionamento Magravs.

c) Qual é a sua autonomia?

R. Para qualquer destino, estes sistemas não tem um alcance como um sistema de propulsão.

e) A que velocidade ele pode voar?

R. Milhares de vezes a velocidade do som, no espaço.

f) Ele pode ser construído em escala maior?

R. Sua escala depende na força do campo.

P. Ele pode viajar até a órbita terrestre e além?

R. O plano é de ir até Marte.

P. Qual é a sua aparência?

R. Um disco.

P. O senhor tem uma foto do disco? Estaria disposto a compartilhar esta imagem?

R. Sem resposta.

P. Existem maiores informações sobre o disco do Irã que o senhor possa nos fornecer?

R. Assista as liberações de notícias iranianas sobre o programa espacial. Pelo que sei, a primeira demonstração de aterrissagem na Terra será em Jerusalém. Como expliquei antes, se você entende a linguagem política do Oriente Médio…

 

Para ler a notícia completa: http://pesn.com/2011/04/06/9501804_Engineer_Behind_Iranian_Saucer_Technology_Comes_Forward/

 

Para saber mais a respeito:

Todas as informações foram obtidas do próprio site da Fundação Keshe: http://keshefoundation.org

Outro site informativo sobre a Fundação: http://peswiki.com/index.php/Directory:Keshe_Foundation

Video: http://www.youtube.com/watch?v=UrN99RELqwo 

 

Leia também:

Projeto Vênus: Um Novo Céu e uma Nova Terra?

Imortalidade através da ciência

 

 

Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus? Pestes

Filed Under (Governo Mundial, Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 21-12-2011

Tag: , , , ,

This entry is part 6 of 8 in the series Quais são os sinais que antecedem a Volta de Jesus?

Por Geração Maranata

 

Em vários sites e blogs, cristãos ou não, lemos a respeito de uma conspiração para dizimar a população mundial.  Sabemos que pelo menos 2/3 da população será dizimada por ocasião da Grande Tribulação e os eventos que ocorrerão serão "permitidos" por Deus, mas não necessariamente causados por Ele.  

Em Apocalipse 6 lemos sobre os Sete Selos e com eles os Quatros Cavaleiros do Apocalipse.  Se atentarmos bem, veremos que alguns versículos dizem que 'foi-lhe dado…', ou seja, foi permitido que alguém faça alguma coisa ou algo.

"…e foi-lhe dada uma coroa…" (Apocalipse 6:2): concessão de autoridade
"…foi dado que tirasse a paz da terra…" (Apocalipse 6:4)
"…e foi-lhes dado poder…" (Apocalipse 6:8)

Compare com o versículo 7 de Apocalipse 13: "Foi-lhe dado poder para guerrear contra os santos e vencê-los. Foi-lhe dada autoridade sobre toda tribo, povo, língua e nação."  Este versículo mostra que o Anticristo terá permissão para guerrar contra os santos e vencê-los.  Também lhe será concedido autoridade sobre o mundo.

A palavra "dado(a)" vem do hebraico διδωμι didomi(*) que também significa 'conceder', 'permitir':
1) dar
2) dar algo a alguém. 
2a) dar algo a alguém de livre e espontânea vontade, para sua vantagem 
2a1) dar um presente 
2b) conceder, dar a alguém que pede, deixar com que tenha 
2c) suprir, fornecer as coisas necessárias 
2d) dar, entregar 
2d1) estender, oferecer, apresentar 
2d2) de um escrito 
2d3) entregar aos cuidados de alguém, confiar 
2d3a) algo para ser administrado 
2d3b) dar ou entregar para alguém algo para ser religiosamente observado 
2e) dar o que é dever ou obrigatório, pagar: salários ou recompensa 
2f) fornecer, doar
3) dar 
3a) causar, ser profuso, esbanjador, doar-se a si mesmo 
3a1) dar, distribuir com abundância 
3b) designar para um ofício 
3c) causar sair, entregar, i.e. como o mar, a morte e o inferno devolvem o morto que foi engolido ou recebido por eles 
3c) dar-se a alguém como se pertencesse a ele 
3c1) como um objeto do seu cuidado salvador 
3c2) dar-se a alguém, segui-lo como um líder ou mestre 
3c3) dar-se a alguém para cuidar de seus interesses 
3c4) dar-se a alguém a quem já se pertencia, retornar
4) conceder ou permitir a alguém 
4a) comissionar
(*) Dicionário Bíblico Strong
 
Dito isso, acho que podemos entender que parte dos eventos que ocorrerão nos Selos do Apocalipse Cap. 6, serão provocados por 'alguém'.  Também entendemos que esse 'alguém' é o homem que vem montado no primeiro Cavalo Branco, que recebe uma coroa (símbolo de autoridade), que saiu vencendo para vencer (ainda que por tempo determinado).  Esse personagem, apesar de  que alguns posicionamentos escatológicos não concordem, para mim não resta dúvida que seja o Anticristo. Quando digo que os eventos serão provocados pelo Anticristo, não quer dizer que ele fará tudo sozinho, pois ele conta com seus 'servos', que são os responsáveis por toda a montagem do palco mundial, como temos percebido ao longo de vários anos. Há um grupo que conspira contra a humanidade para projetar o Homem da Iniquidade. 
 
O segundo Selo fala sobre 'tirar a Paz da Terra com guerras' (é o que mais temos ouvido, com o agravante de que alguns suspeitam que muitas tem sido provocadas, incitadas para um propósito); o terceiro fala sobre fome e crise financeira; o quarto fala sobre uma grande mortandade, cuja a causa provavelmente é o resultado dos selos anteriores: guerras, fome, pestes, animais selvagens; e por último um grande terremoto, que pode ser causado por explosão de bomba nuclear, pois os homens procurarão se esconder em rochas (bunkers) ou pode ser um terremoto de grandes proporções e inclusive fabricado por esse 'alguém', pois muitas pessoas desconfiam que existe uma arma capaz de fabricar catástrofes naturais (Haarp).  
 
Seguindo nesta linha de raciocínio, veja o que saiu nos noticiários de ontem (20-12-2011).  A mortandade pela peste, poderá ou não ser obra de 'alguém'? E a vacina (pois ela irá existir) poderá muito bem ser dada a quem tiver a marca desse 'alguém'.  E isso me faz lembrar do filme "Contágio"…
 
Meus irmãos estejamos prontos, pois o tempo se aproxima, e rápido!
 
 
Maranata!
 
***
 
"E olhei, e eis um cavalo amarelo, e o que estava assentado sobre ele tinha por nome Morte; e o inferno o seguia; e foi-lhes dado poder para matar a quarta parte da terra, com espada, e com fome, e com peste, e com as feras da terra." (Apocalipse 6:8)
 
"Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino (segundo selo), e haverá fomes (terceiro selo), e pestes (quarto selo), e terremotos (sexto selo), em vários lugares." (Mateus 24:7)

 

***

 
Você já observou que, desde que os cientistas decifraram o código genético, a humanidade está sendo afligida por diversas doenças mortais para as quais não existe cura? 
Com a AIDS, Ebola, SARS e a gripe aviária, os cientistas têm a capacidade singular disponível de matar centenas de milhões de pessoas em um período muito curto de tempo. 
Alguns meses atrás, um cientista russo advertiu que até um bilhão de pessoas poderá morrer em decorrência da gripe aviária. 
Sabe-se agora que a SARS é formada por elementos genéticos de vários animais na terra. (www.espada.eti.br)
 
 
Cientistas criam vírus capaz de matar 6 em cada 10 infectados

RIO – Parece um roteiro de Hollywood, mas é bastante real. Cientistas europeus e americanos criaram em laboratório uma linhagem mortal do vírus da gripe aviária, capaz de infectar e matar milhões de pessoas, segundo revelou uma reportagem exclusiva publicada pelo jornal inglês "The Independent". A notícia gerou temores entre especialistas em biossegurança de que as informações caiam nas mãos de terroristas que possam usar o agente como arma biológica de destruição em massa. O governo dos EUA pediu ontem que a sequência genética do vírus alterado não seja revelada na publicação do estudo.

Há o temor também de que um acidente acabe deixando escapar o micro-organismo. Alguns cientistas questionam se esse tipo de pesquisa poderia ter sido feita num laboratório de universidade e não numa instalação militar.

 

— O medo, ao se criar algo tão mortal assim, é que se transforme numa pandemia global, com altas taxas de mortalidade e custos excessivos — explicou um conselheiro científico do governo americano, na condição de anonimato, ao jornalista Steve Connor, do periódico inglês. — O pior cenário nesse caso é muito pior do que se pode imaginar.

 

Pela primeira vez, pesquisadores conseguiram provocar uma mutação na linhagem H5N1 da gripe aviária, tornando-a mais facilmente transmissível pelo ar. A linhagem da gripe aviária matou centenas de milhares de aves, desde que foi descoberta pela primeira vez, em 1996, mas, até agora, infectou apenas cerca de 600 pessoas que tiveram contato direto com as aves doentes.

 

Seis em cada dez infectados morrem

 

O que torna o H5N1 tão perigoso, no entanto, é que ele matou cerca de 60% das pessoas infectadas — tornando-o uma das mais letais formas de influenza na História moderna — uma capacidade de matar moderada apenas por sua inabilidade (até agora) de se espalhar facilmente entre humanos. O vírus alterado em laboratório, no entanto, se transmite facilmente entre os humanos.

 

Cientistas que realizaram a controversa experiência descobriram que é mais fácil do que se imaginava transformar o H5N1 numa linhagem altamente infecciosa de gripe. Eles acreditam que o conhecimento adquirido com o estudo seria vital para o desenvolvimento de novas vacinas e drogas.

 

— Trata-se de uma pesquisa muito importante — afirmou a diretora de políticas científicas do Instituto Nacional de Saúde dos EUA, que patrocinou o estudo, Amy Patterson. — À medida que os vírus evoluem na natureza, queremos estar preparados para saber detectar rapidamente mutações que podem indicar que eles estão $aproximando de uma forma que o torne capaz de cruzar a barreira das espécies mais rapidamente.

 

Mas os críticos dizem que os cientistas colocaram o mundo em risco ao criar uma forma de gripe extremamente perigosa. Cientistas têm poucas dúvidas de que a nova linhagem de H5N1 criada — resultado de apenas cinco mutações em dois genes-chaves — tenha o potencial de causar uma pandemia humana devastadora que poderia matar dezenas de milhões de pessoas. O estudo foi feito em furões, que, quando infectados com influenza, são considerados os melhores modelos animais para se estudar a doença humana.

 

Os detalhes do estudo são considerados tão delicados que foram examinados pelo Conselho Nacional de Ciência para Biossegurança do governo americano, que pediu às revistas "Science" e "Nature", às quais o estudo foi submetido, que não publiquem a sequência genética completa.

 

— Essas são áreas da ciência em que a informação precisa ser controlada — afirmou um cientista do conselho, que falou na condição de anonimato ao "Independent". — Os exemplos mais extremos são, por exemplo, como fazer uma arma nuclear ou qualquer arma que possa ser usada para matar pessoas. Mas as ciências biológicas não tinham se deparado com uma situação dessas antes. É realmente uma nova era.

O estudo foi feito por um grupo de cientistas holandeses coordenado por Ron Fouchier, do Centro Médico Erasmus, em Roterdã; e também por Yoshihiro Kawaoka, da Universidade de Wisconsin-Ma$, nos EUA.

"Descobrimos que isso é, de fato, possível e mais fácil do que se imaginava. No laboratório, foi possível transformar o H5N1 num vírus de transmissão por aerossol que pode se espalhar rapidamente pelo ar", informou Fouchier em comunicado oficial. "Esse processo também poderia ocorrer num ambiente natural."

 

Autor do estudo defende experiência

 

Para justificar a experiência, ele afirmou: "Sabemos por qual mutação procurar no caso de um surto e poderemos, então, interrompê-lo antes que seja tarde. Além disso, a descoberta ajudará no desenvolvimento de vacinas e remédios."

 

Alguns cientistas questionaram se esse tipo de pesquisa deveria ser feito num laboratório de universidade, sem a segurança contra terroristas existente em instalações miltiares. Eles ressaltaram também que vírus experimentais já escaparam acidentalmente de laboratórios aparentemente seguros em outras ocasiões, causando epidemias humanas — caso da gripe de 1977.

 

— Há quem diga que um trabalho como esse não deveria nunca ser feito ou teria de ser em um local onde toda a informação pudesse ser controlada — afirmou uma fonte próxima ao Conselho de Biossegurança. — A tecnologia (de engenharia genética) é hoje comum em muitas partes do mundo. Com a sequência genética, é possível reconstruí-lo. Por isso a informação é tão perigosa.

 

 

Fonte:http://extra.globo.com/noticias/saude-e-ciencia/cientistas-criam-virus-capaz-de-matar-6-em-cada-10-infectados-3487420.html#ixzz1hBwueTNK

 

 

 

Cientistas afirmam que o filme 'Contágio' é realista. Será isso um aviso?
 
 
ATLANTA – Sim, poderia acontecer. "Contágio", um thriller de Hollywood dirigido por Steven Soderbergh que estreou na semana passada nos Estados Unidos e conquistou o primeiro lugar nas bilheterias com sua narrativa emocionante sobre uma epidemia global de vírus fictício que deixou o público horrorizado com o destino da personagem de Gwyneth Paltrow.
 
Antes de ser lançado, o filme também preocupou pesquisadores de doenças infecciosas da vida real, mas por um outro motivo: eles temiam que o cineasta usasse sua liberdade artística para desvirtuar a ciência e tornar a produção inverossímil.
 
Mas o Dr. Thomas Frieden, chefe do Centro de Controle e Prevenção de Doenças de Atlanta afirma que o filme é bastante plausível.
 
A equipe que produziu o filme contou com vários consultores especialistas no assunto para garantir que os detalhes científicos fossem precisos.
 
"Contágio" estreia no Brasil no dia 28 de outubro (de 2011).
 
 
 
 
***
 
Leia também:
 
Cinco Grandes Crises Fabricadas  (http://www.espada.eti.br/n2193.asp)
 
 
 
 

Vaticano e ONU propõem um Governo Mundial

Filed Under (Governo Mundial) by Geração Maranata on 28-10-2011

Tag:

Vaticano Propõe Governo Mundial para Realizar Reforma Financeira

O Pontifício Conselho do Vaticano Justiça e Paz, propôs a criação de uma autoridade política e um banco central mundial que possam fazer frente à atual crise financeira mundial.
O pedido está no documento "Por uma reforma do sistema financeiro e monetário internacional na perspectiva de uma autoridade pública com competência universal", apresentado pelo cardeal Peter Turkson, presidente do Conselho Pontifício Justiça e Paz.

O líder e a entidade teriam a função de promover “mercados livres e estáveis, disciplinados por um quadro jurídico adequado”, além de fazer frente à atual crise financeira e econômica.

De acordo com a publicação paranaense O Diário, a Congregação do Vaticano explicitou que tal autoridade deve ter um “horizonte global e servir ao bem comum”. Por outro lado, essa liderança não poderia ser imposta pela força, mas servir pelo acordo livre e compartilhado.

“O exercício de tal autoridade deve ser necessariamente supranacional”, disse o comunicado divulgado pela Rádio Vaticano.

O Vaticano justifica a criação de uma Autoridade Pública Mundial por causa da crescente interdependência entre os estados.

A criação de um Banco Central Mundial também é incentivada pela Santa Sé, que deveria exercer a função de regular o fluxo e o sistema dos intercâmbios monetários, segundo a agência Efe. De acordo com o texto, o Fundo Monetário Internacional perdeu sua capacidade de garantir a estabilidade das finanças mundiais.

Com vistas a criar uma autoridade supranacional, o Vaticano assinala que os estados devem ceder de forma gradual e equilibrada uma parte de suas atribuições nacionais à chamada Autoridade Mundial.

"Hoje se vê como surrealista e anacrônico que um estado considere que pode conseguir de maneira autárquica o bem de seus cidadãos. A globalização está unificando os povos, levando-os a um novo 'estado de direito' em nível supranacional, a um novo modelo de sociedade internacional mais unida, respeitosa com a identidade de cada povo", diz o documento.

Fonte: http://portuguese.christianpost.com/noticias/20111026/vaticano-propoe-governo-mundial-para-realizar-reforma-financeira/

 

ONU: Precisamos de uma governança econômica global

04 julho de 2011

Presidente da Assembléia Geral da ONU, Joseph Deiss, assegurou que o 'movimento dos indignados' destaca a necessidade de uma governança econômica global.

Em um discurso no Conselho Econômico e Social, em Genebra, Deiss disse que precisamos perguntar como garantir que a educação conduz à integração do mercado de trabalho? A resposta a essa pergunta é a criação de um sistema de governança econômica global . "No início do século XXI que enfrentamos a necessidade de lidar com desafios globais e encontrar o equilíbrio entre o crescimento econômico sustentável do mundo", disse Deiss. Este sistema de governança econômica global, de acordo com o Presidente da Assembléia Geral deve ser representativa, eficaz e coerente. É por isso que o Conselho Económico e Social deve desempenhar um papel no sistema de governação global.

Fonte: http://www.un.org/spanish/News/fullstorynews.asp?newsID=21304&criteria1=desarrollo&criteria2=educacion

 

Condicionamento para a aceitação do Governo Mundial:

Rede social vai eleger governo global
Nova rede social pretende colocar à disposição dos usuários um fórum para questões de interesse mundial, além de eleger representantes

Em um ato simbólico diante da sede da ONU, em Nova York, será lançada, nesta segunda-feira, uma rede social diferente, a Mynetgov. A plataforma nascida em Portugal pretende colocar à disposição dos usuários da internet um fórum para questões de interesse mundial, além de eleger representantes para um também simbólico governo planetário. 

Continue lendohttp://exame.abril.com.br/tecnologia/noticias/rede-social-vai-eleger-governo-global

 

Leia também: O futuro Governo Mundial (http://www.chamada.com.br/mensagens/governo_mundial.html)

 

Projeto Vênus: Um Novo Céu e uma Nova Terra?

Filed Under (Governo Mundial, Sinais Proféticos) by Geração Maranata on 30-06-2011

Tag: , , ,

This entry is part 5 of 5 in the series Zeitgeist

por Geração Maranata

"E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe." (Apo 21:1)

"Porque, eis que eu crio novos céus e nova terra; e não haverá mais lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão." (Is 65:17)

"Porque, como os novos céus, e a nova terra, que hei de fazer, estarão diante da minha face, diz o SENHOR, assim também há de estar a vossa posteridade e o vosso nome" (Is 66:22)

 

Semelhante aos cientistas que prometem Imortalidade através da ciência, onde o ser humano poderá viver até 1.000 anos, o Projeto Vênus propõe a criação de um paraíso na Terra, um novo Éden.

Seria o ‘Milênio bíblico’ na visão Humanista.

Quem sabe se esses projetos não farão parte ou serão apropriados para formar o grande engano que será impetrado pelo futuro líder mundial, o anticristo?

Afinal será isso que ele prometerá: paz, fim da fome e miséria, saúde, segurança, etc…

Quando surgir o líder que tenha o poder de garantir coisas semelhantes a essa, certamente terá a aprovação e até mesmo a ‘adoração’ das pessoas, cansadas deste mundo cheio de violência e injustiça social.

 

“O Projeto Vênus é um esboço para a gênese de uma nova civilização global.” (thevenusproject.com)

“O Projeto Vênus não pode ser posto em prática em escala global até que o sistema econômico mundial deixe de suprir as necessidades das pessoas.” (movimentozeitgeist.com.br)

 

O Projeto Vênus apresenta uma proposta para redesenhar o futuro da humanidade, estabelecer uma nova forma de viver, onde o ser humano irá usufruir de uma vida repleta de abundância, onde as pessoas poderão viver vidas mais longas, com mais saúde e com mais significado, onde haverá uma nova era de paz e sustentabilidade para todos.

O Projeto está aliado ao ‘The Zeitgeist’, cientistas e intelectuais ateus que juntos apóiam a idéia de uma nova sociedade única com um só governo que tomará conta de tudo.

Polícia, prisões, atividades bancárias, publicidade, corretores de títulos, exército e governos não seriam mais necessários quando os bens, serviços, assistência médica e educação estão disponíveis para todas as pessoas.

O Projeto Venus substituiria os políticos com uma sociedade cibernetizada na qual todas as entidades físicas seriam o mais rápido possível geridas e operadas por sistemas computadorizados.

A única área em que os computadores não operariam ou administrariam seria na vigilância dos seres humanos, pois isso seria completamente desnecessário e considerado socialmente ofensivo. Uma sociedade que usa a tecnologia sem preocupação social não tem base de sobrevivência.

Objetivo

O mundo não está muito bem de saúde e os seus habitantes também não. Urge encontrar soluções. (Condicionamento para as pessoas acharem que realmente tem que haver mudanças, é a conhecida 'Ordo ab Chao' – Ordem através Caos)

O Projeto Vênus tem como objetivo melhorar a qualidade de vida, mostrar uma nova direção para a cultura mundial, combater problemas como: desemprego, violência, crime, substituição dos homens pela tecnologia, alta densidade demográfica e desequilíbrio do meio-ambiente.

O nome da organização tem origem na cidade de Venus, Flórida (daí o nome Projeto Vênus, apesar de que há outros motivos para o nome, como verá adiante), onde o centro de pesquisa da organização está situado. Neste lugar se concentra o projeto de uma nova civilização, onde será reestruturado o futuro e criada as bases de uma nova humanidade.

Crime, poluição, prisão, falência, corrupção, o Projeto Vênus apresenta uma proposta para solucionar todos esses problemas, e isso está em perfeita concordância com os aspectos espirituais e os ideais encontrados na maioria das religiões em todo o mundo. O que distingue o Projeto Vênus é que ele se propõe a traduzir esses ideais em realidade.

Para o sucesso do projeto é fundamental a eliminação da economia vigente baseada em dinheiro, em favor de uma economia baseada em recursos.

A economia baseada no lucro (o atual sistema monetário) gera escassez, pobreza, crime, corrupção e guerra. Impede o desenvolvimento da tecnologia, que deveria ser utilizada para benefício da sociedade e não em prol da poluição, da construção de armas, do consumo, da alienação, etc. Ou seja, se a tecnologia fosse utilizada fora do âmbito do lucro, sobraria espaço para uma maior abundância e distribuição de recursos. A conseqüência seria uma drástica diminuição da corrupção, da ganância e egoísmo que caracterizam as sociedades desenvolvidas contemporâneas.

Como se conseguirá esse prodígio?

Substituindo a economia baseada no dinheiro por uma economia baseada nos recursos. Esta visão está baseada da observação de que os processos resultantes do sistema monetário, como o trabalho e a competição, corrompem a sociedade e afastam as pessoas do seu verdadeiro potencial. É nesta sociedade de cooperação e altamente tecnológica que o Projeto Vênus vê o escape da sociedade ao atual panorama eco-sociológico.

O sistema monetário e os processos associados a ele, tal como a venda do próprio trabalho e a competição, são danosas à sociedade e limitam o verdadeiro potencial da maioria das pessoas.

Profissões baseadas no sistema monetário, como por exemplo, advogados, banqueiros, vendedores de seguro, equipes de marketing e publicidade, vendedores e corretores de valores deverão ser eliminados.

"O que causará o colapso dos sistemas monetários do mundo será a infusão da automatização e a terceirização do trabalho. Isso inclui não apenas os trabalhadores de linhas de montagem, mas também médicos, engenheiros, arquitetos e semelhantes. Quando trabalhadores e profissionais perdem o seu poder de compra, as indústrias que dependem deles não conseguem mais funcionar. Isso trará um fim ao sistema monetário. Não é tanto uma questão dos donos abrirem mão de suas indústrias quanto o fato de que as pessoas não terão mais o poder de compra para sustentar este sistema.  Esse colapso já está em andamento numa escala global…" (movimentozeitgeist.com.br)

Metas

  • Realizar a declaração dos recursos mundiais como patrimônio comum de todas as pessoas. (a Amazônia seria internacionalizada)
  • Transcender as divisões artificiais que hoje arbitrariamente separam as pessoas.
  • Substituir economias nacionalistas baseadas em dinheiro por uma economia baseada em recursos.
  • Ajudar na estabilização da população mundial através da educação e do uso voluntário de contraceptivos.
  • Regenerar e restaurar o meio ambiente de acordo com o melhor de nossa capacidade.
  • Reprojetar cidades, sistemas de transporte, agroindústrias, e fábricas para que sejam energeticamente eficientes, limpas e capazes de servir convenientemente às necessidades de todas as pessoas.
  • Livrar-se gradualmente das entidades corporativas e dos governos, (locais, nacionais, ou supranacionais) como meios de gestão social. Obs.: Seus proponentes deixam claro que a abordagem para um governo global não tem absolutamente nada em comum com os presentes objetivos da elite de formar um governo mundial dirigida por ela e pelas grandes corporações. A visão de globalização autoriza todas as pessoas do planeta a ser as melhores que puderem, não a viver sobre submissão abjeta de um corpo governamental corporativo.
  • Compartilhar e aplicar novas tecnologias para o benefício de todas as nações.
  • Desenvolver e usar fontes de energia limpas e renováveis.
  • Produzir a mais alta qualidade em produtos para o benefício das pessoas do mundo inteiro.
  • Exigir estudos sobre o impacto ambiental antes da construção de quaisquer megaprojetos.
  • Encorajar o mais amplo espectro de criatividade e incentivo a empreendimentos construtivos.
  • Superar o nacionalismo, o fanatismo e o preconceito através da educação. (fanatismo leia-se: Religião)
  • Eliminar o elitismo seja técnico ou de qualquer outra forma.
  • Delinear metodologias através de pesquisas meticulosas em vez de opiniões aleatórias.
  • Melhorar a comunicação nas escolas para que a nossa língua seja relevante às condições físicas do mundo. (uma língua mundial?)
  • Fornecer não só as necessidades básicas de sobrevivência, como também desafios que estimulem a mente ao mesmo tempo em que enfatizam a individualidade em detrimento da uniformidade.
  • Finalmente, preparar as pessoas intelectual e emocionalmente para as mudanças e desafios que vêm pela frente. (um tipo de ‘Mudança de Mente e Comportamento’)

Etapas

1)   A primeira fase já está em andamento. A construção de um centro de pesquisa de 101.171,83 m² está completa.  Vídeos, panfletos, e um livro (‘O melhor que o dinheiro não pode comprar: além da política, pobreza e guerra’) estão sendo divulgados para aumentar o conhecimento público sobre este projeto e suas muitas propostas.

2)   Produção de um longa-metragem que irá retratar como funcionaria um mundo que aderisse às propostas desenvolvidas pelo Projeto Vênus: uma sociedade pacífica em que todas as pessoas formam uma família global no planeta Terra

3)   Construção de uma cidade para pesquisas experimentais. Essa nova cidade será dedicada a trabalhar para atingir as metas e objetivos do Projeto Vênus (ver tópico anterior).

4)   Parque temático: irá fornecer casas inteligentes, sistemas de transporte não poluentes e de alta eficiência, tecnologia computacional avançada, e muitas outras inovações que poderão acrescer valor às vidas de todas as pessoas – em um período curtíssimo de tempo.

A maioria das cidades antigas seria demolida e seus recursos minerados. Elas são ineficientes demais para serem mantidas. Algumas cidades serão reservadas como cidades-museus.

As cidades circulares multi-dimensionais e inovadoras usam os mais sofisticados recursos e técnicas de construção. O arranjo circular geometricamente elegante, cercado por parques e jardins, é projetado para operar com o mínimo de gasto de energia enquanto obtém o mais alto padrão de vida possível.

A cidade usaria tecnologia totalmente limpa em harmonia com a ecologia local.

Governo

Em relação à necessidade de um governo, haverá apenas durante a transição de uma sociedade monetária para uma economia computadorizada baseada em recursos. (E depois? Quem será responsável por repartir o bolo e dividi-lo em pates iguais?)

 

Comunismo

O Projeto Vênus difere do comunismo, pois este não previu os métodos e vantagens de uma economia baseada em recursos. Pelo contrário, o comunismo usou dinheiro e trabalho, teve estratificação social e oficiais eleitos para manter as tradições comunistas.   O comunismo usa dinheiro, bancos, exércitos, polícia, prisões, personalidades carismáticas, estratificação social e é administrado por líderes designados.

O comunismo não tem nenhum plano ou metodologia para pôr em prática os seus ideais juntamente com o capitalismo, fascismo e socialismo e juntos irão, no final, ficar na história como experimentos sociais que fracassaram.

Uma das preocupações do comunismo é a condição de trabalho e a classe trabalhadora. As maiores preocupações do Projeto Venus são produzir bens usando mão-de-obra limitada e eventualmente eliminar o trabalho ao mesmo tempo em que concede às pessoas todas as amenidades de uma sociedade próspera e energética

Nota: Vários blogs que abordam o assunto 'governo mundial' propõem o seguinte: para que um novo modelo de governo mundial seja aceito, seria necessário que antes seja apresentado pelo menos dois outros, opostos entre si, que não dêem certo.  Seria o conceito de Tese, Antítese e Síntese, ou seja, Capitalismo, Comunismo e ?? (o novo governo a ser implantado, contrapondo aos dois outros que se mostraram ineficientes).

 

Jacque Fresco

O Projeto Venus foi iniciado em 1975 por Jacque Fresco e Roxanne Meadows em Venus, Florida. Seu centro de pesquisa é uma propriedade de 21 acre (85,000 m2) que contêm várias construções de seu design, onde eles trabalham em livros e filmes para demonstrar seus conceitos e idéias  Fresco e Roxanne imaginaram cidades circulares, edifícios geométricos nos oceanos, naves habitadas no espaço, arquiteturas visionárias e amigáveis ao meio- ambiente.

Fresco produziu um extenso número de modelos em pequena escala baseados em seus desenhos, bem como várias edificações construídas com base em seus conceitos de simplicidade, sustentabilidade e estética. Com edifícios em forma de domo (forma arquitetônica também chamada de cúpula) altamente resistentes e eficientes, separados por lagos, jardins e trilhas projetados de maneira  que de uma construção não seja possível ver a outra, dando a oportunidade à freqüentes visitantes de vislumbrar um pouco do mundo do amanhã de Fresco. O Projeto Venus foi incorporado em 1995.

Quando era criança, Jacque Fresco teve a visão de uma forma que desde então é a base das suas inúmeras maquetes de cidades, meios de transporte, meios de construção, veículos espaciais e, inclusive, modelos sociais. Essa forma é a engrenagem.

 

Documentário

O Projeto Vênus está, em parte, associado ao movimento Zeitgeist (“espírito do tempo”), cuja obra culminou na edição de dois filmes (Zeitgeist, O Filme e Zeitgeist Addendum), ambos refletindo a visão de Peter Joseph sobre o clima intelectual e cultural da nossa época.

O Projeto Vênus é apresentado no documentário Zeitgeist: Addendum. O filme foi premiado no 5º Festival Anual de filmes ativistas, em Los Angeles, California em 2 de Outubro de 2008, vencendo seu maior prêmio, e ele foi lançado online gratuitamente no Google Video em 4 de Outubro de 2008.

O filme aborda várias questões: o Sistema de Reserva Federal dos Estados Unidos (como emissor de moeda), a CIA (agência de inteligência a serviço do governo), as corporações (mundo empresarial), governos e outras instituições financeiras, e mesmo religiões, concluindo que todas (incluindo o Cristianismo) essas instituições são corruptas e nocivas para a humanidade porque a sociedade é baseada em uma economia de escassez com base no uso do dinheiro, que deve ser substituído eventualmente. No final, o filme propõe a utilização da tecnologia como solução e o modelo apresentado seria o Projeto Vênus.

Nota: Neste ano (2011) foi lançado o terceiro filme: Zeitgeist: Moving Forward.

'Zeitgeist, O Filme' afirma que Jesus é um plágio das religiões, leia aqui uma refutação ao documentário.  

 

O Movimento Zeitgeist

Trata-se de um movimento social de escala mundial, que busca conceitos para uma mudança social. O Movimento é o braço ativista do Projeto Vênus e conta com mais de 400 mil membros (dados de 2010).

O Movimento Zeitgeist declarou 15 de março como o Dia Zeitgeist. Neste dia eventos locais acontecem em todo o mundo para partilhar informação e aprender com todas as pessoas interessadas.

 

Curiosidades

São muitas as curiosidades envolvendo esse Projeto e não pude deixar de publicá-las:

1) A cidade de Venus, Flórida é uma comunidade sem personalidade jurídica, com um corpo de bombeiros voluntários e um acampamento para gays, um dos poucos do estado

2) Venus está localizada nas Coordenadas 27° – 81° (27,0669, -81,3569). Elevação de 108 pés. Localizado na Route 27. (Somando os dígitos de cada números em negrito, teremos quatro números nove)

3) O modelo da cidade idealizada por Jacque Fresco lembra muito a cidade do filme espírita brasileiro ‘Nosso Lar’:

Nosso Lar: Cidade circular, no centro o governo centralizado e casas ao redor. O governo é comandado por humanos e tem uma maquete cibernética da Terra no meio.

Projeto Vênus: Cidade circular, no centro o governo cibernético (Sem estratificação social ou líderes), e casas ao redor, além da parte da plantação de alimentos e produção de energia verde,. No centro de cada cidade, um governo cibernético informa previsão do tempo, fluxo de migração, controle da biodiversidade dentre outros dados necessários (simbolizado por uma Terra holográfica).

Jacque Fresco iniciou o Projeto Vênus em 1975 e o livro, que deu origem ao filme, foi escrito em 1944. Chico Xavier foi o escritor do livro "Nosso Lar" e, segundo ele, apenas psicografou, o real escritor é o espírito André Luiz (personagem principal do livro).  

Os desenhos minuciosos e detalhados do mapa da cidade "Nosso Lar" assim como a arquitetura das edificações, ministérios e casas, foram criados pela médium "Heigorina Cunha" através de suas observações realizadas durante suas saídas do corpo (o tal desdobramento) em março de 1979 (4 anos depois do início do Projeto Vênus), conduzidas e orientadas pelo espírito "Lucius".

Seus desenhos foram esclarecidos e confirmados por Chico Xavier de que se tratava realmente da cidade “Nosso Lar” e mais tarde serviram de inspiração para criar o visual arquitetônico da cidade que se vê no filme.

No título do Filme aparece uma estrela que pode muito bem ser o planeta Vênus que é conhecido por estrela d'alva ou estrela da manhã.

Aliás, lembram do versículo em Isaías?:   "Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações!" (Is 14:12)

 

4) O blog israelsousa achou outras coincidências interessantes. Ele percebeu que o filme ‘Contato’ mostra uma cidade do planeta Vênus, muito semelhante ao do Projeto Vênus.

 

5) Outra coincidência é a suposta cidade perdida de Atlântida que, segundo os que acreditam que ela existiu, também teria o mesmo formato da cidade do Projeto Vênus.

Atlântida

 

6) Os adeptos da ufologia propõem um símbolo que possibilitaria uma comunicação entre os UFOS do planeta Vênus e os habitantes da Terra. O símbolo de contato com os Venusianos consiste de um círculo perfeito, tendo 9 cruzes – ou 9 pessoas deitadas, de braços abertos – (olha o número nove aparecendo novamente) dentro dele, todas com a cabeça voltada para o centro desse círculo. (site gnosisonline)

 

7) Algumas imagens dos supostos 'Crop Circle' ou Círculos Ingleses também lembram a forma da cidade proposta pelo Projeto Vênus.

 

8) Uma última observação: a Praça São Pedro no Vaticano:

 

Conclusão

"Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova terra, em que habita a justiça" (2 Pe 3:13)

O problema deste Projeto é que o simples fato de disponibilizar mecanismos que venham diminuir ou erradicar a desigualdade e injustiça social, possibilitando que todos tenham o mesmo padrão de vida, pode sim diminuir crimes, corrupções, etc, mas nunca irá regenerar o homem, pois este já nasce com uma natureza pecaminosa, com tendência para o mal. 

Pensar que este paraíso com todas as propostas implantadas irá satisfazer o ser humano e fazê-lo ‘bonzinho’ é pura ilusão.

A terra só será habitada por pessoas com sua essência mudada, quando o Senhor, na manifestação da sua Vinda, transformar vivos e mortos, ou seja, os que têm seu nome escrito no Livro da Vida.

Inclusive a criação será mudada, ao ponto do lobo apascentar com o cordeiro e o leão comer palha com o boi.

Somente Deus tem o poder de recriar a terra e céu.

Temos a promessa de que o Senhor irá transformar e redimir toda a criação.

O que irá trazer a mudança radical será o relacionamento das pessoas com o Senhor, como está escrito:

“E irão muitos povos, e dirão: Vinde, subamos ao monte do SENHOR, à casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, e andemos nas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e de Jerusalém a palavra do SENHOR.” (Isa 2:3)

“E acontecerá que, todos os que restarem de todas as nações que vieram contra Jerusalém, subirão de ano em ano para adorar o Rei, o Senhor dos Exércitos, e para celebrarem a festa dos tabernáculos.” (Zac 14:16)

“Todos os limites da terra se lembrarão e se converterão ao Senhor, e diante dEle adorarão todas as famílias das nações. Porque o domínio é do Senhor, e Ele reina sobre as nações.” (Salmos 22:27 e 28)

Temos um vislumbre da nova Terra que o Senhor irá criar no capítulo 65 de Isaías:

21 E edificarão casas, e as habitarão; e plantarão vinhas, e comerão o seu fruto: As pessoas desfrutarão o fruto do seu trabalho;

22a Não edificarão para que outros habitem; não plantarão para que outros comam: construirão suas próprias moradas.

22b …porque os dias do meu povo serão como os dias da árvore, e os meus eleitos gozarão das obras das suas mãos: poderão ter uma vida excepcionalmente longa;

23 Não trabalharão debalde, nem terão filhos para a perturbação; porque são a posteridade bendita do SENHOR, e os seus descendentes estarão com eles: Os seres humanos serão férteis e terão descendentes para honra.

25 O lobo e o cordeiro se apascentarão juntos, e o leão comerá palha como o boi; e pó será a comida da serpente. Não farão mal nem dano algum em todo o meu santo monte, diz o SENHOR: A qualidade de vida, a intimidade entre Deus e os seres humanos será tal que transformará o eco-sistema invertendo a ordem natural de violência entre o lobo e o cordeiro, ou o leão e o boi, para dar lugar à paz.

Só o poder transformador de Deus pode fazer a diferença. Sem Deus não haverá mudança real, porque somente Ele é quem cria e recria e regenera o homem.

Eis o tabernáculo de Deus com os homens. Deus habitará com eles. Eles serão povos de Deus, e Deus mesmo estará com eles (Apo 21:3)

Maranata!

 

Leia também: Fundação Keshe: um convite à Paz Mundial

 

Para saber mais:

www.thevenusproject.com/pt_BR

www.movimentozeitgeist.com.br

www.thevenusprojectdesign.org

http://www.youtube.com/watch?v=lTYI3BlAx54

"O Projeto Venus" Versão Oficial – com música Hip Hop a partir do álbum "Zeitgeist: The Spirit Of The Age", baseado no Grupo Espiritual Hip Hop 'The Lost Children Of Babylon' (LCOB), Filadélfia – (nome do grupo traduzido: 'As crianças perdidas da Babilônia')

 

Fontes pesquisadas:

www.thevenusproject.com

www.movimentozeitgeist.com.br

www.pt.wikipedia.org

www.devanil.com/?p=8

www.israelsousa.mossol.com

 

O Sistema Único Mundial

Filed Under (Governo Mundial) by Geração Maranata on 17-04-2011

Tag: ,

por Jack Kelley (adaptado)

Apocalipse 17-18 mostra que há três componentes para o sistema mundial único dos Últimos Dias:

Há uma religião mundial

Um governo mundial e

Um sistema comercial mundial

Todos estão se desenvolvendo por mais tempo do que a maioria das pessoas suspeitam e estão chegando rapidamente ao seu cumprimento.

À medida em que isso acontece eles vão se tornando cada vez mais evidentes para o público.

Não é mais somente o reino dos fanáticos teóricos da conspiração, hoje apenas aqueles que se recusam a ver não sabem de sua existência.

Governo Mundial

Por muito tempo temos ouvido falar da vinda do Governo Mundial, mas recentemente isso se tornou muito mais do que apenas suposição. Existe um esforço óbvio em curso tanto para eliminar as fronteiras nacionais como para criar um sistema governamental mundial que tenha autoridade sobre todas as nações.

Como um simples exemplo, há pouco tempo a nossa família (do Jack) se inscreveu-se em algo chamado Programa do Viajante Confiável. Consiste em um cartão especial emitido para solicitantes qualificados do Canadá, EUA e México, que nos permite passar por qualquer um dos pontos de controle nas fronteiras entre os três países sem mostrar o passaporte ou passar pela alfândega. Com esse passe podemos cruzar do México, onde servimos como missionários, para os EUA em cerca de 10-15 minutos. Anteriormente, isso levava cerca de uma hora em dias normais e mais nos fins de semana e feriados. Passageiros das companhias aéreas do Canadá ou do México podem ir para quiosques especiais em aeroportos designados nos EUA e receber o mesmo serviço rápido. A Segurança Interna espera que cerca de 84 milhões de cidadãos mexicanos se inscrevam no programa.

Eu vejo isso como uma grande conveniência, já que entramos nos EUA uma vez por semana pela fronteira mais movimentada do mundo. Mas ao olhar para o meu passe outro dia, reparei na capa uma representação da América do Norte sem fronteiras nacionais e percebi que este é apenas um passo em direção à meta de fusão desses três países em uma União Norte Americana.

A UE já tem um tal programa permitindo aos residentes de qualquer país da UE atravessar para qualquer outro sem passaportes. Outros programas similares estão em andamento no sudeste da Ásia, África, América Latina e no Mediterrâneo. Na minha opinião, a Bíblia diz que um total de 10 dessas regiões multi-nacionais existirão um dia, e elas estarão envolvidas em muito mais do que turismo.

Além disso, há uma conversa sobre um governo mundial único, que irá exercer autoridade sobre essas 10 regiões, com uma única figura como sua cabeça, o Presidente do Mundo. Nessa mesma nota, aqui está uma citação interessante que li esta semana:

"Não existe hoje uma única figura política com o alcance global e a influência de Bill Clinton, ex-presidente dos EUA, transformado em humanitário e diplomata extraordinário. Ninguém mais na arena política de hoje tem a capacidade de atrair a atenção dos líderes mundiais e organizações em todos os lugares da forma como ele o faz" (Chris Matthews do documentário da MSNBC: "Presidente do Mundo – O Fenômeno Bill Clinton").

Eu não estou dizendo que Bill Clinton seja o anti-Cristo. Mas acho muito interessante que a nossa mídia nacional esteja falando abertamente sobre um presidente do mundo, e até mesmo sugerindo um candidato.

Muitos sentem que existe a necessidade de uma entidade com poder político que se sobreponha a interesses nacionais ou mesmo regionais. Há muita desigualdade muito no mundo, e os países ricos terão de ser forçados a ajudar os pobres.

Energia e alimentos são duas áreas críticas onde a oferta e a procura estão fora de equilíbrio. À medida que os vários produtores do Oriente Médio se tornam menos estáveis há uma preocupação crescente de que o fornecimento de petróleo seja menos confiável. Os preços na bomba estão aumentando novamente em um momento em que nenhuma economia do mundo pode pagar.

O mesmo acontece com os alimentos. Existe capacidade de produção suficiente para alimentar a todos, mas as políticas conflitantes das nações individuais impede que isso aconteça. Como resultado, os preços estão aumentando e as faltas estão se tornando evidentes. As nações mais pobres sofrem mais e já estão começando a se levantar em rebelião.

A menos que alguém force as nações ricas a ajudar, haverá um caos de proporções nunca vistas. O Imposto do Carbono por causa Aquecimento Global (também conhecido como Mudança Climática), Limite e Negociação (Cap and Trade) são nomes de programas de transferência de riqueza projetados para tirar dinheiro dos países ricos para ajudar os países pobres do mundo. Tudo o que falta é o poder para fazê-los valer. Um Governo Mundial teria esse poder.

Desde 2009, os especialistas da ONU têm pedido uma nova moeda (leia o post Uma nova Moeda Mundial), algo para estabilizar os mercados financeiros mundiais e tornar o comércio internacional mais fácil, mais seguro e mais inclusivo. Eles também dizem que uma organização deve ser criada para gerenciar as taxas de câmbio entre os países para reduzir a volatilidade do mercado provocada pela especulação financeira.

O mundo está muito preocupado com a versão atual da Destruição Mútua Assegurada que está sendo praticado pelos EUA e pela China. O resultado é que os chineses tem que continuar a emprestar o dinheiro dos EUA para que os americanos possam comprar as montanhas de mercadorias que os chineses têm de produzir para manter sua economia em crescimento. Como exemplo, 91% dos itens nas prateleiras do Walmart atualmente têm origem na China. Uma pequena frota dos maiores navios de cotaineres do mundo faz idas e voltas contínuas entre a China e os EUA para manter essas prateleiras cheias. Se qualquer dos países parar o que está fazendo, as economias de ambos os países implodirão.

Esse sistema mantém o dólar dos EUA artificialmente elevado e o Iene Chinês artificialmente baixo. Isso não pode sobreviver no longo prazo e todos sabem disso. Algo tem que ser feito para permitir a outros países um melhor acesso tanto ao lado da compra como da venda dessa equação. Muitas economias nacionais simplesmente não conseguem se recuperar da chamada Grande Recessão sem receber algum tipo de ajuda. Uma nova moeda que seja impenetrável tanto à especulação quanto aos interesses egoístas de cada nação está sendo vista como a melhor solução para o problema.

O que está por vir?

Deixadas aos seus próprios dispositivos, nações vão à guerra por tais coisas. A situação não está melhorando. O atual ciclo de inquietação social no Oriente Médio é apenas o começo. Podemos esperar que piore, não que melhore (Leia o post "Caos Financeiro e Guerra estão por vir").

Líderes ocidentais e os seus porta-vozes de mídia fariam você crer que essas são revoltas populares contra os líderes autocráticos e são motivadas pelo desejo de liberdades democráticas. Mas outros dizem que não é o caso. Olhe ao seu redor, eles dizem. Quando é que uma população islâmica jamais escolheu a democracia? O que está em questão aqui é a demanda pela segurança econômica básica, como um emprego que pague um salário justo e um abastecimento estável de alimentos que as pessoas possam comprar.

As pessoas sempre escolherão a repressão à anarquia. A história mostra que governos revolucionários sempre acabam sendo mais repressivos do que os que derrubaram. Eles chegaram ao poder com a promessa de satisfazer as necessidades básicas de seus súditos. Eles se mantém no poder através da supressão dos direitos individuais.

O Sistema Mundial imporá essas condições em escala mundial. Ele chegará ao poder prometendo a paz e a segurança em um momento de caos (Daniel 8:25). Ele ficará no poder suprimindo a liberdade. Ele não tolerará a liberdade religiosa. Não tolerará a democracia. Ele não tolerará uma economia de livre mercado. E por um tempo parecerá ter conseguido (Apocalipse 13:4).

Mas o homem na cabeça desse sistema mundial terá uma agenda própria, e é a de ser adorado como Deus (2 Ts. 2:4). Aquele que é Deus não aceitará isso e responderá de forma decisiva a esse desafio (Mt 24.15-21).

Antes disso, existem apenas alguns obstáculos no caminho desse sistema mundial. O primeiro é os Estados Unidos que, com todas as suas falhas, tem sido realmente a antítese do sistema mundo único mundial. Foi fundado sobre o princípio da liberdade religiosa, essa é a coisa mais próxima de uma democracia que o mundo já viu, e seu poder foi construído com uma economia de livre mercado. Ela tornou-se demasiado poderosa para ser derrotada, por isso teve de ser destruída por dentro. Por quase um século, os poderes por trás da cena têm trabalhado diligentemente para conseguir isso. Hoje eles estão tão próximos do sucesso que já não se preocupam em esconder.

O segundo obstáculo é a Igreja. Mas logo Deus estará enfastiado deste mundo e nos tirará do caminho do perigo, em preparação para o Seu julgamento (1 Ts. 1:10). Por um tempo parecerá ao mundo que a utopia desejada finalmente chegou, mas quando eles estiverem dizendo paz e segurança, a destruição virá sobre eles de repente, como as dores de parto em uma mulher grávida, e eles não vão escapar (1 Ts. 5:3).

O último obstáculo para o sistema único mundial será Israel, o povo de Deus de que estão tão desesperado por se livrarem. Tentando evitar o retorno do Senhor, destruindo Seu povo, o mundo se unirá em seu objetivo comum de varrer Israel do mapa (Zc 12:3).

Mas o Senhor nunca abandonou o Seu povo, permanecendo sempre próximo o suficiente para ouvir o seu clamor por ajuda (Oséias 5:15). Assim que eles pedirem Ele virá em seu socorro, destruindo o sistema único mundial e capturando os seus líderes (Ap 19:19-21). Ele voltará à Terra para estabelecer o reino que lhes prometeu, um reino que nunca será destruído ou entregue a outro (Daniel 2:44). Finalmente, o mundo terá paz (Isaías 9:7).

Você quase pode ouvir os passos do Messias.

Maranata!

Fontes pesquisadas:

www.olharprofetico.com.br

www.gracethrufaith.com (original)

 

Discurso do presidente do Irã na ONU – Nova Ordem Mundial Espiritual

Filed Under (Gogue e Magogue, Governo Mundial) by Geração Maranata on 30-09-2010

Tag: ,

por Geração Maranata

Com seu discurso na ONU, o Presidente do Irã anuncia a necessidade de uma Nova Ordem Espiritual e a chegada do Imã Mahdi (seu messias) e sugere que a religião Cristã, que surgiu com o advento do Jesus Cristo, que é anterior a Maomé (considerado pelos islâmicos um profeta maior), aguardem a manifestação do messias prometido.

O sexto presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, acredita que sua missão, como presidente, é facilitar o aparecimento do Imã Mahdi.

 

Ahmadinejad culpa EUA e Israel pelo 11/9

O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, atribuiu os atentados terroristas de 11 de setembro de 2001 a uma conspiração "orquestrada" pelos EUA e por Israel, em discurso oficial feito ontem, na sede das Nações Unidas, em Nova York. A afirmação fez com que diplomatas de vários países abandonassem o plenário.

De acordo com Ahmadinejad, logo depois dos ataques, "uma máquina de propaganda" foi implementada para que o Afeganistão e o Iraque fossem invadidos. Segundo o iraniano, "se 3 mil pessoas morreram no 11 de Setembro, e nós estamos tristes por isso, centenas de milhares foram mortos no Iraque e no Afeganistão".

A reação imediata veio do porta-voz da missão dos EUA na ONU, Mark Kornblau. "Em vez de representar as aspirações e a boa vontade dos iranianos, Ahmadinejad quis, mais uma vez, divulgar suas teorias vulgares de conspiração e seus comentários antissemitas, que são tão repugnantes e ilusórios quanto previsíveis."

Para os ataques, segundo o líder iraniano, há três explicações. A primeira teoria diz que um grupo terrorista conseguiu burlar a segurança e a inteligência americana – "esta é a visão dos governantes americanos", disse Ahmadinejad no plenário da Assembleia-Geral, enquanto centenas de pessoas protestavam do lado de fora.

A segunda versão foi um ataque direto aos EUA e Israel. "O governo americano orquestrou o atentado para reverter o declínio de sua economia e aumentar sua influência no Oriente Médio, além de salvar o regime sionista (termo usado por ele em referência a Israel)", disse, enquanto os diplomatas deixavam a sala. "A maior parte da população americana, políticos e outras nações concordam com esta visão", acrescentou.

A terceira hipótese de Ahmadinejad afirma que um grupo terrorista cometeu os ataques e o governo americano aproveitou-se da situação. Em seguida, o presidente do Irã defendeu uma investigação independente da ONU sobre o episódio e deu dicas de como combater o terrorismo.

Fonte: http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20100924/not_imp614555,0.php

 

Discurso de Ahmadinejad na ONU

tradução automática do Google, fontes:

http://www.salem-news.com/articles/september232009/iran_pres_un_9-23-09.php

http://news.bbc.co.uk/2/hi/middle_east/8010747.stm

http://www.worthynews.com/9464-full-text-of-president-ahmadinejads-speech-at-un

Sexta – feira, 24 de setembro de 2010

Sr. Presidente, Excelências, Minhas Senhoras e Meus Senhores,

Agradeço ao Deus Todo-Poderoso que me concedeu a oportunidade de comparecer perante esta assembléia mundial novamente. Gostaria de começar por homenagear aqueles que perderam suas vidas na enchente horrível no Paquistão e expressar a minha profunda simpatia para com as famílias que perderam seus entes queridos, bem como com o povo e o governo do Paquistão. Peço a todos para ajudar os seus concidadãos, homens e mulheres como um direito humano.

Permitam-me agradecer a Sua Excelência o Sr. Ali Abdussalam Treki, o presidente da sessão, o sexagésimo quarto da Assembléia Geral da ONU, para todos os seus esforços durante seu mandato. Eu também gostaria de felicitar o Sr. Joseph Deiss, o presidente da sessão sexagésimo quinto da Assembléia Geral da ONU e lhe desejamos todo o sucesso.

No ano passado, eu falei com você sobre algumas das esperanças e preocupações, incluindo as crises familiares, a segurança, a dignidade humana, a economia mundial, mudanças climáticas, bem como a aspiração de justiça e de paz duradoura.

Depois de cerca de cem anos de dominação, o sistema do capitalismo e da ordem mundial existente tem-se revelado incapaz de fornecer uma solução apropriada para os problemas das sociedades, assim chegando ao fim. Vou tentar analisar as duas principais causas deste fracasso e imagem algumas características da ordem ideal futuro.

A) as atitudes e crenças

Como você bem sabe, os divinos profetas tinham a missão de chamar a todos para o monoteísmo, amor e justiça e humanidade mostrar o caminho para a prosperidade. Eles convidam os homens para a contemplação e o conhecimento, a fim de apreciar melhor a verdade e evitar o ateísmo e do egoísmo. A própria natureza da mensagem de todos os profetas é uma e a mesma coisa. Cada mensageiro aprovou o mensageiro antes dele e deu boas notícias sobre o profeta de vir, e apresentou uma versão mais completa da religião, de acordo com a capacidade do homem na época. Isso continuou até o último mensageiro de Deus, que apresentou a perfeita e todas as religiões, inclusive.

Em oposição a isso, o egoísta e ganancioso levantou-se contra este convite claro, revoltando-se contra a mensagem.

Nimrod rebateu Hazrat Abraão, o faraó rebateu Hazrat Moisés e os gananciosos rebateram Hazrat Jesus Cristo e Hazrat Maomé (que a paz esteja com todos eles). Nos últimos séculos, a ética e os valores humanos têm sido rejeitadas como uma causa para o atraso. Eles foram até retratada como oposição a sabedoria e a ciência, devido à imposição anterior ao homem pelos proclamadores da religião na idade das trevas do Ocidente.

Desconexão do homem do céu

Homem com suas potencialidades para a compreensão dos segredos do universo, seu instinto para procurar a verdade, as suas aspirações de justiça e de perfeição, sua busca pela beleza e pureza, e sua capacidade para representar Deus na Terra foi reduzido a uma criatura limitada ao mundo materialista com a missão de maximizar os prazeres individualistas. O instinto humano, então, substituída a verdadeira natureza humana.

Os seres humanos e as nações foram consideradas rivais e a felicidade de um indivíduo ou uma nação foi definida em colisão com um, e eliminação ou supressão de outros. Cooperação construtiva evolutiva foi substituída por uma luta destrutiva para a sobrevivência.

O desejo de dominação do capital e substituiu o monoteísmo, que é a porta para o amor e a unidade.

Este conflito generalizado do egoísta com os valores divinos deu lugar a escravidão e o colonialismo. Uma grande parte do mundo ficou sob a dominação de alguns Estados ocidentais. Dezenas de milhões de pessoas foram levadas à escravidão e dezenas de milhões de famílias foram destruídas como resultado. Todos os recursos, os direitos e as culturas dos povos colonizados foram saqueados. As terras foram ocupadas e os povos indígenas foram humilhados e assassinados em massa.

No entanto, as nações se levantaram, o colonialismo foi alienado e a independência das nações foi reconhecida. Assim, a esperança para a prosperidade, respeito e segurança foi revivida entre as nações. No início do século passado conversações agradáveis sobre liberdade, direitos humanos e da democracia criou esperanças para curar as profundas feridas do passado. Hoje, porém, não só os sonhos não se realizam, mas as lembranças, mesmo que às vezes pior do que antes, ter sido agravada.

Como resultado das duas Guerras Mundiais, a ocupação da Palestina, Guerras da Coréia e do Vietnã, a guerra do Iraque contra o Irã, a ocupação do Afeganistão e do Iraque, assim como muitas guerras na África, centenas de milhões de pessoas foram mortas, feridas ou deslocadas.

O terrorismo, o narcotráfico, a pobreza e a desigualdade social aumentaram. Os governos ditatoriais e golpe de Estado na América Latina cometeram crimes sem precedentes com o apoio do Ocidente.

Em vez de desarmamento, a proliferação e o armazenamento de armas nucleares, biológicas e químicas expandido, coloca o mundo sob uma ameaça maior. Como resultado, as mesmas metas dos colonialistas e os senhores de escravos, desta vez, prosseguiram com uma nova fachada.

B) A administração da Global e Estruturas de Decisão

A Liga das Nações e, depois, as Nações Unidas foram criadas com a promessa de trazer a paz, a segurança e a realização dos direitos humanos, que de fato significou uma gestão global.

Pode-se analisar o atual governo do mundo através da análise de três eventos:

Primeiro, o evento do setembro de 2001, que afetou o mundo inteiro há quase uma década.

De repente, a notícia do ataque às torres gémeas foi transmitida usando filmagens numerosas do incidente.

Quase todos os governos e figuras conhecidas condenou firmemente este incidente.

Mas, então, uma máquina de propaganda entrou em pleno vigor, mas estava implícito que o mundo inteiro foi exposto a um enorme perigo, nomeadamente o terrorismo, e que a única maneira de salvar o mundo seria a de enviar forças para o Afeganistão.

Eventualmente, Afeganistão, Iraque e pouco depois foram ocupados.

Por favor, tome nota:

Dizia-se que cerca de três mil pessoas foram mortas no 11 de setembro para os quais estamos todos muito tristes. No entanto, até agora, no Afeganistão e no Iraque centenas de milhares de pessoas foram mortas, milhares deslocadas e feridas e o conflito ainda está em curso e em expansão.

Ao identificar os responsáveis pelo ataque, havia três pontos de vista.

1 – Que um grupo muito poderoso e complexo terrorista, capaz de atravessar com êxito todas as camadas da inteligência americana e de segurança, realizou o ataque. Este é o ponto principal defendido pelo estadista americano.

2 – Que alguns segmentos dentro do governo dos EUA orquestraram o ataque para reverter o declínio da economia americana e suas garras sobre o Oriente Médio, a fim também de salvar o regime sionista. A maioria do povo americano, assim como outras nações e políticos concordam com essa visão.

3 – Foi realizado por um grupo terrorista, mas o governo norte-americano apoiou e se aproveitou da situação. Aparentemente, esse ponto de vista tem menos defensores.

A prova principal que liga o incidente foram poucos passaportes encontrados no grande volume de destroços e um vídeo de uma pessoa cujo local de domicílio era desconhecido, mas foi anunciado que ele havia se envolvido em negócios de petróleo com alguns funcionários norte-americanos. Também foi encoberto e disse que, devido à explosão e incêndio sem vestígios dos atacantes suicidas foi encontrado.

Subsistem, no entanto, algumas perguntas que devem ser respondidas:

1 – Não teria sido sensato que uma investigação minuciosa primeiro deveria ter sido realizado por grupos independentes de forma conclusiva identificar os elementos envolvidos no ataque e, em seguida, traçar um plano racional para tomar medidas contra eles?

2 – Supondo que o ponto de vista do governo americano, é racional para lançar uma guerra clássica através da implantação generalizada das tropas que levou à morte de centenas de milhares de pessoas para combater um grupo terrorista?

3 – Não foi possível para agir da maneira que o Irã rebateu o grupo terrorista que matou e feriu 400 pessoas inocentes no Brasil. Na operação iraniano nenhuma pessoa inocente foi ferida.

Propõe-se que as Nações Unidas criaram um grupo de averiguação independente para o caso de 11 de Setembro de modo que, no futuro, expressar opiniões sobre o assunto não é proibido.

Gostaria de anunciar que no próximo ano, a República Islâmica do Irã vai sediar uma conferência para estudar o terrorismo e os meios para enfrentá-lo. Convido os funcionários, acadêmicos, pensadores, pesquisadores e institutos de investigação de todos os países para participar desta conferência.

Em segundo lugar, a ocupação dos territórios palestinos.

O povo oprimido da Palestina viveram sob o domínio de um regime de ocupação de 60 anos, foi privado de liberdade, a segurança e o direito à autodeterminação, enquanto os ocupantes estão reconhecidos como tal. Em uma base diária, as casas estão sendo destruídas por cima das cabeças das mulheres e crianças inocentes. As pessoas estão privadas de comida, água e remédios em sua própria pátria. Os sionistas impuseram cinco guerras total contra os países vizinhos e sobre o povo palestino.

Os sionistas cometeram os crimes mais horríveis contra o povo indefeso nas guerras contra o Líbano e Gaza.

O regime sionista atacaram uma esquadra humanitária em um claro desafio a todas as normas internacionais e mata os civis.

Este regime, que conta com o apoio absoluto de alguns países ocidentais regularmente ameaça os países da região e continua anunciado publicamente o assassinato de figuras palestinas e outros, enquanto os defensores palestinos e aqueles que são contra este regime são pressionados, rotuladas como terroristas e anti-semitas. Todos os valores, até mesmo a liberdade de expressão, na Europa e nos Estados Unidos estão sendo sacrificados no altar do sionismo.

Soluções estão fadadas ao fracasso porque o direito do povo palestino não é levado em conta.

Será que temos assistido como crimes hediondos, se em vez de reconhecer a ocupação, o direito soberano do povo palestino tinha sido reconhecido?

Nossa proposta é inequívoca o retorno dos refugiados palestinos à sua terra de origem e a referência ao voto do povo da Palestina, para exercer a sua soberania e decidir sobre o tipo de governo.

Em terceiro lugar, a energia nuclear.

A energia nuclear é limpa e barata é um dom celeste que está entre as alternativas mais adequadas para reduzir as contaminações provenientes de combustíveis fósseis.

O Tratado de Não-Proliferação Nuclear (TNP) permite que todos os Estados-Membros a utilizar a energia nuclear sem limites e da International Atomic Energy Agency está mandatado para proporcionar aos Estados-Membros, com apoio técnico e jurídico.

A bomba nuclear é a pior arma desumana e que deve ser totalmente eliminada. O NPT proíbe o seu desenvolvimento e armazenamento e apela para o desarmamento nuclear.

No entanto, note que alguns dos membros permanentes do Conselho de Segurança e detentores de armas nucleares têm feito:

Eles têm equiparado a energia nuclear com a bomba nuclear, e distanciaram dessa energia a partir do alcance da maioria das nações através da criação de monopólios e pressionar a AIEA. Enquanto, ao mesmo tempo, eles continuaram a manter, ampliar e atualizar seus próprios arsenais nucleares.

Isso acarretou a seguinte redação:

Não só o desarmamento nuclear ainda não foi realizada, mas também bombas nucleares têm se proliferado em algumas regiões, nomeadamente através do regime de ocupação sionista e intimidante.

Gostaria aqui de propor que o ano de 2011 seja proclamado o ano de desarmamento nuclear e "Energia Nuclear para todos, armas nucleares para Nenhum”.

Em todos estes casos, a Organização das Nações Unidas tem sido incapaz de tomar qualquer curso de ação eficaz. Infelizmente, na década proclamada como a "Década Internacional para uma Cultura de Paz" centenas de milhares foram mortos e feridos como resultado da guerra de agressão e ocupação e as hostilidades e antagonismo maior.

Senhoras e senhores,

Muito recentemente, o mundo testemunhou o ato feio e desumano de queimar o Alcorão Sagrado.

O Alcorão Sagrado é Livro Divino e o eterno milagre do Profeta do lslã. Ele chama para adorar o Único, a justiça de Deus, a compaixão para com as pessoas, desenvolvimento e progresso, reflexão e pensamento, defendendo os oprimidos e resistir contra os opressores; e nomes em relação ao anterior Mensageiros de Deus, como Noé, Abraão, Isaque, José, Moisés e Jesus Cristo (Que a paz esteja com todos eles) e apoia-los. Eles queimaram Alcorão para queimar todas essas verdades e bons julgamentos. No entanto, a verdade não pode ser queimada. Alcorão é eterno, porque Deus e a verdade são eternos. Este ato e qualquer outro ato que alarga o fosso e as distâncias entre as nações é o mal. Devemos sabiamente evitar jogar nas mãos de Satanás. Em nome da nação iraniana meus respeitos a todos os livros Divinos e seus seguidores. Este é o Alcorão e esta é a Bíblia. Eu pago o respeito a ambos.

Estimados amigos,

Durante anos, a ineficiência do capitalismo e da gestão e das estruturas existentes no mundo tem sido exposto e que a maioria dos Estados e nações que têm vindo em busca de mudanças fundamentais e para a prevalência da justiça nas relações globais.

A causa da inépcia das Nações Unidas está em sua estrutura injusta.

Maior poder é monopolizado no Conselho de Segurança devido ao privilégio do veto, bem como o pilar principal da Organização, a saber, da Assembléia Geral, é marginalizado.

Nas últimas décadas, pelo menos um dos membros permanentes do Conselho de Segurança sempre foi uma festa para as disputas.

O veto vantagem impunidade concede à agressão e ocupação; Como poderia, portanto, esperar uma competência, enquanto tanto o juiz e o promotor são uma das partes no conflito?

O Irã tinha desfrutado o privilégio do veto, que o Conselho de Segurança e o diretor-geral da AIEA ter tomado a mesma posição na questão nuclear?

Caros amigos,

As Nações Unidas é o principal centro para coordenar a gestão global comum. Sua estrutura deve ser reformada de maneira que todos os Estados independentes e países possam participar na governança global ativa e construtiva.

O privilégio de veto deve ser revogado, a Assembléia Geral deve ser o órgão máximo, o Secretário-Geral deve ser o funcionário mais independente e todas as suas posições e atividades devem ser tomadas com a aprovação da Assembléia Geral e devem ser direcionadas para a promoção da justiça e eliminar a discriminação.

O secretário-geral não deve vir sob a pressão de poderes e / ou do país anfitrião da Organização para a indicação da verdade e da administração da justiça.

Sugere-se que a Assembléia Geral deverá, no prazo de um ano e no âmbito de uma sessão extraordinária, concluir a reforma da estrutura da Organização.

A República Islâmica do Irã tem sugestões claras a este respeito e está pronta a participar ativa e construtivamente no processo.

Senhoras e senhores, eu declaro claramente que a ocupação de outros países sob o pretexto da liberdade e da democracia é um crime imperdoável.

O mundo precisa da lógica de compaixão e de justiça e participação, inclusive, em vez de lógica da força, da dominação, o unilateralismo de guerra, e de intimidação.

O mundo precisa ser governado por pessoas virtuosas, como os profetas divinos. (Uma Nova Ordem Espiritual, governado por quem?)

As duas grandes esferas geográficas, nomeadamente, África e América Latina, passaram por evolução histórica, durante as últimas décadas. As novas abordagens nestes dois continentes, que são baseados em crescente nível de integração e unidade, bem como em localizar os modelos de crescimento e desenvolvimento, ter nascido em frutos consideráveis para os "povos dessas regiões”.

A consciência e a sabedoria dos líderes dos dois continentes, foi superar os problemas e as crises regionais, sem a interferência dominadora dos poderes extra-regionais.

A República Islâmica do Irã ampliou suas relações com a América Latina e África em todos os aspectos nos últimos anos.

E sobre o Irã glorioso

A Declaração de Teerã foi um passo extremamente construtivo nos esforços de criação de confiança que foi tornado possível pela vontade admirável boa pelos governos de Brasil e Turquia, juntamente com a cooperação leal do governo iraniano. Embora a Declaração recebesse uma reação inadequada por uns e foi seguido por uma resolução ilegal, ainda é válida.

Temos observado as normas da AIEA, mais de nossos compromissos, mas, nós nunca submetidos a pressões impostas ilegalmente nem nunca vamos fazer isso.

Foi dito que eles querem pressionar o Irã para um diálogo. Bem, em primeiro lugar, o Irã tem sido sempre pronto para um diálogo baseado no respeito e justiça. Em segundo lugar, os métodos baseados em desrespeitar as nações têm muito que se tornou ineficaz. Aqueles que têm utilizado a intimidação e as sanções em resposta à lógica clara da nação iraniana estão em termos reais, destruindo a credibilidade restante do Conselho de Segurança e da confiança dos países para este órgão, comprovando uma e outra vez como injusta é a função do Conselho.

Quando eles ameaçam uma grande nação como o Irã, que é conhecido em toda a história de seus cientistas, poetas, artistas, filósofos e cuja cultura e da civilização é sinônimo de pureza, submissão a Deus e buscando a justiça, como eles podem sempre esperar que outros países crescem a confiança sobre eles?

Escusado será dizer que os métodos dominadores na gestão do mundo falhou. Não só tem a época da escravidão e colonialismo, e passou a dominar o mundo, o caminho para a Empires reviver velhos são bloqueados também.

Anunciamos que estamos prontos para um debate sério e livre com os estadistas americanos para expressar nossas opiniões transparente sobre as questões de importância para o mundo neste local muito.

Propõe-se aqui que, para ter um diálogo construtivo, de um debate anual livre ser organizada no âmbito da Assembleia Geral.

Em conclusão,

Amigos e colegas,

A nação iraniana e a maioria das nações do mundo e os governos são contra a atual gestão discriminatória do mundo.

A natureza desumana desta gestão colocou em um beco sem saída e exige uma reformulação profunda.

Reformar os assuntos do mundo e trazendo tranqüilidade e prosperidade exige a participação de todos, pensamentos puros e do divino e de gestão humana.

Estamos todos a idéia de que:

Justiça é o elemento básico para a paz, a segurança durável e a propagação do amor entre os povos e nações. É a justiça que a humanidade pede a realização de suas aspirações, direitos e dignidade, já que ele está desconfiado de opressão, humilhação e maus-tratos.

A verdadeira natureza da humanidade se manifesta no amor para os outros seres humanos e amor por tudo de bom no mundo. O amor é a melhor base para o estabelecimento de relação entre pessoas e entre as nações.

Como Vahshi Bafqi, o grande poeta iraniano, diz: “A partir da fonte da juventude, beber mil goles Você ainda vai morrer se você não tem aderência do amor".

Ao fazer um mundo cheio de gente de segurança, pureza e prosperidade não são rivais, mas companheiros.

Aqueles que vêem a sua felicidade, mas no sofrimento dos outros e seu bem-estar e a segurança, mas na insegurança dos outros, aqueles que vêem-se superiores aos outros, estão fora do caminho da humanidade e estão em curso mal.

Economia e meio materialista são apenas algumas ferramentas para servir os outros, para criar amizade e fortalecer as conexões humanas para a perfeição espiritual. Eles não são ferramentas para show-off ou meios de dominar os outros.

Homens e mulheres complementam cada unidade e outras da família com relação pura, amorosa e duradoura do casal em seu centro é a garantia para a continuidade das gerações e trazendo, para os verdadeiros prazeres, para espalhar amor e para a reforma das sociedades.

A mulher é um reflexo da beleza de Deus e é a fonte de amor e carinho. Ela é a guardiã da pureza e do requinte da sociedade.

A tendência para endurecer as almas e os comportamentos das mulheres priva de seu direito básico de ser uma mãe amorosa e uma mulher cuidar. Isso resultaria em uma sociedade mais violenta com defeitos irreversíveis.

A liberdade é um direito divino, que deve servir a paz e a perfeição humana.

Pensamentos puros e da vontade dos justos são as chaves para as portas de uma vida pura, cheia de vitalidade, esperança e beleza.

Esta é a promessa de Deus que a terra será herdada pelos puros e justos. E os livres do egoísmo levará até a gestão do mundo. Então, não haverá nenhum traço de tristeza, a discriminação, a pobreza, a insegurança e a agressividade.

O tempo para a verdadeira felicidade e para o florescimento da verdadeira natureza da humanidade, a maneira como Deus planejou, vai chegar. (a chegada do Messias deles, Imã Mahdi)

Todos aqueles que buscam por justiça e todos os espíritos livres têm sido esperando por esse momento e prometeram época gloriosa tal.

O ser humano completo, o verdadeiro servo de Deus e o verdadeiro amigo do homem, cujo pai era da geração do amado Profeta do Islã (Maomé), e cuja mãe era de verdadeiros crentes de Cristo Jesus, deverá aguardar, juntamente com Jesus, o filho de Maria e os outros justos a aparecer na época brilhante e ajudar a humanidade. (Ou seja, Jesus também está aguardando a chegada de Imã Mahdi).

Ao recebê-los, devemos unir forças e buscar justiça.

Elogio ao amor e adoração, louvor a justiça e a liberdade, louvor a verdadeira humanidade, o ser humano completo, o verdadeiro companheiro da humanidade e a paz esteja com você e todos os justos e os puros.

Obrigado.

 

Leia também:

http://www.ynetnews.com/articles/0,7340,L-3346589,00.html

http://www.espada.eti.br/n2177.asp

 

Uma nova moeda mundial

Filed Under (Governo Mundial) by Geração Maranata on 02-08-2010

Tag: ,

Atualizado em 18-11-2011

por Geração Maranata

Nova Moeda Mundial

Imagem retirada do link: http://www.futureworldcurrency.com/ (uma das faces da moeda lembra um símbolo muito conhecido!)

Notícias relacionadas:

 

18 de novembrode 2011

ONU propõe nova moeda global para substituir o dólar

Um número de países, incluindo China e Rússia, têm sugerido substituir o dólar como moeda de reserva mundial 

O dólar deve ser substituído por uma nova moeda global, diz a ONU, a Organização das Nações Unidas, propondo uma das maiores mudanças econômicas internacionais da História desde a Segunda Guerra Mundial.

Em afirmações radicais, na Conferência sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD), a Organização das Nações Unidas afirma que o atual sistema de moedas-correntes e as regras sobre o mercado de capitais internacional, o qual entrelaça a economia mundial, não estaria funcionando devidamente e seria o responsável pela atual crise financeira global. A ONU acrescentou ainda que o sistema atual, em que o dólar atua como moeda de reserva mundial, deve ser sujeito a uma reconsideração geral.

Apesar de países como a China e a Rússia, os quais vêm propondo ativamente substituir o dólar como moeda de reserva internacional, o relatório da UNCTAD é o primeiro a ser amplamente divulgado tendo a ONU como proponente de uma mudança econômica internacional de tamanhas e imprevisíveis proporções.

“Substituir o dólar por uma nova moeda internacional resolveria alguns dos problemas relacionados com o potencial de países com grandes déficits e ajudaria a estabilidade”, afirmou Detlef Kotte, um dos autores do relatório.

O relatório vem escrito em um tom impositivo, onde é dito que os Bancos Centrais teriam que intervir no sentido da instituição desta nova moeda global, caso contrário “terão que ser compelidos a agir dessa forma” por uma instituição internacional multilateral, como o Fundo Monetário Internacional (FMI)”.

O dólar é apenas a “bola da vez” e tem realce devido ao fato de ser moeda referencial de valor há décadas. Todavia, todas as moedas correntes ocidentais e orientais estão debaixo de ameaça, pois a trama internacional trará à tona um novo meio de negociação, uma nova moeda internacional. Já se vê esse fato sendo mencionado com uma frequência cada vez maior. E uma das forças de destruição das moedas correntes atuais é a dívida das nações.

Fontes: 

http://www.telegraph.co.uk/finance/currency/6152204/UN-wants-new-global-currency-to-replace-dollar.html

http://criseinternacional.com/mundo/organizacao-das-nacoes-unidas-quer-nova-moeda-global.html
 

 

06 de agosto de 2011

Maior credor dos EUA, China pede nova moeda de reserva mundial

Agência de notícias oficial chinesa diz que nova divisa, estável e segura, pode ser opção para evitar catástrofe causada por um único país

XANGAI – A China condenou neste sábado, 6, as "míopes" disputas políticas nos Estados unidos quanto aos problemas de dívida norte-americana e afirmou que o mundo precisa de uma nova moeda de reserva mundial estável. "China, o maior credor da única superpotência do mundo, tem todo direito de exigir agora que os EUA discutam seus problemas de dívida e garantam a segurança dos ativos chineses em dólares", informou a agência de notícias oficial da China.

"Supervisão internacional quanto à questão de dólares dos EUA deve ser introduzida e uma nova moeda de reserva mundial, estável e segura, pode também ser uma opção para evitar uma catástrofe causada por um único país", acrescentou.

Os Estados Unidos perderam na sexta-feira sua nota máxima de crédito "AAA" concedida pela agência de classificação de risco Standard & Poor's, em um dramático revés sem precedentes para a maior economia do mundo. A avaliação havia sido mantida nos últimos 70 anos e é a mais elevada do ranking. Agora, a avaliação de risco do crédito norte-americano de longo prazo passou para AA+.

A medida foi tomada três dias depois da sanção da lei que evitou a suspensão de pagamentos pelo governo americano que esboçou o plano de ajuste de US$ 2,1 trilhões nas contas públicas federais nos próximos dez anos.

Tesouro aponta erro de US$ 2 trilhões

A S&P havia notificado a Casa Branca sobre a decisão antes de anunciá-la, como sempre, de surpresa e após o fechamento dos pregões das bolsas americanas. O Tesouro americano argumentou à agência ter havido falha de US$ 2 trilhões nos cálculos sobre as projeções das contas públicas do país. Porém, nem o Tesouro nem a S&P se manifestaram publicamente sobre o possível erro de cálculo.

Por meio de um comunicado emitido na noite de ontem, a S&P advertiu sobre a possibilidade de novo rebaixamento, para AA, nos próximos dois anos, "se virmos que o corte menor das despesas em relação ao acertado, o aumento nas taxas de juros ou novas pressões fiscais durante o período resultam em uma trajetória mais elevada da dívida governamental do que a atualmente sugerida pela nossa base de dados". "O panorama sobre a avaliação de longo prazo é negativo", acentuou.

A agência atribuiu sua decisão às medidas fiscais acordadas entre o Congresso e a Casa Branca para garantir a estabilização da dívida em médio prazo. Para a S&P, elas são insuficientes para garantir a estabilidade fiscal do país e sua capacidade de pagar as dívidas. O governo dos EUA acumula US$ 14,3 trilhões em dívidas, o equivalente a mais de 90% do Produto Interno Bruto (PIB).

Até o momento, a agência de avaliação de risco Moody"s havia se manifestado com o possível rebaixamento da nota dos EUA, mantida em AAA desde 1917, em médio prazo. Mas se esquivara de tomar a iniciativa por enquanto, assim como a Fitch. Apenas a agência chinesa Dagong Global havia tomado a iniciativa nesta semana, ao reduzir a nota de risco dos EUA de A+ para A.

As agências de classificação de risco avaliam a capacidade de um emissor de dívida honrar o pagamento do papel que emite. Pode ser uma empresa, um governo ou um fundo de crédito, entre outras instituições. As agências são contratadas pelos próprios emissores da dívida para atribuir um rating (nota) aos títulos. Os emissores têm interesse em mostrar aos investidores a visão das agências sobre seus títulos. Com isso, aumenta a demanda pelos papéis. As três principais agências do mundo, pela ordem, são: Standard & Poor’s, Moody’s e Fitch.

Fonte: http://economia.estadao.com.br/noticias/economia,maior-credor-dos-eua-china-pede-nova-moeda-de-reserva-mundial,79087,0.htm

 

12/07/2010

Moeda do Futuro Apresentado aos líderes do G8 – (traduzido pelo google translate)

A amostra do teste de "primeira" moeda do projeto internacional para uma nova moeda global virtual, dado o nome de projecto, "Future World Currency – eurodólar Unidos", foi apresentado como exclusividade aos Chefes de Estado e de Governo do G8 : Barack H. Obama, Medvedev Anatolyevich Dmitij, Gordon Brown, Nicolas Sarkozy, Angela Merkel, Silvio Berlusconi, Taro Aso, Stephen Harper, José Mauel Durão Barroso, Fredrik Reinfeldt.

O nome final e símbolo da nova moeda será decidida em uma competição para crianças em 1000 escolas de todo o mundo, organizado pelo Museo del Tempo.

A iniciativa começou em Itália e conta com o patrocínio do Gabinete do primeiro-ministro italiano e do Tesouro italiano. Embora o objetivo inicial é a de unir os Estados Unidos da América com os Estados Unidos da Europa, será também aberto a outros países.

O exemplo do Euro, que uniu países com histórias e culturas diferentes em uma mesma moeda, é um precedente concreto que demonstra como esse projeto pode de fato vir à vida e reunir as nações de vários continentes diferentes.

Ao enviar seus melhores desejos para o projeto de seu coordenador, Sandro Sassoli, o primeiro-ministro Silvio Berlusconi ressaltou que, "É interessante que os jovens estudantes de diferentes países podem se envolver em um projeto internacional que ajuda a compreender certos aspectos da política econômica internacional, permitindo-lhes para se prepararem para a futura união monetária que esperamos. "

Em 1996, Sandro Sassoli concebeu a idéia do UFWC projeto, tendo tomado conselho de Arthur Schlessinger Júnior, ex-conselheiro do presidente John F. Kennedy.

Um júri internacional, composto por líderes mundiais, economistas, vencedores do prêmio Nobel e figuras do mundo da cultura e do jornalismo, terão a tarefa de selecionar e premiar os melhores trabalhos das crianças sobre a nova moeda.

A Casa da Moeda Real da Bélgica, uma das mais prestigiadas do mundo, foi a primeira a emitir um teste para a nova moeda, uma edição especial de ouro que foi apresentado ao G8.

A moeda foi desenhada por Luc Luycx, autor das faces das moedas de euro.

O projeto vai estudar segurança e medidas anti-falsificação, entretanto, a busca por soluções inovadoras para um "dinheiro" inteligente também está em andamento.

A moeda também será submetida a um teste importante: será exibida ao público em 2015 no Milan Expo Universal.

www.futureworldcurrency.

 

ONU defende criação de uma nova moeda mundial

07/09/09

A ideia não é nova e hoje ganhou um apoio de peso. A Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD) defende a criação de uma nova divisa que diminua o peso do dólar no comércio internacional.

Num relatório hoje conhecido, este órgão da ONU defende ser necessária a criação de uma nova moeda internacional que proteja as economias emergentes da especulação financeira. O organismo também propõe a criação de um banco global que fique responsável pela gestão desta moeda, nomeadamente das taxas de câmbio.

Nesse documento, a UNCTAD diz mesmo "ser necessária uma intervenção equivalente à de Bretton Woods ou ao sistema monetário europeu" na seqüência da atual crise mundial, a mais profunda desde a Segunda Guerra Mundial.

A sugestão de criação de uma nova moeda mundial partiu da China, Índia, Brasil e Rússia, países que viviam em 'boom' econômico e sentiram de perto a crise financeira no mercado imobiliário norte-americano

***

MOEDA MUNDIAL – China, Rússia e Brasil querem usar G8 para debater nova moeda mundial

Para países desenvolvidos, fórum não é adequado para discutir câmbio. Índia também está aberta à discussão sobre substituição do dólar.

08/07/2009

China, Rússia e Brasil vão usar a cúpula do G8 desta semana na Itália para defender a visão de que o mundo precisa procurar uma nova moeda de reserva global como alternativa ao dólar, disseram autoridades nesta terça-feira (7).

Entretanto, enquanto líderes do grupo dos oito países mais ricos e as maiores potências em desenvolvimento viajam para a Itália para o encontro de três dias que tem início na quarta-feira (8), parece improvável que o debate sobre a moeda tenha alguma menção específica nos documentos da cúpula.

Mas tanto a Rússia quanto o Brasil repetiram os pedidos da China para que um debate sobre a moeda global seja abraçado por líderes mundiais.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que está bastante interessado em explorar "a possibilidade de novas relações comerciais não dependentes do dólar" e a Índia também se colocou aberta à discussão.

Debate sobre câmbio

Alemanha, França e Canadá, no entanto, descartaram um debate detalhado sobre moeda global na cúpula. Uma fonte do gabinete do presidente da França, Nicolas Sarkozy, disse que o G8 "não é de maneira geral o fórum (…) para discussão das taxas de câmbio".

O ministro de Finanças da Alemanha, Peer Steinbrueck, afirmou na segunda-feira (6) que o dólar tende a continuar como moeda de reserva global, mas que o iuan e o euro devem ganhar importância aos poucos.

O debate é bastante delicado nos mercados financeiros, que se preocupam com os valores de ativos norte-americanos. China e outros países, apesar de insistirem na discussão, agem com cautela para não derrubar o dólar e Lula disse que a moeda será vital "por décadas".

A China, que detém até 70% de suas reservas de US$ 1,95 trilhão em moeda norte-americana, ressalta que o dólar ainda é a mais importante moeda de reserva.

Mas o país acredita que uma confiança exagerada no dólar potencializou a crise financeira e vê o Direito Especial de Saque (SDR, na sigla em inglês) do Fundo Monetário Internacional (FMI), baseado em uma cesta de moedas, como alternativa viável para o futuro.

Fonte: Reuters

 

Medvedev apresenta amostra de nova moeda mundial

12/07/2009

“Este é o símbolo da nossa unidade e do nosso desejo de resolver os problemas em conjunto. (…) Aqui está ela. Podem vê-la e tocá-la”, disse o presidente da Rússia Dmitri Medvedev ao apresentar aos jornalistas a amostra da nova moeda global, durante uma conferência de imprensa em L’Aquila (Itália), após a cimeira das nações que integram o Grupo dos Oito (G8).

A agência russa RIA Novosti apresentou-a como o “exemplo” de “uma possível moeda global”. Por seu turno, a agência financeira norte-americana Bloomberg, referiu que a amostra ostenta a frase “unidade na diversidade”, foi cunhada na Bélgica e apresentada aos líderes do G8 pelo presidente russo durante a cimeira.

Medvedev esclareceu que a nova moeda será usada como meio de pagamento pelos cidadãos de todos os países do mundo e descreveu-a como a “futura moeda única mundial”. “Penso que é um bom sinal de que percebemos a nossa interdependência”, precisou.

As principais economias emergentes do mundo, sob a liderança da China e da Rússia, têm apelado repetidamente nos últimos meses para a necessidade de ser criada uma nova reserva monetária mundial que substitua o dólar e ponha fim à dominância financeira mundial dos Estados Unidos, desde 1944, data da assinatura do acordo de Bretton Woods.

A iniciativa de Medvedev pode ser entendida como um inteligente golpe de relações públicas destinado a dizer às principais potências mundiais que, apesar da sua resistência e cepticismo, os países emergentes, produtores de quase metade do PIB mundial, estão decididos a impor aos países ricos novas regras de governança das finanças globais.

http://www.lawrei.eu/MRA_Alliance/?p=4246

 

G8: Medvedev apresentou amostra da “moeda única mundial”

10/07/ 2009

“Este é o símbolo da nossa unidade e do nosso desejo de resolver os problemas em conjunto. (…) Aqui está ela. Podem vê-la e tocá-la”, disse o presidente da Rússia Dmitri Medvedev ao apresentar aos jornalistas a amostra da nova moeda global, durante uma conferência de imprensa em L’Aquila (Itália), após a cimeira das nações que integram o Grupo dos Oito (G8).

A agência russa RIA Novosti apresentou-a como o “exemplo” de “uma possível moeda global”. Por seu turno, a agência financeira norte-americana Bloomberg, referiu que a amostra ostenta a frase “unidade na diversidade”, foi cunhada na Bélgica e apresentada aos líderes do G8 pelo presidente russo durante a cimeira.

Medvedev esclareceu que a nova moeda será usada como meio de pagamento pelos cidadãos de todos os países do mundo e descreveu-a como a “futura moeda única mundial”. “Penso que é um bom sinal de que percebemos a nossa interdependência”, precisou.

As principais economias emergentes do mundo, sob a liderança da China e da Rússia, têm apelado repetidamente nos últimos meses para a necessidade de ser criada uma nova reserva monetária mundial que substitua o dólar e ponha fim à dominância financeira mundial dos Estados Unidos, desde 1944, data da assinatura do acordo de Bretton Woods.

A iniciativa de Medvedev pode ser entendida como um inteligente golpe de relações públicas destinado a dizer às principais potências mundiais que, apesar da sua resistência e cepticismo, os países emergentes, produtores de quase metade do PIB mundial, estão decididos a impor aos países ricos novas regras de governança das finanças globais.

MRA Alliance/Agências

 

Troca do dólar por nova moeda mundial é 'tendência', avaliam analistas

Nova divisa para as reservas internacionais foi proposta pela China.

Lula apoiou a ideia e disse que o Brasil não pode depender só do dólar.

A proposta feita pela China na semana passada de trocar o dólar por uma nova moeda como principal componente das reservas mundiais – dinheiro usado por cada país para fazer comércio com as demais nações e estabilizar sua economia – é possível e deverá ser uma tendência na economia mundial, na opinião de economistas ouvidos pelo G1.

“A troca é altamente viável porque minimiza o risco cambial entre os países. Com essa moeda, a chance de crises como a da Rússia ou dos “Tigres” asiáticos, no final dos anos 1990, seria muito menor”, afirma Otto Nogami, economista da escola de negócios Ibmec São Paulo.

“A tendência é que essa substituição aconteça porque há uma crescente preocupação com a desvalorização do dólar, conforme caminha a perda de hegemonia americana. O medo é que o governo americano desvalorize demais”, concorda Alcides Leite, professor de mercado financeiro da Trevisan Escola de Negócios.

Segundo ele, “essa crise está reforçando o fim da hegemonia total os EUA, e estamos caminhando cada vez mais para um mundo multilateral". "A moeda mais utilizada como moeda de troca global tende a seguir esse movimento de abertura. Talvez essa proposta já possa ser colocada em prática nos próximos anos."

A substituição do dólar por uma nova moeda que seria emitida pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) foi proposta na semana passada pelo presidente do Banco Central chinês, Zhu Xiaochuan, em texto publicado no site da instituição. "A crise econômica que abalou o mundo evidencia as vulnerabilidades inerentes e os riscos sistêmicos no sistema monetário internacional", declarou.

Segundo Otto Nogami, a proposta da China surgiu a partir do perigo de desvalorização do dólar – moeda que constitui a maior parte das reservas do país, de quase US$ 2 trilhões.

“A partir do momento em que você está atrelado em grande parte a uma única moeda, está sempre sujeito ao perigo de uma desvalorização. Se os EUA quebrarem, como fica a China? Totalmente vendida”, questiona.

Sem coincidência

Kenneth Rogoff, ex-economista chefe do FMI, já declarou que não é coincidência que a China e outros países estejam ficando nervosos com a atual crise. “Eles estão percebendo que as reservas em dólar que possuem podem não valer tanto em 5 ou 10 anos”, afirma.

No entanto, ele diz que a adoção de uma nova medida seria gradual. “De modo algum ela suplantaria o dólar da noite para o dia”, analisa. Esse mecanismo também coloca o Brasil em perigo, uma vez que, a exemplo da China, as reservas são formadas principalmente em dólar por aqui.

A ideia do projeto chinês é que a nova moeda, ao não ser atrelada a um país específico, e sim composta de uma cesta com as maiores moedas do mundo, diminuiria o risco da turbulência. No entanto, a adoção da divisa dependeria da reformulação de alguns órgãos internacionais.

“O Banco de Compensações Internacionais (BIS) precisaria ser tranformado num verdadeiro Banco Central mundial”, diz Nogami. “Além disso, seria preciso aumentar a cesta que compõe o SDR (a moeda proposta pela China, atualmente formada por quatro divisas).Ela precisaria incluir a própria moeda da China, por exemplo”, completa.

Dependência

A adoção de uma nova divisa também já foi defendida por alguns pesos-pesados como o ganhador do Prêmio Nobel de economia, Joseph Stiglitz. “O sistema baseado em dólares é parte do problema”, disse ele em palestra na China na semana passada. “Nós precisamos de um sistema global de reservas."

O economista americano Joseph Stiglitz: defesa de um novo sistema internacional. (Foto: Wikipedia Commons)

O próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva também manifestou suporte à proposta. "Me interesa que tenhamos mais de uma moeda de referência e que não continuemos dependendo apenas do dólar", afirmou Lula durante sua participação no encontro de cúpula do G20, em Londres, na última semana.

Lula também propôs ao presidente chinês Hu Jintao que as trocas comerciais entre os dois países passem a ser feitas tanto na moeda brasileira quanto na chinesa, a exemplo do que já acontece entre a China e a Argentina.

Consequências

Para os economistas, caso a troca de moedas fosse feita, os países emergentes – como o Brasil – sairiam ganhando.

“Para os emergentes, seria positivo. O Brasil poderia ter uma capacidade de financiamento maior a um custo menor, o que poderia aumentar o desenvolvimento econômico. As empresas e o setor público poderiam emitir títulos nessa nova moeda com aceitação mundial porque o Brasil obrigatoriamente teria participação importante nesse BC global”, afirma Leite, da Trevisan Escola de Negócios.

Já os EUA seriam os principais prejudicados. “Eles perderiam a capacidade de financiamento. Os EUA têm a vantagem de imprimir a moeda de referência. Todo o crescimento do consumo lá foi financiado pelos países emergentes, que exportam para os EUA. Na medida que a moeda mude, eles precisariam fazer o que os demais países fazem: equilibrar sua conta fiscal”, projeta o professor.

Lula durante encontro com o Presidente da China, Hu Jintao durante a cúpula do G20, na última semana (Foto: Ricardo Stuckert / Presidência).

Outro problema é que a troca poderia gerar inflação nos EUA. “Existe um excesso de liquidez de dólares no mercado. A medida que se fizesse essa transação, o dólar começaria a sobrar, voltaria ao país de origem e provavelmente geraria uma inflação interna”, diz Nogami, do Ibmec.

Levando em conta essas desvantagens, os EUA não iriam querer bloquear o processo? Para Leite, é “claro que eles EUA vão lutar contra isso", embora o país não possa unilateralmente forçar sua vontade. "Eles têm que levar em conta o que outros parceiros relevantes, como a China e os emergentes, pensam. Esse é um processo inexorável."

Exemplo europeu

Além disso, até os EUA poderiam se beneficiar de alguns aspectos da troca. “A Europa unificou a moeda porque o comércio era grande entre os países, mas eles tinham uma barreira nas operações cambiais. Isso aumentava custos e tornava o comércio menos fluido. Do mesmo modo, a tendência mundial é que chegue um ponto onde as vantagens dessa troca superem as desvantagens”, analisa o professor do Ibmec.

O próprio presidente do BC chinês, Zhu Xiaochuan, diz que a adoção de uma nova moeda poderia ajudar os EUA, uma vez que ajudaria a evitar futuras crises. Segundo ele, como outros países criaram suas reservas comprando dólares americanos, o Fed conseguiu “manter uma política irresponsável nos anos recentes, mantendo os juros baixos por tempo demais, o que ajudou a criar uma bolha no mercado imobiliário” – um dos principais motivos para a atual turbulência econômica.

http://g1.globo.com/Noticias/Economia_Negocios/0,,MUL1072414-9356,00-TROCA+DO+DOLAR+POR+NOVA+MOEDA+MUNDIAL+E+TENDENCIA+AVALIAM+ANALISTAS.html

 

Mais informações:

http://en.wikipedia.org/wiki/World_currency

http://www.futureworldcurrency.com/

http://www.singleglobalcurrency.org/

 

Seria possível um Governo Mundial?

Filed Under (Governo Mundial) by Geração Maranata on 02-08-2010

Tag:

por Geração Maranata

“Um governo mundial” envolveria muito mais do que a cooperação entre as nações. Seria uma entidade com características semelhantes estado, apoiado por um corpo de leis. A União Européia já estabeleceu um governo continental com 27 países, o que poderia ser um modelo. A UE tem uma suprema corte, uma moeda, milhares de páginas de lei, um grande serviço civil e a capacidade de implantar a força militar”.

A União Européia tem moeda própria e Banco Central, tem leis próprias, servidores públicos, uma Suprema Corte. É, literalmente, um governo de 27 países. Não extirpou a soberania de seus membros, mas criou uma nova camada comum de governança.

Rachman, editor do Financial Time, se pergunta se o modelo UE é expansível. Seria possível um governo mundial? Segundo ele é possível sim:

“Em primeiro lugar, está cada vez mais claro que as questões mais difíceis envolvendo os governos nacionais são, por natureza, internacionais: há o aquecimento global, a crise financeira internacional e a ‘guerra ao Terror’.

Em segundo, dá para fazer. As revoluções no transporte e nas comunicações diminuíram o mundo de tal forma que, como escreveu o eminente historiador australiano Geoffrey Blainey, ‘Pela primeira vez na história, algum tipo de governo mundial é possível’. Blainey prevê uma tentativa de formar um governo assim em algum ponto dos próximos dois séculos, que é um período bem longo para ser tratado numa coluna de jornal.

Mas a terceira questão, uma mudança na atmosfera política, sugere que ‘governança global’ poderia vir mais cedo do que tarde. A crise financeira e a mudança climática pressionam os governos nacionais a buscar soluções globais mesmo em países como China e EUA, tradicionalmente guardiões violentos de sua soberania nacional.”

Rachman destaca as maiores dificuldades para um projeto dessa magnitude: políticos se elegem em eleições locais e eleições locais definem suas condutas políticas; obstáculos em países como os EUA onde a idéia de governo internacional não é popular. A própria União Européia é um exemplo, houve várias derrotas em plebiscitos.

O que importa para nós é que um governo global está sendo cogitado por especialistas no assunto. A União Européia é um exemplo de que é possível. É claro que isso não acontecerá facilmente. Levará algum tempo, como levou a UE ou … poderá ser mais rápido, caso ocorra algum acontecimento mundial que possa resultar em um mudança drástica, onde um modelo político-econômico global seja necessário.

Texto original: Edição do Financial Times

And now for a world government

By Gideon Rachman

Published: December 9 2008 02:00 | Last updated: December 9 2008 02:00

I have never believed that there is a secret United Nations plot to take over the US. I have never seen black helicopters hovering in the sky above Montana. But, for the first time in my life, I think the formation of some sort of world government is plausible.

A “world government” would involve much more than co-operation between nations. It would be an entity with state-like characteristics, backed by a body of laws. The European Union has already set up a continental government for 27 countries, which could be a model. The EU has a supreme court, a currency, thousands of pages of law, a large civil service and the ability to deploy military force.

So could the European model go global? There are three reasons for thinking that it might.

First, it is increasingly clear that the most difficult issues facing national governments are international in nature: there is global warming, a global financial crisis and a “global war on terror”.

Second, it could be done. The transport and communications revolutions have shrunk the world so that, as Geoffrey Blainey, an eminent Australian historian, has written: “For the first time in human history, world government of some sort is now possible.” Mr Blainey foresees an attempt to form a world government at some point in the next two centuries, which is an unusually long time horizon for the average newspaper column.

But – the third point – a change in the political atmosphere suggests that “global governance” could come much sooner than that. The financial crisis and climate change are pushing national governments towards global solutions, even in countries such as China and the US that are traditionally fierce guardians of national sovereignty.

Barack Obama, America’s president-in-waiting, does not share the Bush administration’s disdain for international agreements and treaties. In his book, The Audacity of Hope , he argued that: “When the world’s sole superpower willingly restrains its power and abides by internationally agreed-upon standards of conduct, it sends a message that these are rules worth following.” The importance that Mr Obama attaches to the UN is shown by the fact that he has appointed Susan Rice, one of his closest aides, as America’s ambassador to the UN, and given her a seat in the cabinet.

A taste of the ideas doing the rounds in Obama circles is offered by a recent report from the Managing Global Insecurity project, whose small US advisory group includes John Podesta, the man heading Mr Obama’s transition team and Strobe Talbott, the president of the Brookings Institution, from which Ms Rice has just emerged.

The MGI report argues for the creation of a UN high commissioner for counter-terrorist activity, a legally binding climate-change agreement negotiated under the auspices of the UN and the creation of a 50,000-strong UN peacekeeping force. Once countries had pledged troops to this reserve army, the UN would have first call upon them.

These are the kind of ideas that get people reaching for their rifles in America’s talk-radio heartland. Aware of the political sensitivity of its ideas, the MGI report opts for soothing language. It emphasises the need for American leadership and uses the term, “responsible sovereignty” – when calling for international co-operation – rather than the more radical-sounding phrase favoured in Europe, “shared sovereignty”. It also talks about “global governance” rather than world government.

But some European thinkers think that they recognise what is going on. Jacques Attali, an adviser to President Nicolas Sarkozy of France, argues that: “Global governance is just a euphemism for global government.” As far as he is concerned, some form of global government cannot come too soon. Mr Attali believes that the “core of the international financial crisis is that we have global financial markets and no global rule of law”.

So, it seems, everything is in place. For the first time since homo sapiens began to doodle on cave walls, there is an argument, an opportunity and a means to make serious steps towards a world government.

But let us not get carried away. While it seems feasible that some sort of world government might emerge over the next century, any push for “global governance” in the here and now will be a painful, slow process.

There are good and bad reasons for this. The bad reason is a lack of will and determination on the part of national, political leaders who – while they might like to talk about “a planet in peril” – are ultimately still much more focused on their next election, at home.

But this “problem” also hints at a more welcome reason why making progress on global governance will be slow sledding. Even in the EU – the heartland of law-based international government – the idea remains unpopular. The EU has suffered a series of humiliating defeats in referendums, when plans for “ever closer union” have been referred to the voters. In general, the Union has progressed fastest when far-reaching deals have been agreed by technocrats and politicians – and then pushed through without direct reference to the voters. International governance tends to be effective, only when it is anti-democratic.

The world’s most pressing political problems may indeed be international in nature, but the average citizen’s political identity remains stubbornly local. Until somebody cracks this problem, that plan for world government may have to stay locked away in a safe at the UN.

gideon.rachman@ft.com

**Geração Maranata** Se for copiar cite a Fonte!

Início | Download | Links | Contato
Misso Portas Abertas JMM ANEM
Destino Final Heart Cry Jocum Missao Total Missao Total Projeto Paraguai